Luis Gustavo Reis
Colunista
Política 11/Nov/2019 às 14:00 COMENTÁRIOS
Política

Os sintomas de um tempo

Luis Gustavo Reis Luis Gustavo Reis
Publicado em 11 Nov, 2019 às 14h00
sintomas tempo ódio fascismo preconceito politica
Glenn Greenwald e Augusto Nunes (reprodução)

Luis Gustavo Reis*, Pragmatismo Político

Os jornalistas são os historiadores do imediato. Fazem, diariamente, um tipo de rascunho da história atual. Imersos no tumulto do cotidiano, submetidos às pressões do registro instantâneo dos acontecimentos- diferente de nós, historiadores- falta-lhes a compreensão dos fatos em perspectiva, o tempo adequado à reflexão.

Incumbidos de informar, incorrem frequentemente em equívocos, distorções, exageros. É até compreensível, pois quem entra sete vezes por semana na casa do leitor/telespectador não está imune a dizer besteiras. Mas tenho pra mim, porém, que pior do que tudo isso é não ter a capacidade de atazanar, incomodar. Millôr Fernandes já sentenciou: “Imprensa é oposição. O resto é armazém de secos e molhados”.

Leia aqui todos os textos de Luis Gustavo Reis

Digo isso, porque resolvi assistir ao kickboxer entre Augusto Nunes e Glenn Greenwald. Confesso que tenho dificuldades em ler determinados sites ou jornalistas cujo compromisso ideológico ofusca a mínima compreensão dos fatos. Lamento, caro leitor, mas isso vale para certos artigos do Glenn e do Augusto Nunes. Não os leio há tempos, é bom destacar, posso estar desatualizado.

No entanto, considero Glenn um jornalista sério, respeitável, importante. Meu incômodo com ele está em sua empreitada, por vezes, de tentar reescrever a história ancorado na cartilha de determinados dirigentes políticos. “Ganhou o Pulitzer, Luis!” – esfregarão na minha fuça alguns amigos zangados.

Pois bem, já Augusto Nunes me dá náuseas. Não é incômodo, claro que não, é repugnância mesmo. Na real, o considero um termômetro visível da febre que adoece o país. Pra mim, ele é o sintoma de algo que o ultrapassa. A prova viva de que o Brasil está na UTI, moribundo, desenganado, vegetando.

Saiba mais:
Glenn: “Nunca havia sido agredido na minha vida. Porque adultos não se comportam assim”
Carlos e Eduardo Bolsonaro celebram soco de Augusto Nunes em Glenn Greenwald

*Luis Gustavo Reis é professor e editor de livros didáticos

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários