Redação Pragmatismo
Geral 04/Apr/2018 às 19:00 COMENTÁRIOS

Foto de armas em carro em Brasília viraliza e causa apreensão

Em meio à tensão provocada pelo julgamento do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a manifestação do chefe do Exército brasileiro, uma foto tirada nesta quarta-feira de um carro com armas e munições expostas em Brasília causou apreensão

armas em carro em Brasília viraliza julgamento lula

Márcia Delgado, Metrópoles

Em meio à tensão provocada pelo julgamento do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a manifestação do chefe do Exército brasileiro contra a impunidade, uma foto tirada na 409 Sul no começo da manhã desta quarta-feira (4/4) viralizou nas redes sociais e causou apreensão. A imagem mostra um carro branco estacionado na superquadra com as portas abertas, armas e munições expostas no capô e parachoque.

Pelas redes, as pessoas especularam que o armamento poderia ser usado contra manifestantes de esquerda. Após o burburinho, o Metrópoles foi ao local. Por volta das 10h30 desta quarta, o veículo estava posicionado em uma das vagas da quadra. Mas sem as armas. Dentro, uma boina camuflada.

Indagado, o zelador disse que o veículo era de um integrante das Forças Armadas que chegou do trabalho no começo da manhã. Já um vizinho disse que as armas seriam usadas em atividades de pesca e caça.

O proprietário desceu no momento em que a reportagem estava no local e, ao ser questionado se o carro era dele, respondeu apressadamente: “Meu carro é público, a placa é pública, não tem problema nenhum. De cavaleiro para cavaleiro, levanto a viseira (uma saudação militar)”.

Leia também:
Chefe da Aeronáutica afirma que “não é momento de impor nossa vontade”
Villas Bôas promove a maior chantagem à Justiça brasileira desde a ditadura militar
Generais respondem chefe Villas Bôas: “aguardamos suas ordens”
Juristas e políticos reagem ao post do General Villas Bôas
O discurso criminoso de PMs em ônibus de Belo Horizonte

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários