Redação Pragmatismo
Cinema 01/Feb/2018 às 12:48 COMENTÁRIOS

"Ele é pior que nosso pai nazista", diz irmão de Kevin Spacey

Randy Fowler volta a falar da conturbada família e dos abusos sofridos pelo pai quando criança: 'Eu fui estuprado por ele umas 50 vezes'

Kevin Spacey abusos
Kevin Spacey abusos

Randy Fowler, irmão de Kevin Spacey, concedeu sua primeira entrevista após o lançamento do livro A Moment In Time, em que narra as terríveis experiências com o pai, Thomas Fowler, que o abusou sexualmente durante toda a adolescência.

Ao jornal The Sun, Randy falou sobre as acusações de assédio contra o irmão. “Eu ouvi que Kevin entrou em uma clínica para viciados em sexo. Bem, me desculpem, mas ele está no lugar errado. O caso dele é bem mais sério”, diz.

Segundo Randy, Spacey seria pior que o pai, um homem com inclinações nazistas.

“Ele é pior, pois ele tinha dinheiro e poder, e com isso consegue ser influente”, diz. “Kevin era um rei que foi destronado com as acusações. Ele usava o poder e a riqueza para se aproveitar das pessoas.”

Em sua autobiografia, Randy afirma que, desde os 6 anos de idade, o pai o agredia fisicamente. Quando completou 14, passou a ser abusado sexualmente. “Ele me estuprava de duas a três vezes por semana, então creio que fui abusado umas 50 vezes.”

Randy conta que Spacey, contudo, teria sofrido menos nas mãos do pai, pois era protegido por ele e pela mãe.

“Toda minha vida, achei que eu protegi Kevin do meu pai. Mas não adiantou nada, pois ele é pior.”

Por fim, ele afirma que sua porta está aberta para o irmão, caso ele realmente queira se redimir. “Ele precisa pedir perdão a todos.”

Entenda

Em menos de 72 horas, o ator Kevin Spacey passou de um dos atores mais respeitados do mundo do cinema, teatro e televisão a pivô de acusações de assédio sexual, com a carreira em frangalhos e pedindo um tempo para se tratar.

Acusado por diversos rapazes de assédio, o ator perdeu seu emprego, se assumiu gay publicamente e foi removido completamente de um filme pela primeira vez na história de Hollywood.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários