Redação Pragmatismo
Lula 14/Jul/2017 às 13:48 COMENTÁRIOS

Advogados pela democracia contestam sentença de Sergio Moro

Nota dos Advogados e Advogadas pela Democracia, Justiça e Cidadania (ADJC) afirma que sentença de Moro é mais um episódio de perseguição política que utiliza o Poder Judiciário como instrumento de lawfare: "baseada em juízo de convicção, porém sem provas"

advogados democracia contestam moro condenação lula

Jornal GGN

Por meio de nota, os Advogados e Advogadas pela Democracia, Justiça e Cidadania (ADJC) repudiaram a sentença que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e meio de prisão, afirmando que ela é mais um episódio de perseguição política que utiliza o Poder Judiciário como instrumento de lawfare.

Os advogados apontam que a condenação é “baseada em juízo de convicção, porém sem provas“, algo que é característico de Estados de Exceção.

O único propósito da sentença condenatório é criar um fato que impeça a candidatura de Lula em 2018, e dar munição à mídia golpista para tentar desgastar a imagem desta destacada liderança popular“, diz a nota. A entidade também ressalta que a sentença se soma a outros atentados aos direitos do cidadão, como a aprovação da reforma trabalhista. “A comunidade jurídica progressista não aceita essa condenação, que fere princípios fundamentais do Direito e do processo penal“, afirmam.

Leia a íntegra da nota abaixo:

advogados democracia contesta condenação lula sérgio moro

Leia também:
Enquete da Veja sobre futuro de Lula tem resultado inesperado
O resultado de Sergio Moro vs Lula é que a sociedade do cinismo perdeu a vergonha
Globo censura opinião de Chico Buarque sobre condenação de Lula
Professor da PUC desmonta argumentos de Moro para condenar Lula
Por que Sergio Moro condenou Lula sem apresentar nenhuma prova?
A repercussão internacional da condenação de Lula
Os principais trechos da condenação de Lula e o recado de Moro ao ex-presidente

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários