Redação Pragmatismo
Rede Globo 17/Nov/2011 às 17:14
79
Comentários

Maitê quer se livrar de Dilma, mas não dos R$ 13 mil que embolsa da Previdência

Saiba como a Srta. Proença conseguiu provar que é uma excelente atriz, pelo menos na encenação do papel de feminista

A atriz, apresentadora e pretensamente feminista Maitê Proença (aquela que conclamou os “machos selvagens” para que salvassem o Brasil de Dilma Rouseff) tem uma pensão vitalícia de 13 mil reais por ser filha de funcionário público e solteira. Está na lei, e, friamente, ela tem direito ao nosso dinheiro de contribuinte.

A SPPrev, autarquia vinculada à Secretaria de Fazenda do Estado de São Paulo, tentou suspender o benefício em 2009, com base em um trecho de um livro de Maitê dizendo que tinha vivido em relação estável por 12 anos. A declaração deveria ser suficiente para excluí-la da categoria “solteira”, no entendimento da SPPrev. Numa decisão em meados do ano passado, a Justiça brasileira suspendeu a decisão da autarquia e concedeu o direito à pensão para a Srta. Proença.

A lei complementar de 1978 garante o direito à pensão paras as filhas solteiras de servidores públicos, desde que não se casem nunca; em se unindo em matrimônio, perdem a pensão. Não há outra palavra exceto “absurdo” para qualificar a aplicação dessa lei, mais ainda no caso específico.

Leia mais

Surgida num contexto diferente, e mesmo assim já atrasada, a ideia da lei era garantir o sustento de pessoas que não conseguiriam sozinhas, desde que sejam filhas de funcionários públicos. Além disso, o anacronismo da pensão é evidente. A necessidade de ser mulher e solteira é porque, preconceituosamente, assume que a uma mulher não resta outra opção que não a de ser sustentada pelo “macho selvagem”, pai ou marido.

Que as mulheres são minoria — no sentido de representação social e participação econômica, e não numérico do termo —, não há dúvida alguma. Tampouco de que merecem atenção especial de leis contra a discriminação no ambiente de trabalho ou a agressão doméstica que as vitimiza. No Brasil, dez mulheres são mortas por dia, a esmagadora maioria pelos seus companheiros. Mas isso em nada tem relação com a pensão para filhas solteiras de servidores públicos. Não é esta uma ação afirmativa, de caráter social, apenas um privilégio.

Se há a intenção de proteger as vidas daqueles incapazes de cuidar de si mesmo por seu próprio sustento, por que o benefício é restrito a algumas categorias, em especial de funcionários públicos? Por que ela não é estendida a todos aqueles que, por qualquer motivo, não conseguem meio de subsistência? Por que Maitê tem direito, enquanto pessoas realmente excluídas, alijadas da sociedade de consumo não são contempladas?

É por demais óbvio que a atriz e apresentadora está entre os 5% mais ricos do país, por mérito próprio.

Ainda assim, a Justiça brasileira, e os brilhantes e caríssimos advogados, garantiram uma “pequena” quantia mensal para Maitê, o suficiente para seus alfinetes. É este o nosso Estado e nossa justiça, cheios de privilégios para uma pequena casta, enquanto o resto da população sequer tem acesso aos direitos básicos.

Para aqueles que lutam pela igualdade de direitos civis, que acham que o Direito deve reconhecer um fato, deve se adaptar aos tempos, a insistência e o recurso dos advogados de Maitê Proença e a consequente decisão a favor da manutenção da pensão são um enorme desserviço.

Ao achar que filhas solteiras de servidores públicos têm direito à pensão, que sai do bolso da população, a Justiça zomba mais uma vez de todos nós. E a Srta. Proença prova que é uma excelente atriz, pelo menos na encenação do papel de feminista.

Por Walter Hupsel

Posts relacionados

Comentários

  1. F.Silva Postado em 17/Nov/2011 às 18:05

    A lei deveria ser atualizada,impedindo que recebessem esses tais proventos,aqueles que tem profissão definida e reconhecida por todos os brasileiros.É inadimissível que tenhamos que sustentar pessoas que tem trabalho para seu sustento.Caso a filha do funcionário público não tivesse como se sustentar,aí sim a lei deveria ser aplicada.

    • joão trindade Postado em 14/Dec/2013 às 01:37

      Nem assim!!! A lei tem que ser iqualitária. Outra coisa, funcionário público, normalmente já foi beneficiado (nomeado, apadrinhado, etc..)!!!

    • Fabricio Postado em 05/Jan/2014 às 21:20

      Ora, que absurdo! Como assim "Caso a filha do funcionário público não tivesse como se sustentar,aí sim a lei deveria ser aplicada"? Qual o fundamento MORAL disso? Quer dizer que se eu fosse mulher e filha de funcionário público, eu poderia me dar ao luxo de ficar desempregada o resto da minha vida, sem mover uma palha para meu sustento, e receber uma pensão todo mes? É isso mesmo que você está dizendo? Essa lei não precisa ser atualizada, precisa ser revogada!

      • miriam maffei Postado em 11/Oct/2014 às 13:53

        Voce entendeu corretamente. Deixe-me dizer-lhe algo: Minha filha eh autista e inteiramente dependente de nos. Um membro da familia precisa abdicar o direito ao trabalho para ficar com ela. Em 1999 fui ao centor do INSS e perguntei a uma funcionaria sobre alguma aposentadoria que ela tivesse direito, e, ela me disse que ela teria (como qualquer deficiente!) direito a um salario minimo mas, somente se toda a renda familia fosse 1/3 do salario minimo. Eu olhei para ela e disse: Isso eh zombaria, nao? E ela, sinceramente, afirmou: Tambem acho!....Pode ser? Podes crer!

    • Rosangela Postado em 26/Jun/2014 às 13:04

      PERFEITO!! F SILVA! Sou filha solteira de professora ( falecida há um ano ) do Estado e NÃO recebo pensão NENHUMA!

  2. Carlos Postado em 17/Nov/2011 às 18:56

    Eu concordo. A lei é ridícula, assim como essa senhora, que mesmo sem precisar, vive brigando pela pensão deixada pelos pais... ou seja, grana do contribuinte.

    • RENATA Postado em 26/Jun/2014 às 17:12

      a maitê proença odeia falar do pai.. odeia o pai.. pois o pai dela matou a mãe dela.

  3. Marcus Hulk Postado em 18/Nov/2011 às 15:08

    Por favor, corrijam o texto. Esse lei não vale há séculos, não existe mais pensão vitalícia para filhas solteiras e, quando existia, era para filhas de MILITARES. Do jeito que o texto está, joga a população desavisada contra os servidores civis e atuais militares que não tem e nunca tiveram esse benefício.

    • Claudia Postado em 11/Dec/2013 às 14:11

      Também pensava assim, mas em São Paulo vigorou a Lei Complementar 180/78, abrangendo servidores civis. :(

    • ana paula moura Postado em 08/Mar/2014 às 13:12

      Marcus Hulk, correto que a lei foi extinta, mas engano seu em afirmar que SÓ AS FILHAS SOLTEIRAS DE MILITARES tinham/tem direito. Filhas solteiras de servidores civis também tinham/tem, tanto é que uma amiga recebe a pensão do pai que era delegado civil (embora ela tenha vergonha de falar).

    • teka Postado em 25/Mar/2014 às 20:37

      Mentiroso, minha vizinha recebe há 2 anos!

    • miriam maffei Postado em 11/Oct/2014 às 13:54

      Nao so militares, mas tambem de juizes,continuam a existir.

  4. Luis Soares Postado em 18/Nov/2011 às 15:27

    Maitê é remanescente, e o fato de não casar é um modo de burlar a justiça. União estável deveria cortar a pensão, mas infelizmente o termo 'casamento' ainda é poderoso.

    • miriam maffei Postado em 11/Oct/2014 às 13:57

      Qual a diferenca entre casar no cartorio e nao casar, vivendo assim mesmo debaixo de um teto como se fosse? Se, no final, a pessoa pode pleitear na justica qualquer divisao, quando em separacao?

  5. Tadeu Postado em 19/Nov/2011 às 01:03

    Como sempre digo, o pior tipo de corrupção neste país é a corrupção legal ! O privilégio, o roubo institucionalizado por lei. Em se tratando de coisa pública tudo que é imoral TEM que ser ilegal.

  6. Rita Candeu Postado em 23/Nov/2011 às 10:43

    "A lei complementar de 1978 garante o direito à pensão paras as filhas solteiras de servidores "



    repararam bem de quando foi essa Lei né?
    assim fica claro por que alguns aplaudem essa época

  7. NUNES BETO Postado em 30/Nov/2011 às 18:09

    Simplesmente uma vergonha a Maitê Proença receber essa quantia da Previdência. Assim como ela outras e outros que vivem das tetas da UNIÃO!!! E, depois querem posar como baluartes da JUSTIÇA e do combate à CORRUPÇÃO que apregoam que essa maldita corrupção só surgiu quando o PT passou a governar o BRASIL. A CORRUPÇÃO NASCEU JUNTO COM O DESCOBRIMENTO DO BRASIL E SE AFIRMOU COM A TAL DA "INDEPENDÊNCIA OU MORTE"!!

  8. Wanderley (Ley) Postado em 01/Dec/2011 às 19:38

    O Marcus Hulk está correto. Essa lei já foi derrubada se não me engano a mais de 5 anos, não existindo mais pensão vitalícia as filhas solteiras. A Srta. Proença tem direito adquirido na Lei anterior, que não está valendo mais!

    • teka Postado em 25/Mar/2014 às 20:38

      Mentira, vc. deve ser parente de militar!

  9. Mulher e Política Postado em 11/Dec/2011 às 00:25

    Lei e Lei, se ela tem esse direito, não vejo nem um problema..um politico com 3 mandado se aposenta..aqui no Brasil não se pode julgar ngm..é o pais mais 7 1 que existe..se a Maíte não recebe fica com o governo com os politicos..

    • Marisol Postado em 26/Nov/2013 às 15:50

      Ah é? Então só pq é lei vc aprova? Como se leis fossem criadas por algum tipo de Deus justo. E isso tb não significa que o exemplo que deu tb não é ruim, mas mesmo sabendo de tudo que rola nos bastidores da política, ao menos se pode usar o argumento de que o político estava em um cargo que supostamente teve que trabalhar, cumprir compromissos e "descascar um monte de abacaxi" e a dona Maitê? Absolutamente não fez nada! O "argumento" é por ser filha de pais que tiveram emprego público e por ser uma lei? Lei nitidamente criada pra proteger uma classe? Uma pessoa que tem uma carreira que já pode se sustentar e mesmo se não tivesse, seria por comodismo, já que teve toda oportunidade e condições de ter meios para se sustentar. "se a Maíte não recebe fica com o governo com os politicos"? "Grande" argumento o seu! Fica pq tudo é errado, se não houvessem leis como essa e o dinheiro voltasse pra população não ia nada pra político e governo. Como se o dinheiro gasto nessas regalias fosse "menos pior" do que ir pra regalias de políticos. Isso é antiético, aceitar tal coisa, a não ser que ela pegasse esse dinheiro e revertesse todo em alguma causa social que fizesse a diferença, mas pra gastos pessoais? Ou vc é muito burra de não se importar de bancar explorador (que não são só políticos), ou vc é a Maitê ou tem alguma regalia do tipo pra defender esse absurdo. Espero que não seja política realmente, pq são pensamentos como o seu que ajudam a parasitar dinheiro público apoiando regalia pra alguns que não fazem p nenhuma e ajudam a ficar mais ricos do que já são, ou seja um dinheiro a mais que vai ser apenas pros luxos pessoais, não pra matar fome e coisas do tipo.

    • Mário Postado em 02/Jan/2014 às 08:49

      Já que é assim, essa mulher não deveria reclamar do direito ao bolsa família!!!!!

      • miriam maffei Postado em 11/Oct/2014 às 13:59

        Sem duvida!

    • Lucia Postado em 24/Jul/2014 às 11:25

      Foi o comentário mais imbecil que eu li aqui hoje. Você acha certo uma mulher, que se diz politicamente correta, pegar 12 mil por mês do bolso público!? Por isso que existe esse complexo de vira-latas no Brasil, é gente abaixando a cabeça para rico em todos os momentos!!

  10. Sidney Postado em 03/Jan/2012 às 16:01

    A meu ver temos coisas mais serias para cuidar em nosso Pais, o direito adquirido dela ninguem tira, o que temos que fazer e cobrar e impedir que coisas desses tipo ocorra futuramente, pois sabemos como existe coorporativismo nesse paise e as leis são feitas por classes e não para o povo, portantnto parem de ficar "PROTESTANDO SENTADO" e partamos para o corpo a corpo, caso contrário estaremos discutindo a aposentadoria da "SANDY E DO JÚNIOR" daqui a 10 anos.
    Cobre do seu politico, seu voto é uma arma, pena que não é uma arma de verdade.

  11. Anamar Postado em 04/Jan/2012 às 18:32

    A Maitê, descarada viveu doze anos com o filho do Roberto Marinho de quem tem uma filha. Que despropósito receber dinheiro da previdência social. Só podia ser uma dessas lombrigas que a Rede Globo coloca no intestino grosso de sua programação! Haja estômago!

  12. Cícero Santiago Postado em 19/Jan/2012 às 16:03

    Meus caros!! Seria llindo organizar uma invasão digital educada, no blog e no twiter da senhorita e exigir que ela explique isso públicamente, não?

  13. Nicolau da Romênia Postado em 08/Mar/2012 às 09:01

    Quem recebe pensões gordas do Estado, são os ex-terroristas comunistas, bandidos e asaltantes de banco hoje no poder no Brasil!

    • Marisol Postado em 26/Nov/2013 às 15:54

      Ta bom, aí por isso vc concorda com essa parasita?? Faça-me o favor, provavelmente acha ruim bolsa família, mas bolsa luxo (regalias como esta) provavelmente não é contra... Não entendo...

  14. andre Postado em 19/Mar/2012 às 11:39

    super prostituta global...

  15. Orêncio Postado em 23/Mar/2012 às 17:50

    Nicolau da Romênia, você está corretíssimo! Aliás, alguém já disse que, ao e pedir indenização / aposentadoria, deixou de ser revolução para ser INVESTIMENTO!!!

  16. Pereirinha Postado em 25/Mar/2012 às 23:48

    A Maitê não gostar da Dilma, tudo bem, é um direito que a ela assiste, mas apoiar o Serra, quanto a questão da aposentadoria não vou entrar nesse mérito, pois é lei, e a maioria das pessoas que recebem pensão vitalicia fazem isso, inclusive, todas que conheço, todas, sem exceção.

  17. Jurandir Bezerra Postado em 06/May/2012 às 10:49

    E o mais desconcertante é que existe um pressuposto de que a arte é politizada. É mais uma prova do instinto corrupto que foi herdado dos nobres de Portugal que não respeitou o poder de Napoleão e nem da Coroa Inglesa.

  18. pablo Postado em 08/May/2012 às 10:24

    ok ok mas vamos lá agora qualquer um que falar mal de quem esta no governo seja A ou B terá sua vida devassada etc... isto me parece um pouco caça as bruxas ... apesar de não concordar com a atriz ela tem direito de falar e fica chato os governista de plantão ficar querendo desqualificar qualquer critica

  19. Jesse Postado em 09/May/2012 às 00:12

    Vivemos numa DEMOCRACIA, Maitê Proença tem o direito de apoiar quem bem entender em campanhas políticas. Quanto a pensão, caso ela realmente receba, o dinheiro não é da Presidenta Dilma e sim do Estado, da previdência social. Pensões dessas são incabíveis, mas elas são da época em que a mulher era subordinada e dependente do homem. Hoje não se aplica, pois a mulher conquistou seu devido espaço na sociedade e no mercado de trabalho. Temos tantas coisas importantes a serem votadas nesse País e que não são. Reforma Política,o processo como são indicados os ministros do STF a Reforma Política, mas nossos políticos só estão interessados em verbas parlamentares, o povo só quer saber de pedir favores aos polítcos e depois fica sentado no sofá de casa reclamando desses que foram eleitos, justo com quem eles trocaram seus votos.

  20. GILVANETE FREIRE PINTO Postado em 18/May/2012 às 23:06

    ATÉ 14 DE FEVEREIRO DE 2011 FOI CONSTADO EM MEU PRONTUARIO, UM TOTAL DE 9772 DIAS DE CONTRIBUIÇÃO PREVIDÊNCIÁRIA-SPPREV, FUI READAPTADA POR MOTIVO DE DOENÇAS: DISFONIA VOCAL , PRESSÃO ARTERIAL OSCILANTE E CONTROLADA APENAS COM USO CONSTANTE DE MEDICAÇÕES. TIVE DOIS COMEÇOS DE ENFARTE, SOFRO DE DESCONTOLE EMOCIONAL,PÂNICO, TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO. ASSINEI MINHA APOSENTADORIA DIA 18 DE JANEIRO DE 2012. DIA 26 DE ABRIL RECEBI UM COMUNICADO QUE NÃO FOI VÁLIDO TODO ESTE TEMPO PARA QUE EU PUDESSE USUFRUIR DESTA APOSENTADORIA. COMPLETEI 60 ANOS EM ABRIL. SEMPRE TRABALHEI DESDE CRIANÇA ATÉ O MOMENTO. QUE BOM SERIA SE ME FOSSE PERMITIDO ESTE GOZO, POIS JÁ ME SINTO INCAPAZ PARA EXERCER TAIS ATIVIDADES. AGRADEÇO À QUEM LER O MEU RECADO. GOSTARIA MUITO DE TER ESTE MOMENTO AGORA.GRATA.

  21. GILVANETE FREIRE PINTO Postado em 18/May/2012 às 23:11

    ESTE É O MEU COMENTÁRIO. GOSTARIA QUE FOSSE LIDO,POR FAVOR. OBRIGADA.

    • alberto fogaça Postado em 07/Jan/2014 às 17:04

      Dona Gilvanete seu comentário está ilegível.

  22. Dona da MINHA pensão Postado em 29/May/2012 às 01:54

    Assim como Maitê. EU e outras muitas mulheres recebemos pensão vitalicia sim e isso nos é de direito!Meu pai batalhou muito para tomar conta da população e morreu em serviço me garantindo o direito de receber não o dinheiro que VOCÊ contribuinte paga, mas sim o dinheiro que ele próprio investiu em vida no fundo de pensões da Caixa Beneficente Da PM...o ser humano é hipócrita demais, qualquer um daqueles que hoje julgam esta atriz ou qualquer outra pensionista, se valeria do direito adquirido de receber tal pensão!E outra coisa, não interessa se ela tem o próprio dinheiro.Vocês preferem que este dinheiro vá para a cueca de quem em Brasilia?Faça-nos um favor...arrumem sete gatinhos e cuidem de suas próprias vidas!!! Despeito e inveja causam doenças cruéis...á propósito, ninguém critica este batalhão de pessoas que vem para Sun Polo inricá e fazem cinco filhos porque o governo paga bolsa familia,vale gás e vale leite né?????

    • Dona do MEU nariz Postado em 18/Oct/2013 às 16:49

      E vc, contribui com o que para a sociedade?

    • Marisol Postado em 26/Nov/2013 às 16:46

      Ah é? Só ele investiu? Qntas pessoas passam a vida tb investindo, nem por isso tem uma lei dessas pros filhos. A profissão do seu pai certamente não é a única que coloca a vida em risco e que faz pelos outros, quantos piões de obra dão a vida tb em mega construções que nunca irão desfrutar, mtas vezes até morrem e mal vão ter uma boa aposentadoria e poder dar condições pros filhos estudarem, nem por isso tem essa regalia e são pessoas que trabalham duro e se lascam todo. Hipócrita é alguém falar como se todo policial vivesse a profissão pra defender a população, deve ser por isso que um monte de Amarildo morre por aí, ou vc tb tem a cabeça de que todo favelado é vagabundo? Seu pai pode ter sido um policial maravilhoso, não duvido, mas é ingenuidade achar que todos tem esse lema de "defender população". Já vi mentiras serem ditas pela mídia a respeito de situações q eu mesma vi pq a cena do crime foi modificada, o famoso bater pra depois perguntar, quando minha família tinha loja tinha sempre uns policiais querendo propina tb, o "cafezinho" pra não encrencar com um caminhão parado pra descarregar mercadorias e coisas q poderiam ser compreendidas e resolvidas na conversa. A verdade é q vagabundos e safados tem em toda classe, mas alguns só veem os vagabundos que convém, pq não aceita que em seu meio tb existem pessoas sem ética. E as pessoas tem que parar de achar q pq uma coisa é errada a outra deve ser aceita. E esse papo de "qualquer um aceitaria" não serve pra todos, infelizmente vc que só deve conhecer pessoas com esse tipo de pensamento, mas acredite, nem todo um mundo tem essa cabeça. Quem trabalhou foi seu pai, quem se arriscou foi ele, não vc!! Vc até poderia receber algo até um certo momento, dependendo da sua idade no momento q ele morreu, mas a vida toda??? Como se outras pessoas tb não se esfolassem trabalhando e tb não corressem riscos... Nem por isso a maioria conta com essa regalia Ou todos tem esse direito ou nenhum, agora ficar escolhendo quem merece mais ou menos é mto conveniente.

    • Filipe Postado em 04/Jan/2014 às 10:21

      Se você tirasse seu burro da sombra saberia que tem muitas outras coisas envolvidas. Não podemos cobrar retidão de políticos, se nós mesmos não temos. Quem você disse mesmo que morreu em combate? SEU PAI! Há quanto tempo? O tempo necessário para você tentar arranjar outra fonte de renda por mérito próprio. Se não concorda com as bolsas, tudo bem, é um direito seu... Mas ao seria uma hipocrisia, como você mesma falou.

    • Maria do Povo Postado em 05/Jan/2014 às 10:38

      Ridícula!

    • valsan Postado em 05/Jan/2014 às 15:34

      Jesse - Você está com a razão, eu entendo que quem ala apoia não é da nossa conta, mas ser contra projetos sociais, aí é demais, pois se ela tem pensão gorda, outro também precisa sobreviver e quanto a sua pensão, as leis é que não mudam por desinteresse dos nossos eleitos para tanto. Eleições vem e vão e o povo continua votando a Deus dará, sem consciência por preguiça de parar para analisar a fundo cada candidato. E assim vamos indo sem expectativas de melhoras. Mas quem sabe um dia??? Pensão por morte é um absurdo se a pessoa já é maior de idade e capaz! Herança somente do espólio e não de pensão que é dinheiro sim, do contribuinte. Movimento nas ruas seria um bom prato para tais mudanças a serem reivindicadas. Que tal?

    • sarahaline Postado em 25/Jun/2014 às 18:13

      Interessante que o direito é restrito a alguns tipos de funcionários. nunca vi filhas de "professores públicos estaduais brasileiros! terem direito à pensão após completarem 18 anos. O justo meso é que todos trabalhem e garantam seu sustento e parem de "mamar" nas tetas da população.

  23. Romildo Barreto Almeida Postado em 07/Jul/2012 às 09:34

    A Europa ta quebrada vçs sabem porque muitas mordomias nos temos que fazer alguma coisa pois nao vivemos democracia e tanto escandalos que da nojo ate quando, povo morrendo na porta dos hospitais e o lula e dilma com esta quadrilhas,querendo adiar julgamento dos 40 ladroes e brincadeira.

  24. Joyce Postado em 27/Sep/2012 às 07:27

    Gilvanete, infelizmente essa é uma triste realidade de quem trabalha e sustenta esse país, sinto muito mesmo por vc e espero que consiga se aposentar pq vc realmente precisa. A lei por não ter validade hj, mas quando a Maitê passou a receber a pensão, valia, não dá pra discutir isso, mas, se a pensão alimentícia em caso de mãe/pai ou ex-cônjuge pode ser revista e até revogada se for constatada a não necessidade, acho que a pensão para filhxs paga pela previdência tbm deveria. O fato dessa lei beneficiar mulheres especificamente, foi muito importante numa época em que às mulheres só restava a esperança de arranjar um bom casamento, e sem seu pai por perto, certamente (segundo o pensamento em vigor), não seria muito provável, já que todos sabem que mulheres são seres pouco racionais (contém ironia), mas acho que hj, a concessão desta pensão deveria ser revisada de acordo com a necessidade de cada pessoa, afinal, estar mamando nas tetas de qq instituição que seja é extremamente vergonhoso, uma vez que, sim, políticos corruptos tbm mamam, mas nós os colocamos lá, e pessoas realmente necessitadas não têm acesso a coisas básicas por conta do dinheiro que é desviado legal e ilegalmente.

  25. Alexandre Postado em 30/Oct/2012 às 02:19

    Enquanto isso vemos algums comentário de pessoas que acham um absurdo, um mulher miserável receber 200 reais de bolsa familía para não morrer de fome. Eh Brazilzão cuidando de quem realmente precisa.

  26. João Postado em 30/Oct/2012 às 19:11

    è o nosso Brasil, país maravilhoso e justo com os seus. Vocês acham que a Dona Maitê vai perder a bocada de 13 mil Reais ? não foi ela que fez a lei e se pode tirar proveito kkkkkkkkkkkkkkk me faz rir Brasil de governantes, Reis e Rainhas que não mudam nada.

  27. Sidnei Postado em 19/Nov/2012 às 15:59

    O pior é que faz programas onde é elogiada "a gloriosa Mayte" que vergonha,fala isso ai Faustão no seu programa.

  28. silva Postado em 24/Nov/2012 às 22:48

    Acho muito engracado a critica que fazem de quem recebe pensão,más não sabem que pra isso acontecer o funcionario paga anos e anos uma previdencia para seus dependentes terem direito,não é favor,é trabalhado mesmo e suado,pois um militar quando sai de casa não sabe se vai voltar,deveriam reclamar dos governantes e salarios absurdos sem fazerem nada,bando de INVEJOSOS!E se fossem vcs,quer dizer que não iriam aceitar a pensão se tivesem direitos a ela? Direito certo e garantido não é roubo viu. Roubo são os que alguns senhores de gravata fazem no poder publico e ninguem ver ou se ver fazem de conta que não vê.

    • Helena Postado em 17/Oct/2013 às 03:05

      silva, o cara trabalha pra garantir o quanto ele está vivo. e cá pra nós, vamos largar de enganação, o tanto que o pai de Maitê trabalhou já não cobre mais TODA A VIDA DA FILHA, vivinha da silva vivendo com a pensão. já expirou faz tempo. quem tá pagando é contribuinte sim senhora. pensão tem que ser mais regrada, somente enquanto o dependente ainda precisa da pensão. depois disso, vira putaria. ela está se aproveitando de má fé de uma brecha, uma vez que já não se casa PROPOSITALMENTE para não perder. ou seja, está enganando a mim e a você. está se aproveitando da própria lei, de uma brecha. em resumo, sendo esperta. sem essa que o papai dla trabalhou. o que ele contribuiu já expirou faz tempo. esse velho não viveu 1000 anos contribuindo pra garantir toda a vida de uma filha...ora essa. vamos parar.

    • joão trindade Postado em 14/Dec/2013 às 02:01

      O problema é a adaptação da lei. Quando a lei foi promulgada. filha solteira não era sinônimo de piranha, amante, prostituta, etc...

  29. Ana Postado em 14/Dec/2012 às 00:14

    Primeiramente que escreveu a matéria deveria se informar melhor no que diz... 1º Não é o dinheiro do povo quem paga esse beneficio e sim os policiais militares que contribuíram uma vida inteira sendo descontados em folha de seus próprios salários, para que a família seja amparada depois de sua morte. Então ninguém do povo é contribuinte de nada. Se ela ganha R$13 mil reais no minimo o pai dela deveria ser coronel... E a familia de soldados? Ganha isso? NUNCA!!! Não chega muitas vezes nem a 1 salario minimo por mês. E seja soldado ou Coronel eles pagaram para amparar a sua família. Agora, se o GOVERNO GASTOU? É problema deles! As pensionistas tem direito é direito adquirido e bem pago pelos bolsos dos seus pais. Então antes de criticarem os assuntos o qual vcs são leigos, pesquisem para não cometerem injustiças e gafes... ANTES DE CRITICAR TENTEM SABER COMO FUNCIONA REALMENTE!!! MAS PAGAR R$900,00 POR PREÇO POR MÊS (DINHEIRO ESSE SIM QUE SAEM DOS BOLSOS DOS TRABALHADORES) NINGUÉM CRITICA!!!

  30. Ana Postado em 14/Dec/2012 às 00:16

    Assim como Maitê. EU e outras muitas mulheres recebemos pensão vitalicia sim e isso nos é de direito!Meu pai batalhou muito para tomar conta da população e morreu em serviço me garantindo o direito de receber não o dinheiro que VOCÊ contribuinte paga, mas sim o dinheiro que ele próprio investiu em vida no fundo de pensões da Caixa Beneficente Da PM…o ser humano é hipócrita demais, qualquer um daqueles que hoje julgam esta atriz ou qualquer outra pensionista, se valeria do direito adquirido de receber tal pensão!E outra coisa, não interessa se ela tem o próprio dinheiro.Vocês preferem que este dinheiro vá para a cueca de quem em Brasilia?Faça-nos um favor…arrumem sete gatinhos e cuidem de suas próprias vidas!!! Despeito e inveja causam doenças cruéis…á propósito, ninguém critica este batalhão de pessoas que vem para Sun Polo inricá e fazem cinco filhos porque o governo paga bolsa familia,vale gás e vale leite né?????ANTES DE CRITICAR TENTEM SABER COMO FUNCIONA REALMENTE!!! MAS PAGAR R$900,00 POR PREÇO POR MÊS (DINHEIRO ESSE SIM QUE SAEM DOS BOLSOS DOS TRABALHADORES) NINGUÉM CRITICA!!!

    • Gustavo S Postado em 14/Dec/2012 às 09:55

      Vê-se que a dondoca da Ana é da mesma estirpe da Maitê. Odeia pobre, nordestino e vive comendo caviar as custas de uma pensão. Ê, Brasil. Ê, São Paulo.

      • Mona Postado em 16/May/2014 às 21:50

        Além de hipócrita, preconceituosa é ignorante, mistura os programas de D. Ruth com os programas atuais e a pensão das filhas de militares com a pensão de filha de juiz, de tanto que sabe. Sabe tanto que acha que o Auxílio-reclusão é por PRESO (ainda por cima matou aulas de Português)... Outra que não se casa para ficar recebendo a pensão, direito adquirido pode ser, mas usar de subterfúgio duvidoso para receber por prazo indefinido é imoral sim. O discurso de que "tem piores" não te torna "mais honesta", ou você é ou você não é honesta. Ah, mas tem um monte de homens defendendo este tipo de direito, podem ser os concubinos destas senhoritas? E por falar em pensão, Maitê recebe R$ 13, R$ 21 ou R$ 24.500,00? Pelo que sei é R$ 24.500,00. Esta lei tem vício de origem, se passou por ignorância ou má fé, resta saber. Devia ter idade limite, 30 anos e olha lá.

    • joao trindade Postado em 14/Dec/2013 às 02:11

      E você para manter o benefício é uma piranha? Conheço uma pessoa como você. que assumiu todos os Ps: parasita, piranha, prostituta. Pelo dinheiro tudo vale. Viva a hipocrisia!!!!

  31. Marilene Gomes Postado em 01/Jan/2013 às 15:44

    Se a Maite ou outra mulher qualquer tem esse direito,tem mais é que receber mesmo!!E os politicos,fazem o que com o nosso dinheiro?

    • joão trindade Postado em 14/Dec/2013 às 01:51

      No mínimo você outra sanguessuga. Agora, deveriam se tocar e ter um minimo de respeito pelos trabalhadores e sofredores que têm que sobreviver com salário mínimo. Quanto aos políticos, bem ou mal têm que fazer algo e podemos cassá-los pelo voto. E vocês, suas sanguessugas????

  32. Christiane Postado em 11/Jan/2013 às 22:30

    São muitas e muitas mulheres ganhando como a Maite e ninguém faz nada. Se dizem solteiras e não são, trabalham e ganham bem e mesmo assim recebem salário, seja quem for até mesmo das forças armadas deveria ter o benefício cortado.

  33. miriam maffei Postado em 27/Jun/2013 às 16:39

    Engraçado, meu marido foi funcionario publico, (funcionario do BANERJ) e perdeu o emprego em 1996, quando lhe faltava somente 4 anos para a aposentadoria. Temos uma filha deficient e, logo apos a demissao em massa dos funcionarios (que alguns diziam ser parasitas...naõ sei por que todo mundo não é chamado parasita, se todos trabalham de alguma forma para seu ssutento.), bem, depois do desemprego, fomos a Agencia de Jau, SP para requerermos aposentadoria por deficiencia, para minha filha e me disseram que só poderiamos receber o salrio minimo se , todos de casa ganhassem apenas 1/3 do salario minimo!!! Bem, se ha tanta gente reclamando que o salario minimo está uma miséria, como sera que eles queriam que vivessemos só com 1/3 dele para justificar o pagamento do salrio para minha filha? Isso me parece zombaria...quando voce tem uma criança deficiente, alguem de casa nao vai poder trabalhar, para ficar cuidando da criança. Tornando uma pessoa produtiva em "improdutiva". Estará certo este conceito?

  34. nhé Postado em 29/Jun/2013 às 16:35

    é um direito dela receber essa pensão... eu não posso escolher isso, azar.... é direito e ela não tá fora da lei... agora, o pai dela trabalhou pra conseguir dar essa segurança... ao contrário do monte de gente que recebe o bolsa família e reclama que não aumentou e que não tá dando nem pra comprar uma calça de 300 reais!!! Isso sim é absurdo... funcionário público não ganha bem, minha mãe não tem aumento conforme o salário mínimo, o pessoal tem que muitas vezes fazer greve pra conseguir um mínimo de aumento... ela nem contrata empregada porque o salário da empregada, com tudo ok, sairia bemmmm mais caro que ela chamar uma faxineira a cada 15 dias, já que a faxineira não precisa de carteira nem passe... e antes que os idiotas venham falar merda da minha mãe, ela trabalha muito mais que essa corja que recebe bolsa família, trabalha desde os 17 anos, tem mais de 33 anos de serviço, e não pode aposentar porque a aposentadoria é ridículo e não cobre nem o plano de saúde, já que ela precisa fazer fisioterapia porque tem lesão por esforço repetitivo causado pelo computador, tem pressão alta, diabetes e problema cardíaco... e ainda os bolsa-miséria de vagabundo sai do imposto dela... fazer o que, né... o país é dos coitadinhos... quem trabalha e merece não tem reconhecimento... por isso que eu só faço caridade com animais... eles sim, merecem algo, não os pobres ignorantes que vendem votos por bolsa miséria....

  35. Luis Paulo Postado em 01/Jul/2013 às 11:50

    E o que o Serra tem a ver com isso? O pragmatismo político é esclarecedor e ao mesmo tempo extremamente malicioso, tanta foto da Maitê por aí e numa reportagem negativa colocam ela com o Serra. Depois eles criticam as canalhices da "grande mídia", ambos utilizam as mesmas ferramentas.

  36. Sara Postado em 20/Aug/2013 às 18:43

    A lei é mais que ridícula, inescrupulosa! Sou filha de funcionário publico e solteira e perdi a pensão ao completar 21 anos! Que lei é essa que não se aplica s todos! Não que eu a queira , o correto é que ninguém a tenha!

  37. Fabio Yllen Postado em 21/Aug/2013 às 00:01

    O que tem a ver Dilma com tudo isso? Não entendi. Ela querer se livrar de Dilma tem o quê a ver com tudo isso? Que tipo de jornalismo é esse? Sejam profissionais, meus caros.

  38. Manoel Postado em 20/Nov/2013 às 10:57

    Bom dia a todo! Quanto ao recebimento de pensão por parte da Maitê ou outros dependentes de militares, gostaria de esclarecer que a lei foi revogada a partir de 2001 não concedendo mais o benefício. Acontece que no caso da Maitê e de outros favorecidos é direito adquirido, conquistado por direito deixado por seu familiar. Não gostaria de entrar no mérito de questionar se o direito é justo ou não, apenas de expressar a minha opinião em concordar que as pessoas que adquiriram o benefício tem o direito de recebê-lo, já que é legal por estar enquadrado com a lei em vigor na época.

  39. Augusta Cristina Postado em 26/Nov/2013 às 10:26

    Meu avô foi desembargador, pai de três filhas, nenhuma delas quis o benefício. Duas se casaram, com professores, profissão que elas mesmas exerciam. Uma tornou-se freira e lecionava. Outra época? Este privilégio ,pago com os nossos impostos, é um desfavor à sociedade. Benefício, para filhos incapazes de produzir , já existe e é justo. Como uma criança com Down, vai sobreviver com a falta dos pais? Uma pessoa portadora de sofrimento mental, não ajustável às regras, trabalhar como? Entre inúmeros outros casos, justo e necessário. Dondocas vadias, não é possível. Vergonha nacional.

  40. Vilma Postado em 21/Apr/2014 às 19:58

    Essa lei que a favorece foi criada na epoca que o pais estava sob ditadura militar, portanto deve ser repudiada pois foi aprovada pelos militares favorecendo a si mesmos, e isso e imoral e deveria ser ilegal, isso e "abuso de poder", e especialmente no caso dela que com certeza tem muitos recursos financeiros, portanto imoral da parte dela receber essa grana que deveria favorecer muitos brasileiros a beira da miseria, esses que ela propria rejeita a ajuda minima atraves do bolsa familia. Que vergonhoso! 2 secs · Like

  41. Lai C Postado em 16/Jun/2014 às 16:05

    Gente, a mulher já declarou para todo mundo ouvir que o dinheiro é de uma previdência privada, criada enquanto o pai dela era servidor e pagou para ter esse benefício, e não da Previdência Social, aquela de cunho federal vinculada a Assistência Social, que financia diversos programas do Governo Federal, bolsas, incentivos, auxílio doença, seguro-desemprego, etc. Pelo amor a qualquer coisa, se informem antes de criticar!

  42. João Victor Postado em 18/Jun/2014 às 21:42

    Vale lembrar que o pai da atriz pagou esse fundo de pensão durante anos. O problema não é a Maitê e, sim, a lei, que, inclusive, é bem machista, pois as mulheres, hoje, já conseguem se sustentar muito bem sem precisar de suporte masculino.

  43. Eliane Postado em 24/Jun/2014 às 13:59

    Isto é o Brasil, roubalheira e hipocrisia!!!

  44. Patricia Postado em 25/Jun/2014 às 18:48

    Eu queria que alguém calculasse quantos Auxílios Doença essa pensão pagaria num País em que o INSS não paga nem seuqer que está incapacitADO EM CADEIRADE RODAS, PORQUE ENQUANTO VC ESTIVAR FALANDO - A DESPEITO DA GRAVIDADE DA DOENÇA E DA QUANTIDADE MONSTRUOSA DE MEDICAMENTOS - VC "NÃO PERDEU A SUA CAPACIDADE LABORAL " pERÍCIA mÉDICA inss!

  45. Patricia Postado em 25/Jun/2014 às 18:50

    Quanto à capacidade intelectual da Proença acredito que depois de tamanha arguentação, não vale nem mesmo o esforço de serdiscutida! Burra!

    • Francisco do Ceará Postado em 27/Jun/2014 às 11:16

      A propósito de besteiras, vejam o que a "atriz-repórter" aprontou em Portugal ... http://www.youtube.com/watch?v=Jb-oM17bTQ4

  46. inacio Postado em 25/Jun/2014 às 20:37

    ela é uma dondoca.....muito safada com certeza.....sem desculpas......crie vergonha na cara maite....

  47. elaine savian Postado em 26/Jun/2014 às 17:17

    E são as "Maitês" que são contra a Bolsa Família que tem ajudado pessoas em condições miseráveis e comparada ao valor da pensão dessa Srta.Maitê é uma gorjeta e assim caminha o Povo brasileiro...

  48. cezar Postado em 28/Jun/2014 às 10:48

    ou seja, não é uma atriz, é uma à toa.

  49. Esmael Leite da Silva Postado em 25/Jul/2014 às 16:55

    Na verdade agora em 24/07/2014 já aumentou para mais de 24 mil reais, ver http://consultor-juridico.jusbrasil.com.br/noticias/158225/maite-proenca-consegue-na-justica-furar-teto-de-pensao

O e-mail não será publicado.