Redação Pragmatismo
Barbárie 15/Fev/2019 às 13:42 COMENTÁRIOS
Barbárie

Morte de jovem negro no Extra causa menos revolta que a do cachorro no Carrefour

Publicado em 15 Fev, 2019 às 13h42

A morte de um cachorro no Carrefour gerou mais indignação que a do jovem negro estrangulado no supermercado Extra. A cena do assassinato é dantesca

Morte jovem negro segurança mata-leão Extra revolta cachorro no Carrefour
Bombeiros tentaram reanimar Pedro Henrique (Imagens: O Dia | Montagem: PP)

Kiko Nogueira, DCM

A cena é dantesca.

Um jovem morreu após ser estrangulado por um segurança do hipermercado Extra na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, na tarde de quinta-feira, dia 14.

A alegação é a de que Pedro Henrique Gonzaga, de 19 anos, teria tentado roubar a arma do homem, segundo O Dia.

O segurança Davi Ricardo Moreira foi preso, mas já saiu na madrugada desta sexta da Delegacia de Homicídios.

Vai responder em liberdade.

Pedro foi imobilizado em um “mata-leão”. Deveria ter sido solto quando ficou inconsciente.

O predador largou sua presa quando era tarde demais.

Tudo foi filmado.

Está desmaiado, não está não?”, pergunta alguém.

Está sufocando ele”, diz uma mulher.

Ele está com a mão roxa”, afirma outra.

Todos obedecem quando lhes é ordenado que calem a boca.

Ninguém faz nada.

O vídeo vai ganhar likes nas redes sociais.

Pedro morreu no hospital após uma parada cardiorrespiratória. O supermercado emitiu uma nota protocolar, afirmando que os funcionários foram afastados.

Mais um que virou estatística. Bandido bom é bandido morto.

Foi sob violenta emoção, certo, doutor Moro? Talquei?

A comoção durou algumas horas e amanhã ninguém se lembrará de mais nada.

Um cachorro abatido a pauladas no Carrefour de Osasco gerou uma onda de indignação no país durante semanas, mobilizando anônimos e famosos.

Páginas e páginas no Facebook homenagearam o cão. Nenhuma será feita para exigir justiça a Pedro.

Antes que você me acuse de odiar os animais: estou fazendo apenas uma constatação.

Olhe à sua volta.

É a vida como ela é. Nada de novo sob o sol.

Pobres de nós.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários

  1. Olavo Campos Pereira Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Seja branco, negro, indio, asiatico... Enfim... Qualquer cachorro merece mais respeito do que este vírus que chamam de ser humano. Estamos nos matando, e acho q nem um planeta pros outros seres vivos vamos deixar. Lastimavel

  2. Kakau Yrvem Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    O cachorro era inocente. O cachorro não caçou a morte. O fato é que ele NÃO morreu por ser negro. Que título de matéria mais tendenciosa. Aliás se ele tivesse conseguido pegar a arma do vigilante o que teria acontecido? Só mais um vigilante, pai de família morto para entrar na estatística sobre a violência no Rio de Janeiro. E não foi por ser negro, foi por estar cometendo um crime. O segurança exagerou? Ok. Sim e responderá por isto. Mas me indignar por um ladrão a menos no mundo para matar. Pai ou mãe de família? Jamais. Seria muita hipocrisia da minha parte.

    • Suellen Campos Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

      Gostei, eu diria o mesmo!

  3. Moon Knight Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Falsa equivalência. Não há comparação entre ambos, o caso do animal foi bárbaro, o animal não estava fazendo mal a ninguém e sequer sabia o porquê estava ali, ele foi envenenado e assassinado brutalmente a pauladas. Neste caso havia a suspeita de que o jovem estava roubando, isso não justifica, mas torna a situação bastante diferente. Ambos foram casos ridículos e que merecem todo o tipo de repúdio, mas a comparação entre as situações é charlatanesca, desmedida e falaciosa.

  4. Ramon Cabelos Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    eu faria o mesmo

  5. Glória Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Agora segurança decidirá o que deve ser feito na sociedade ? O papel de segurança é prender o cidadão e acionar a policia mas pelo que eu vejo estão dando o poder a um segurança de um recinto particular . o vídeo foi fraudado sim ,

  6. Eliene Silva Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Lembram do que está na bíblia O amor de muitos si esfriariam

  7. Tiago Luís Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    A diferença é que o cachorro foi brutalmente assassinado, e esse cara aí foi detido ao furtar no mercado e morreu ao tentar pegar a arma do segurança. Nem tô ligando pra esse ladrão aí.

  8. Darth Angrake Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    O cachorro não era bandido po-rraaa kkkkk

  9. Rogério Ayres Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    O cachorro também tentou pegar a arma do segurança ?

  10. Andrew Guimarães Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    https://uploads.disquscdn.com/images/5deb3b242f092f18de8ecc5beefaa5ed3086b1018f0440f56b66257c1fc3ae14.jpg

  11. Miguel Dornaes - Virtuamigtec Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Deve ser porque um tentou tirar a arma de um vigilante, e sabemos muito bem para que ! Já o outro não fazia nada a ninguém, pura maldade. Um tem total oportunidade de escolher o que quer fazer o outro foi abandonado nas ruas e é irracional. Se alguém tenta tirar a arma de um agente da lei ou segurança, se na tentativa, acaba morrendo, foi por pura opção dele. Não sou a favor da morte dele ou de qualquer outro alguem, mas o que teria acontecido se uma pessoa em plena praça de alimentação consegue pegar a arma de um vigilante ? Só a população pode ser assaltada ou morta ?

  12. GCB Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Pois eu sofro e me revolto muito mais com os animais do que com o imbecil do ser humano que só sabe acabar com o planeta! Uma pessoa é atropelada e em 5 minutos está cheio de gente querendo ajudar. Uma criança é jogada no lixo e mesmo com a dificuldade em adotar tem uma fila de 20 pessoas na espera. Pois é, um cachorro atropelado nem é notado, só jogado de canto. Aliás mesmo não sendo atropelado ele é jogado na rua pelo simples fato de estar velho! Esse é o LIXO de ser humano e não me comove nenhum pouco...

  13. Thiago Montanha Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Até onde eu li e vi as filmagens, o rapaz tentou tirar a arma do segurança, sabe-se lá o que ele pretendia fazer se tivesse conseguido, agora o cão não apresentou risco a ninguém. Duas situações bem distintas, o segurança do cão agiu de extrema covardia, já o outro agiu em preservação a sua e as demais vidas do prédio.

  14. Wesley Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    MAIS UM SITE DE ESQUERDA QUE RECEBIA DINHEIRO DE IMPOSTOS DO GOVERNO PT, FAZENDO MI MIZADA !!! . O CACHORRO MORREU SEM FAZER NADA, O RAPAZ ESTAVA SOBRE EFEITO DE DROGAS, E TENTOU TOMAR A ARMA DE UM PORTADOR DE ARMA, INFELIZMENTE, CADA ESCOLHA TEM SUAS CONSEQUÊNCIAS. O CACHORRO NUNCA USARIA DROGAS POR LIVRE ARBÍTRIO, NEM PEGARIA EM UMA ARMA, SABE-SE LÁ COM QUAL INTENÇÃO ! ACREDITO QUE A MAIORIA QUE TEM BOM SENSO PENSOU NESSA DIFERENÇA ! AINDA ACHO QUE O MAIS INOCENTE DISSO TUDO, ERA O CACHORRO ! TUDO É, ESCOLHA E CONSEQUÊNCIA ! NÃO DÁ PRA COMPARAR UM ANIMAL IRRACIONAL, COM UM ANIMAL RACIONAL E SUAS ESCOLHAS ESTÚPIDAS NA VIDA !...I THINK SO !!!

  15. Anderson Flip Postado em 06/Jul/2019 às 00:35

    Vitima da sociedade malvada...só que não...o Brasil refutou o progressismo nas urnas!!!