Redação Pragmatismo
Cinema 01/Dec/2016 às 11:25 COMENTÁRIOS

Warner Bros cancela estreia de filme após acidente aéreo da Chapecoense

'Sully': Por respeito às vítimas do acidente da Chapecoense, Warner Bros cancela estreia de filme com Tom Hanks. Dirigido por Clint Eastwood, o drama baseado em fatos reais aborda um acidente aéreo no enredo

warner bros filme acidente aéreo chapecoense

Em respeito às vítimas do acidente aéreo envolvendo o time de futebol Chapecoense nesta terça-feira (29) – que matou pelo menos 75 pessoas –, a Warner Bros. Pictures Brasil cancelou a estreia do filme Sully – O Herói do Rio Hudson, cuja estreia nos cinemas estava agendada para quinta-feira (1º) desta semana.

Dirigido por Clint Eastwood, o drama baseado em fatos aborda um acidente aéreo no enredo.

A distribuidora comunicou:

A Warner Bros. Pictures está profundamente entristecida por esta terrível notícia. A fim de sermos respeitosos com esta tragédia, tomamos a decisão de adiar a estreia de Sully: O Herói do Rio Hudson, anteriormente programada para o dia 1 de dezembro. Estendemos nossas sinceras condolências às famílias e aos entes queridos das vítimas neste triste momento.”

Não há uma nova data de estreia marcada para Sully.

O filme conta como Chesley “Sully” Sullenberger – vivido por Hanks – se tornou um herói após conseguir posar o avião danificado que ele pilotava sobre o rio Hudson, em Nova York, conseguindo salvar os passageiros e a tripulação a bordo.

Leia também:
20 jornalistas brasileiros morreram em voo da Chapecoense
Atlético Nacional pede que título seja da Chapecoense
Sobrevivente do voo da Chapecoense explica como se salvou
Piloto da Avianca revela diálogo do voo da Chapecoense com a torre de controle

Caio Delcolli, HuffPost Brasil

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários