Lucio Massafferri Salles
Colunistas 03/Ago/2022 às 11:53 COMENTÁRIOS
Colunistas

Guerra híbrida, revolução colorida e neogolpismo (2013 - 2018/Brasil)

Lucio Massafferri Salles Lucio Massafferri Salles
Publicado em 03 Ago, 2022 às 11h53

É urgente e necessário buscar entender os conceitos/fenômenos das guerras híbridas e das revoluções coloridas, os neogolpes, contextualizando-as nos casos ocorridos na América Latina, em especial no Brasil (2013 – 2018)

 

Livro de Mateus Mendes de Souza.

No dia 2 de agosto, terça-feira passada, tive o prazer de bater um papo com o colega, professor e pesquisador, Mateus Mendes, no meu canal Portal Fio do Tempo.
O tema do encontro está presente nos estudos que ambos vêm desenvolvendo, há alguns anos, em áreas de pesquisa distintas:

Tratamos do conceito/fenômeno das guerras híbridas e o que delas resulta, os seus objetivos e propósitos quando são deflagradas por uma nação poderosa, não só militarmente, mas, também, no campo das tecnologias de comunicação e informação (TIC), assim como na aplicação de avançados instrumentos de manipulação psicológica de massas.

Um tombo, uma queda, um duro golpe (2013 – 2018 / Brasil) orquestrado de um modo até então desconhecido, foi o que acabou nos aproximando.

Guerra Híbrida e Neogolpismo – conversa de Lucio Massafferri Salles com Mateus Mendes.

As armas usadas para buscarmos lançar alguma luz de compreensão sobre a eclosão das manifestações de Junho de 2013, até as eleições de 2018 (o que não significa trégua), foram forjadas na suspeita, na desconfiança e na percepção de cidadãos/ãs que respiram a vida política do seu País, de que o processo de desenvolvimento do Brasil, então livre do mapa da fome, foi estrategicamente sabotado e interrompido.

Artigos de Lucio Massafferri Salles

O Brasil do cobiçado Pré – Sal, dos BRICS, uma terra repleta de recursos, foi alvo de um conflito híbrido.
A população brasileira foi atingida – inclusive psicossocialmente – ao ponto de mergulhar em um cenário de aguda intolerância e de desestabilização.
Na conversa/encontro de ontem, com Mateus Mendes, aproveitamos para celebrar o recém-lançamento do seu livro, “Guerra Híbrida e Neogolpsimo: geopolítica e luta de classes no Brasil (2013 – 2018)”, publicado pela Editora Expressão Popular (SP), livro esse que é fruto da sua dissertação de mestrado em Ciência Política realizado na UniRio (2019-2021).

Guerras híbridas e a arquitetura do caos I (documentário de Lucio Massafferri Salles – transmitido pela TV 247 BRASIL)

Em seu livro, Mateus oferece uma leitura profunda, original e ousada sobre os conceitos/fenômenos das guerras híbridas e das revoluções coloridas (uma de suas etapas), contextualizando-as nos casos ocorridos na América Latina, em especial do Brasil.

Leia também:

Guerras de Informação, golpes e uma crônica
Comunicação e psicologia das massas na geopolítica da internet
Artefatos semióticos e catarse do riso nas guerras híbridas

*Lucio Massafferri Salles é filósofo, psicólogo e jornalista. Doutor e mestre em filosofia pela UFRJ, especialista em psicanálise pela USU. Criador do Portal Fio do Tempo (YouTube).

→ SE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI… considere ajudar o Pragmatismo a continuar com o trabalho que realiza há 13 anos, alcançando milhões de pessoas. O nosso jornalismo sempre incomodou muita gente, mas as tentativas de silenciamento se tornaram maiores a partir da chegada de Jair Bolsonaro ao poder. Por isso, nunca fez tanto sentido pedir o seu apoio. Qualquer contribuição é importante e ajuda a manter a equipe, a estrutura e a liberdade de expressão. Clique aqui e apoie!

Recomendações

COMENTÁRIOS