Redação Pragmatismo
Política 14/Feb/2019 às 15:28 COMENTÁRIOS

Haddad janta com ator pró-impeachment que interpretou Sergio Moro

Fernando Haddad janta com Marcelo Serrado, o ator que interpretou Sergio Moro no filme “A Lei É para Todos”, e também fez campanha pelo impeachment de Dilma

Haddad janta ator pró-impeachment interpretou Sergio Moro Marcelo Serrado
Fernando Haddad e Marcelo Serrado (Imagem: Reprodução instagram)

Joaquim de Carvalho, DCM

Fernando Haddad postou em seu Instagram uma foto com o ator Marcelo Serrado, tirada ontem, depois de um jantar.

Feliz de jantar com essa fera ontem em SP!”, escreveu o ex-candidato a presidente.

Marcelo Serrado é o ator que interpretou Sergio Moro no filme “A Lei É para Todos”, e também fez campanha pelo impeachment de Dilma — estava naquela van que levou militantes de camisa amarela para protestos contra a então presidente.

Haddad correu riscos por jantar com Serrado, a quem chamou de “fera”.

Pode ser engolido por gestos como este.

Na campanha, Haddad já havia elogiado Moro e a Lava Jato.

Agora, se encontra com o intérprete do ex-juiz, e divulga com estardalhaço.

Mas, para quem aprova em Haddad a sua disposição para o diálogo, o jantar foi bem interpretado.

Vejam a grandeza do @fernandohaddadoficial posando para foto com este cara de pau”, disse um deles.

Outro comentou: “Haddad, um homem do diálogo!”, disse outro.

Mas, como nem todo eleitor demonstra a mesma boa vontade, houve críticas:

Foi corrompido no Projac! Trágico”, afirmou.

Saiba mais: Polícia Federal diz que vai manter segredo sobre quem financiou filme da Lava Jato

Não há nenhum problema de Haddad se encontrar com pessoas que não pensam como as lideranças políticas que o sustentam, e os eleitores que até brigam por ele.

Pode até se encontrar com adversários declarados.

Mas precisava enaltecer a figura, chamando-o de fera?

Talvez não fosse nem necessário postar a foto. Deixasse o ônus da divulgação para Marcelo Serrado, que estava fazendo a self quando a cena foi registrada pelo fotógrafo oficial do Instituto Lula, Ricardo Stuckert.

Quem sabe Serrado não o chamasse de fera.

Enfim, a decisão foi dele, como também serão dele os ônus e os bônus dessa escolha.

O canto da sereia já fez naufragar muito marinheiro de valor.

Já Marcelo Serrado marcou um golaço.

Colando sua imagem à de Haddad, ele resgata um pouco da credibilidade que perdeu quando se aliou ao Pato da Fiesp e aos lavajateiros.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Comentários