Redação Pragmatismo
Jair Bolsonaro 14/Mar/2019 às 15:00 COMENTÁRIOS
Jair Bolsonaro

Bolsonaro se irrita com imagem de "racista" e "ditador" que tem no exterior

Publicado em 14 Mar, 2019 às 15h00

Incomodado com a imagem de “racista, homofóbico e ditador” que tem no exterior, Jair Bolsonaro afirma que irá trocar pelo menos 15 embaixadores brasileiros e diz que cabe aos diplomatas reverter a situação e melhorar a sua imagem

Bolsonaro se irrita Imagem de racista ditador exterior
Jair Messias Bolsonaro, presidente do Brasil (Imagem: EFE)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que irá trocar pelo menos 15 embaixadores brasileiros no exterior, entre eles o embaixador brasileiro em Washington, Sérgio Amaral, que não estaria “vendendo uma boa imagem do Brasil no exterior”, de acordo com informações publicadas por jornalistas que participaram na manhã desta quarta-feira de um café com o presidente.

Amaral, embaixador aposentado e um especialista em comércio exterior, deixou a presidência da Câmara de Comércio Brasil-China para assumir a embaixada em Washington no governo de Michel Temer e foi o responsável por preparar a visita de Bolsonaro aos Estados Unidos, na próxima semana.

O presidente chega a Washington para uma visita de três dias no próximo domingo.

Saiba mais: As 10 frases mais polêmicas de Jair Bolsonaro

No café do manhã com alguns veículos, entre eles o jornal Folha de S. Paulo, a TV Globo e o site Poder360, Bolsonaro disse que não iria dar o “bilhete azul” — sinônimo de demissão — para o embaixador neste momento porque seria muito ruim fazê-lo na véspera da viagem para os Estados Unidos.

O presidente reclamou que tem no exterior uma imagem ruim e é sempre apresentado nos meios de comunicação do exterior como “racista, homofóbico e ditador”, e deu a entender que caberia aos diplomatas brasileiros reverter isso.

Dois nomes têm surgido para ocupar a embaixada em Washington: o do diplomata Nestor Forster, amigo do chanceler Ernesto Araújo, que já serve na embaixada, e o do consultor Murilo de Aragão, fundador da Arko Advice. Bolsonaro, no entanto, se negou a confirmar que os dois estariam na disputa.

De acordo com uma fonte, também deverão ser trocados os embaixadores em postos-chave para o Brasil, como Buenos Aires, Londres e a Organização das Nações Unidas (ONU), e será dado espaço para embaixadores do chamado quadro especial –os mais experientes– e que ocupavam cargos de subsecretários, por exemplo.

Ao assumir o Itamaraty, Ernesto Araújo trocou os chefes dos principais secretarias do ministério. No entanto, boa parte dos desalojados não foram ainda designados para novos cargos.

Leia também:
Um dos maiores sites de conteúdo adulto do mundo agradece a Bolsonaro
Bolsonaro, que queria Lula no SUS, pagará R$ 400 mil ao Einstein com dinheiro público
Olavo manda alunos abandonarem cargos no governo Bolsonaro
Site francês admite que Bolsonaro reproduziu acusação falsa contra Constança Rezende
Jair Bolsonaro defendeu o fim do “mimimi” do feminicídio

Reuters

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários

  1. Rosendo Postado em 05/Jul/2019 às 16:37

    Tem que trocar diplomatas por marqueteiros, porque esse bosta só faz e fala merda, não há ninguém que consiga limpar a imagem de um cara nojento que vive cagando pela boca, ainda mais com a ajuda dos filhos.

  2. Eduardo Ribeiro Postado em 05/Jul/2019 às 16:37

    O energumeno faz todo o esforço do mundo pra parecer “racista, homofóbico e ditador”, aí é eleito com essa plataforma ganhando visibilidade mundial, e quando o planeta inteiro passa a enxerga-lo justamente como “racista, homofóbico e ditador”, o que ele faz? Nada mais lógico que ameaçar 15 embaixadores...que é 7000x mais fácil e menos custoso que simplesmente deixar de transmitir pro universo a imagem de “racista, homofóbico e ditador”.

  3. tonho Postado em 06/Jul/2019 às 00:37

    é so assistir as falas desse jumento no youtube

  4. Carlos Augusto Normann Postado em 06/Jul/2019 às 00:37

    tá, mas ele é isso tudo...

  5. Roberto Pedroso Postado em 06/Jul/2019 às 00:37

    Segundo o jurista ex diplomata Rubens Ricupero(que pode ser acusado de tudo menos de ser esquerdista/comunista/bolivarista......)não é mudando os diplomatas que o mundo e a opinião publica internacional alterará sua percepção sobre aquilo que o atual presidente é!ou seja não é mudando os diplomatas que a opinião publica internacional mudará essa imagem da realidade de que o atual presidente é um sujeito classista, machista, homofobico, racista, anti democrata,defensor de privilégios e um contumaz critico odioso das minorias; afinal suas declarações, posicionamentos, afirmações e opiniões emitidas tanto agora quanto no passado percorreram o mundo e todos tomaram conhecimento das mesmas antes do estupido ter sido eleito; no mais somente no BRASIL que se tem um descaso preocupantemente absurdo para com o passado e com o peso das palavras e caráter indelével de determinadas declarações e com o que é dito pelas autoridades publicas(sejam elas de qual escalão for......)no exterior e diante da mídia internacional a memoria conta,pesa e repercute;assim sendo a imagem desfavorável do presidente estulto nada mais é do que a simples e flagrante constatação da realidade acerca de sua melancólica figura/caráter.