Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mulheres violadas 14/Mar/2014 às 18:22
40
Comentários

Estudantes da UFRGS "homenageiam" mulheres com post polêmico

Estudantes da UFRGS que se definem 'de direita' e editam a página DCE Livre geram polêmica com post em "homenagem" às mulheres

Estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) provocaram polêmica ao publicar no Facebook uma “homenagem” às mulheres. No último sábado, a página do grupo chamado DCE Livre, que integra o Diretorio Central de Estudantes da Federal, publicou a foto de uma mulher seminua, em pose sensual, com uma mensagem de parabéns pelo Dia Internacional da Mulher.

dce livre mulheres ufrgs
Post da página DCE Livre causou irritação na internet (Reprodução)

Não demorou muito para o post repercutir. Uma pessoa comentou o post chamando o grupo de “bando de idiotas”. Dezenas de pessoas compartilharam, criticando a publicação. “Mais uma do DCE mais machista do Brasil”, disse um internauta. “Não foi a primeira ideia idiota que eles tiveram”, disse uma estudante. “Vergonha”, condenou outra. Um usuário escreveu: “parafraseando o Moska: se afundam tão raso que não dá nem pra tentar salvar. credo!”.

Responsável pela publicação, o estudante de Matemática Gabriel Afonso Marchesi Lopes, de 28 anos, defende o que chamou de “homenagem”. Segundo ele, o DCE Livre é um grupo de direita, que “defende a liberdade e é contra a visão quase Talibã do feminismo no Brasil”:

Quem visitar a página DCE Livre no Facebook pode ler ainda mensagens como “Feministas, unidas, jamais serão comidas”, junto com a foto do personagem peludo de Star Wars, referindo-se ao fato de que muitas ativistas não se depilam. Já no Natal, um post com outra mulher sensual vestida de Mamãe Noel também gerou polêmica, sendo visualizado por mais de 50 mil pessoas.

Agência O Globo

Recomendados para você

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 14/Mar/2014 às 19:40

    É o pior ambiente que já vivi em toda minha vida: Universidade Pública. Tudo que há de mais escroto, egocentrismo, elitista, preconceituoso numa parcela pequena de metros quadrados, aglomeram tudo que há de mais podre no futuro comando deste país. Agora eu pergunto, 28 anos fazendo Matemática ainda? E o contribuinte pagando imposto para custear o curso desse vagabundo? Profissão estudante como dizíamos no meu tempo.

    • Davi Postado em 14/Mar/2014 às 19:52

      O mundo, e o mundo universitário, felizmente não é definido pelo seu grupo social ou as pessoas que você se relaciona. A propósito, sexta-feira, vai tomar uma cervejinha com seus amigos, ajuda a aliviar a armadura do coração :)

    • renato Postado em 14/Mar/2014 às 22:51

      Mas BahTchê!!! Porque tu conviveste neste ambiente, saisse de lá homem de Deus... Quem sabe tivesse uma idéia mais legal...sobre o Universo Humano. Qual cadeira tu fez? Que época tu fez?guri...

    • Santiago Postado em 15/Mar/2014 às 10:40

      O problema não é ele ter 28 anos e estar cursando universidade, o problema é ter quase 30 anos e ter essa mentalidade de adolescente punheteiro. Quanto ao ambiente universitário, há casos e casos, cursos e cursos, estudantes e estudantes.

      • Rudinei Postado em 15/Mar/2014 às 18:26

        Santiago, antes de ler teu post tinha pensado exatamente isso...

    • G.França Postado em 15/Mar/2014 às 11:14

      A gente aqui de fora, quando Lê uma mensagem desta, fica imaginando "Não tem jeito mesmo ".

    • Eunice Escouto Postado em 15/Mar/2014 às 11:45

      Muito coerente o teu posicionamento Thiago, parabéns. Abçs.

    • Alex Back Postado em 15/Mar/2014 às 13:09

      Pois digo que foi o melhor ambiente em que vivi em toda minha vida: Universidade Federal de Santa Catarina, universidade pública e de qualidade. Há sim os babacas, que não pagam as próprias contas e não estão nem aí pra vida. Mas se engana quem pensa que este tipo de gente conseguirá se MANTER "no futuro comando deste país". Conquistar um lugar ao Sol pode ser mais fácil para alguns, se manter lá são 'outros quinhentos'. Mas lá encontrei também pessoas ótimas, cuja amizade trago como a de irmãos que escolhi, a muitos anos. Pessoas que, mesmo começando seus cursos tardiamente, por conta das dificuldades diversas da vida, hoje são ótimos profissionais, respeitados em suas áreas de trabalho. É uma pena que tenham se formado depois dos 28 anos, pois poderiam estar contribuindo com a sociedade a mais tempo, caso tivessem tido esta chance antes. O importante é que conseguiram.

      • Jaqueline Postado em 16/Mar/2014 às 00:30

        Concordo contigo. Tb frequentei universidade federal e so trago boas recordacoes de pessoas incriveis, que realmente lutam e desejam prosperar. Infelizmente, Babacas como esse estudante da UFRGS sempre existirão em qualquer lugar .

      • Thiago Teixeira Postado em 17/Mar/2014 às 22:28

        Quem acha que o ambiente universitário foi o "melhor", que conheceu "pessoas incríveis" provam que estavam totalmente a vontade pois, talvez, sejam físico-mentalmente iguais a eles. Muito bom que tenham apreciado os colegas, feito amigos, mas no meu caso não via a hora de sair daquele ninho de alto astral relembrado pela a atitude desse desocupado do DCE.

    • AnaLee Postado em 15/Mar/2014 às 13:15

      Thiago, uma pena vc ter estragado seu comentário ao colocar sobre a idade do cara; a questão jamais foi ou será essa, pois somos livres pra ir e vir, e podemos entrar numa universidade pública enquanto vida temos; a questão é que ele tem idade mental de 13 anos. E olha que nem meu filho de 14 pensa como ele.

    • Grazi Postado em 15/Mar/2014 às 15:28

      A idade não tem relevância nenhuma neste caso. Em primeiro lugar, qualquer pessoa pode ingressar na faculdade em qualquer período da vida. Em segundo lugar, o comentário dele não foi por imaturidade, mas por misoginia.

    • Thiago Lopes Postado em 15/Mar/2014 às 22:24

      Meu, que cara amargo. Deve ter tido muitas frustrações mesmo.

    • Thiago Teixeira Postado em 16/Mar/2014 às 09:57

      Foi infeliz e incompleto o comentário da idade do estudante. Quando li o post veio em mente o pessoal do Diretório Acadêmico da Universidade de cursei onde os líderes eram aqueles "profissão estudante" que ingressavam jovens, filhinhos de papai, e iam mudando de curso, reprovando, cursando 2 matérias por semestre com medo de se formar e ter que trabalhar. Passavam o dia inteiro organizando festas, colando cartazes, promovendo jogos com outros campus, enfim, um bando de vagabundo, maconheiro e me expressa ódio só de lembrar que esses eram custeados pela nação para darem um retorno a sociedade. Obviamente pessoas ingressam de todas as idades na faculdade buscando melhorar seus conhecimentos e nada tem haver com os playboy do DCE.

    • Pedro Magnol Postado em 18/Mar/2014 às 03:01

      E há idade certa para cursar faculdade? Poupe-nos de sua revolta. Nem todos possuem condições de estudar no tempo certo. Eu mesmo não pude cursar engenharia logo após terminar o ensino médio porque tive que trabalhar para me sustentar. Aos 17 anos eu passei em concurso público e está não foi a minha única realização. Hoje aos 29 anos, curso engenharia da computação no ITA, que todos sabem como é difícil o seu vestibular. Tenho pena desse pessoal que sai do ginásio, escolhe a primeira faculdade que lhe provoca interesse e acha que por isso será uma pessoa bem-sucedida.

  2. medeiros Postado em 14/Mar/2014 às 19:43

    A televisão brasileira também é machista, já que não faltam mulheres semi nuas rebolando e dançando quadradinho de 8. O post do DCE só refletiua imagem que nossa cultira tem da mulher, que diga-se de passagem, de modo geral, tem aceitado esse papel.

  3. moreno Postado em 14/Mar/2014 às 20:05

    Pensei exatamente a mesma coisa TEIXEIRA....28 anos estudando matemática (e não sabemos em que período o matemático tá, pode ser, p . e., o 2 semestre)....com mente de adolescente de fundamental ainda rsrs

  4. Esdras Pereira Alves Neto Postado em 14/Mar/2014 às 21:14

    Literalmente uns caras sem noção. E ainda o cara que publicou tinha 28 anos; mas para mim esse tipo de publicação tem postura de moleque de 15 anos, que gosta de bancar o "comedorzão". Quanta imbecilidade.

  5. Jack Postado em 15/Mar/2014 às 10:05

    Mas são reaças e estudam em escola publica? nem sabem o q é ser de direita

  6. Caio Postado em 15/Mar/2014 às 10:11

    Uau Um matematico q deve ter feito uma faculdade em mais tempo que um engenheiro.

  7. Alexandre Postado em 15/Mar/2014 às 10:27

    Esperar o que dos filhos e filhas de fazendeiros que sugam a UFRGS a anos...e dos proprios fazendeiros em seus cargos inuteis nas Fundações e repartições.

    • fabricio Postado em 15/Mar/2014 às 16:15

      sou filho de um cobrador de onibus e faço UFRGS porque entrei lá por competência e mérito.

  8. Leticia Postado em 15/Mar/2014 às 10:28

    Quanto a idade do rapaz. Qual o problema? Tem idade limite para entrar na faculdade? Quando eu estava nos primeiros semestre na UnB tinha colegas de 45, 60 anos.

    • Alex Back Postado em 15/Mar/2014 às 13:00

      Concordo plenamente! Uma coisa é o cara que postou a foto não passar de um idiota "punheteiro bancando comedor". Outra coisa são todos os estudantes sérios nas faculdades públicas. Minha mãe só conseguiu se formar em Pedagogia aos 52 anos, após 4 anos de trabalho durante o dia, sala de aula a noite e estudo em casa de madrugada. Muitas vezes a vi dormindo extenuada sobre os livros.

  9. Rafael Postado em 15/Mar/2014 às 10:43

    Esse cara realmente é um idiota. Mas, essas pessoas criticando ele pela idade são mais idiotas ainda. Existe idade agora para fazer faculdade? Meu professor de matemática entrou na faculdade com 28 anos, hoje é um dos melhores professores que eu tenho. Conheço muita gente fazendo faculdade com mais de 40 anos. A vida não é fácil como vocês pensam, a maioria dos que entram cedo em faculdade não trabalham e nem nada, são sustentados pelos pais.

  10. severino Postado em 15/Mar/2014 às 11:37

    Tremenda demonstração de desrespeito para com as mulheres e de retrocesso do pensamento do movimento estudantil. Esse babaca deve ser um filhinho de papai, que ignora por completo o mundo ai fora e só enxerga até a ponto do próprio nariz.

  11. sergio Postado em 15/Mar/2014 às 12:36

    É Sempre assim: esquecem o assunto principal e comentam o periférico. A matéria é sobre machismo, preconceito, falta de respeito, etc...

  12. Viviane Santos Postado em 15/Mar/2014 às 12:37

    O problema não é a idade, mas é a entidade representante máxima do corpo estudantil se colocar dessa forma corriqueiramente e os/as estudantes da UFRGS não se mexerem. É uma afronta a qualquer pessoa que milita nesse país, e isto deve ser combatido com discussões sérias e trabalho de base. Isso não pode representar a maioria dos/as estudantes. É ir para o enfrentamento.

  13. Pedro da Silva Postado em 15/Mar/2014 às 12:47

    No dia 13 de março a página DCE Livre UFRGS publicou: "cotas...por que ?? SOMOS TODOS IGUAIS RACISTA...é quem acha que o afro descendente é diferente e precisa de Cotas." Mas no dia 9 de março tinha publicado: "CARTÃO TRI GRATUITO NO DCE (...) Promoção exclusiva para estudantes de direito. Estudantes dos demais cursos continuarão tendo que pagar a taxa de R$8,00" hahahahahahaha Essa é nossa elite cultural!

  14. Ailson Martins Postado em 15/Mar/2014 às 13:08

    É uma grande verdade se faz Faculdade com qualquer idade, mas que esse rapaz de 28 anos não tem escrúpulo algum é outra verdade aff sem mais palavras!!

  15. Caroline Postado em 15/Mar/2014 às 13:51

    Sempre quis estudar em uma universidade federal, principalmente por não ter condições de me manter longe da minha cidade que não tem faculdade e ao mesmo tempo pagar uma particular. Entrei esse ano na UFRGS e estou achando a MAIOR BESTEIRA QUE JÁ FIZ NA VIDA! Em 3 semanas de aula estou achando tudo o que o Thiago falou e mais um pouco.

  16. Junior Postado em 15/Mar/2014 às 14:17

    Só para deixar claro: esse "DCE Livre UFRGS" na verdade pertence a um grupo chamado MEL (movimento estudantil da liberdade) e NÃO INTEGRAM a gestão atual do DCE da UFRGS. Nas ultimas eleições eles nem concorreram, e na anterior receberam cerca de 100 votos apenas. Se trata de um grupinho de menos de 10 pessoas, com ideias de extrema direita e que tenta de todas as formas se "encostar" na gestão atual do DCE, que por sinal os rejeita. A informação do texto está errada!

    • Junior Postado em 15/Mar/2014 às 14:22

      complementando: http://www.dcedeverdade.org/site/nota-de-esclarecimento-2/

  17. Marcos Postado em 15/Mar/2014 às 14:45

    Kkkkk! Bando de boyzinhos tentando polemizar pra ouriçar os esquerdistas radicais e as feministas de plantão! Acho q conseguiram! Não se muda uma sociedade através da imposição do pensamento único. Eles são minoria! E a mídia e muitas mulheres a reboque, promovem o conceito de mulher objeto. Taí o BBB!! Acho q a gente q sacanear esses caras. Mas sem ódio. Democracia é saber conviver com as diferenças de pensamento.

  18. Renata Postado em 15/Mar/2014 às 15:33

    mas só podia ser na região mais hipócrita do Brasil

  19. Elias Postado em 16/Mar/2014 às 16:33

    http://lucianoayan.com/2014/03/14/esquerdistas-da-ufes-usam-dinheiro-publico-para-promover-campanha-de-odio-contra-policiais-e-seus-aliados/

  20. Marcelly Postado em 17/Mar/2014 às 00:38

    fui na pagina do DCE..nossa..que coxinhaaaaaaas..deve ser um bando de playboy...filho de papai que nao sabe nada do mundo fora do shopping.... que do desses alunos... pelo menos tem muito comentário esculachando eles...

    • Thiago Teixeira Postado em 17/Mar/2014 às 08:14

      São os futuros empresários, gerentes, diretores e até comissionados dos cargos executivos de nosso país. Por isso a elite coxinha não querem outras mentes, oriundos de cotas, no meio de seus filhos.

  21. Pereira Postado em 17/Mar/2014 às 11:16

    Segue a carvana da falta de coerência .... agora eles criticam a exposição de um corpo feminino...mas os mesmos que criticam isso ..são os mesmos que apóiam o "funk da perifa" , que trata mulhere como pedaço de carne... aquele funk do funkeiro pago pela globo do BBB para xingar o Edir macedo. Falta de coerência é mato.

  22. Pereira Postado em 17/Mar/2014 às 12:54

    95 % dos que comentam aqui é as coxinhas e os risólis juntos. Sem ofensa a esses lanches maravilhosos e populares. Bahhhh !!!! uma coxinha bem feita é coisa boa !!!! um rosólis de carne então.