Redação Pragmatismo
Mulheres violadas 26/Sep/2018 às 10:24 COMENTÁRIOS

Jovem espancada pelo namorado nos EUA gravou ação

"Você não aceita que o homem tenha mais dominância do que você. Você é uma mulher, véi, tem que aceitar isso!". Gritava o namorado ao agredir a jovem

Melissa Gentz agredida namorado
Melissa Gentz depois e antes das agressões

“Por que você é tão burra assim? Para de fazer burrice, véi. Você não tem mais noção de p… nenhuma. Já te falei, véi. Para de ser burra! (…) Você não aceita o homem que tem mais dominância do que você. Você não aceita, você acha que é o homem da relação. Mas você não é, você é uma mulher, véi, tem que aceitar isso!”

As palavras acima foram ditas pelo brasileiro Erick Bretz, de 25 anos, enquanto espancava a sua namorada na cidade de Tampa, na Flórida (EUA), no último domingo (23).

Melissa Gentz ficou gravemente ferida. A jovem foi espancada porque não entregou seu celular ao agressor. Ela gravou um trecho das agressões (ouça abaixo).

Erick está preso, mas a Justiça norte-americana estipulou que o agressor pode ser liberado mediante o pagamento de uma fiança U$ 60 mil (R$ 240 mil) e a retenção de seu passaporte.

Entenda o caso

Melissa estava no domingo (23) estava na casa de Erick e eles assistiam a um filme. Segundo ela, o rapaz consumia bebida alcoólica.

“Depois de um tempo ele começou a ficar agressivo. Pedia sem parar o meu celular. Ele ficou elétrico. Eu queria dormir porque no outro dia eu tinha aula. Eu queria ir embora e ele não deixava”, disse.

Quando ela se negou a dar o celular ao homem, as agressões começaram. “Ele apertava o meu rosto, chutou o meu rosto, me puxou pelos cabelos pelo apartamento. Ele bateu a minha cara no chão”.

Erick ainda prendeu a cabeça dela entre as pernas dele, pegou um vidro de soro fisiológico e virou no rosto de Melissa.

Melissa conta que conseguiu se desvencilhar de Erick e correu para dentro do banheiro, mas ele arrombou a porta. “Para eu me livrar dele, eu entreguei o celular para ele e saí correndo para a portaria do prédio”.

Melissa disse que o porteiro chamou a polícia e uma ambulância para socorrê-la. Depois de medicada, no mesmo dia, à tarde, Melissa voltou ao apartamento de Erick para buscar os objetos pessoais. Ela estava acompanhada de dois policiais. O rapaz estava dormindo e recebeu voz de prisão.

Saiba mais detalhes sobre o caso aqui

Ouça a gravação:

Mensagem de Melissa:

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários