Redação Pragmatismo
Lula 15/May/2019 às 12:15 COMENTÁRIOS

Ciro Gomes chama Lula de "enganador profissional" e "defunto eleitoral"

Em entrevista ao programa Provocações, comandado por Marcelo Tas, Ciro Gomes diz que Lula é um enganador profissional e um "defunto eleitoral"

Ciro Gomes chama Lula enganador profissional defunto eleitoral
Ciro Ferreira Gomes em entrevista ao programa Provocações (Imagem: Captura de tela)

O candidato derrotado à Presidência da República em 2018 Ciro Gomes (PDT) fez críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ao PT em sua participação na reestreia do programa Provocações, da TV Cultura, agora apresentado por Marcelo Tas ontem.

Ciro diz ter ficado “deprimido” ao assistir a entrevista que Lula concedeu da prisão aos jornais El País e Folha de S.Paulo pela falta de autocrítica.

Eu conheço o Lula. Ele é um encantador de serpentes, um enganador profissional. Não tem um companheiro com quem ele não tenha sido desleal ao longo da vida inteira, ele cultiva isso“, disse.

O ex-governador do Ceará voltou a falar que, se Lula se considera um preso político, deveria ter pedido asilo em alguma embaixada. “A petezada amalucada não percebe a incongruência. Se eu sou acusado falsamente e ameaçado de prisão arbitrária e política, eu iria a uma embaixada pedir asilo e denunciar. Se Lula se acha um preso político, é a única saída. Sugeri isso.”

O ex-ministro disse que o PT tem dificuldades para lidar com o fato de Lula ter se tornado um “defunto eleitoral” por conta das condenações. O ex-presidente está preso em Curitiba e foi condenado em três instâncias pelo caso do triplex na Operação Lava Jato.

No PT todo mundo sabe que do ponto de vista eleitoral o Lula é carta fora do baralho. Como manejar este defunto eleitoral é muito delicado para todos eles. Ele fez uma lei que determina que num País com quatro graus de jurisdição, no 2º grau de condenação, você perde os direitos políticos. Ele está inelegível até fazer 90 anos.”

Ciro também falou sobre Jair Bolsonaro. Disse que o presidente venceu a eleição aproveitando-se da onda antipetista e, com a facada, teve uma razão factível para não ir aos debates na TV, algo que o favoreceu, na avaliação do ex-ministro.

Significava que o mais tosco, simples e fácil de ser entendido como intérprete do antipetismo decolava. Era o Bolsonaro. Nenhum de nós, políticos, achava que ele se aguentava porque era muito vazio. Ninguém botava fé. Ele foi adiante por conta da facada, que deu a ele uma razão para não ir aos debates.”

Criticado pela esquerda por não ter declarado apoio a Fernando Haddad, candidato do PT contra Bolsonaro no 2º turno na eleição do ano passado, Ciro diz não sentir culpa e criticou o partido de Haddad citando erros da gestão de Dilma Rousseff e a escolha de Michel Temer (MDB) para a vice-presidência de Dilma.

Era só olhar para as pesquisas. Para o bolsominion, o Bolsonaro pode andar pelado na rua e isso vai ser relativizado. Assim virou o fanático do PT. Só que eu já engoli m* em nome deles demais. Mais muita. Dilma 1 e Dilma 2, por exemplo. Se ninguém sabia, eu sabia que ela não tinha experiência de nada. E o Michel Temer eu denunciei que ele rouba há mais de 30 anos. O governo dela foi um desastre transcendental e o PT apaga“, afirmou.

Assista a entrevista

Leia também:
Lula é reconhecido como preso político pela Associação Americana de Juristas
Jornalistas admitem que tema ‘Lula’ é proibido na Globo
Jornal Nacional entra para a história ao ignorar entrevista de Lula

Agência Estado

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários

  1. Pedro Carlos Malheiros Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

    TÃO DEFUNTO QUE GANHARIA AS ELEIÇÕES SE ESTAS FOSSEM HOJE E VC FUGIU PARA O EXTERIOR COMO GALINHA NAS ELEIÇÕES.

    • A.Wergutz.Flip Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

      Uma das características marcantes das seitas é a idolatria cega aos seus líderes, sempre quando a política se mistura com o fanatismo, o resultado é desastroso para a democracia.

  2. ELCIO Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

    Que pena ter que ler ou ouvir coisas assim do Ciro. Defunto eleitoral talvez seja o futuro de Ciro, por suas atitudes e, principalmente, por sua omissão na última eleição. Marina Silva já fez esse joguinho há alguns anos e todo mundo sabe o resultado. Bem ou mal, o brasileiro é burro (pra eleger o Bozo só pode ser chamado assim), mas continua não gostando de covardes e traidores e caguetas.

  3. A.Wergutz.Flip Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

    A verdade pra essa gente e como um tapa na cara....

  4. Carlos Compadre Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

    A verdade é que Ciro Gomes (lamentavelmente) é um oportunista de discurso tão quão acusa o Lula. É um cara que sempre se acovarda em torno do próprio ego e rancor partidário. Quer forçar autocrítica no governo do Lula e do PT (que realmente deveria acontecer), mas não tem ele mesmo autocrítica. Criou pra ele próprio um efeito placebo de "emissário racional do povo e dos patrões", mas na prática trouxe pra si uma figura de alguém que está constantemente negociando pra não se afogar em sua própria não definição de lado. Bota pra vice uma líder conservadora que propõe afrouxamento ambiental, perdão pra grandes fazendeiros e flexibilização de direitos de trabalhadores rurais ao mesmo tempo que propõe estar ao lado dos trabalhadores na reconquista do crescimento econômico. Não conquistou e não vai conquistar o povo estando do lado daqueles que trabalham em desfavor do povo e também não conquista a elite por não demonstrar claramente uma política de vantagens para participação privada (e elite do funcionarismo público). Por isso é um zero à esquerda, e zero à direita também. Uma neutralidade esterilizante demais pra quem recomenda-se como futuro brilhante da nação. Quer bancar o racional e articulado (que de fato tem muito potencial de ser), mas não abraça nada nem ninguém. Apenas bate no próprio ombro constantemente como se carregasse pra si a cruz da razão absoluta, trazendo somente o isolamento e frustração nas urnas.

  5. chichano goncalvez Postado em 06/Jul/2019 às 00:44

    Cada vez mais me convenço que Luiz Carlos Prestes é uma exeção (embora já falecido, infelizmente)é só lembrar das palavras dele, quando perguntado , na sua chegada do exilio, sobre Getulio Dornelles Vargas, que já era falecido na época, ele disse o seguinte: não tenho o direito de falar, de quem não tem o direito de se defender ! Ciro cria vergonha e segue o exemplo de um dos maiores da terra, Luiz Carlos Prestes.

  6. Apocalipsis 13 Postado em 06/Jul/2019 às 00:43

    Ciro se perdeu em seu autoritarismo. É um cara com formação, inteligente, mas autoritário, agressivo, desequilibrado. Mal percebeu que ele é o defunto do jogo.