Redação Pragmatismo
Eleições 2022 11/Fev/2021 às 14:21 COMENTÁRIOS
Eleições 2022

Internautas resgatam vídeo de Mainardi de joelhos pedindo provas contra Lula

Publicado em 11 Fev, 2021 às 14h21

Após protagonizar vexame em bate-boca com Haddad no Manhattan Connection, Diogo Mainardi tem vídeo clássico resgatado por internautas

mainardi joelhos provas Lula
Diogo Mainardi

Um vídeo clássico de Diogo Mainardi voltou a circular nas redes sociais nesta quinta-feira (11) após o comentarista promover um ataque raivoso e gratuito contra o professor Fernando Haddad no programa Manhattan Connection, da TV Cultura.

Nas imagens, gravadas em 2016, Mainardi aparece de joelhos pedindo provas contra Lula. Naquela época, jornalistas e integrantes da Lava Jato passavam noite e dia em busca de brechas que pudessem levar o ex-presidente à prisão.

VÍDEO:

Em 2016, o vídeo foi compartilhado por figuras de direita desesperadamente. “Por, favor compartilhem MUITO esse vídeo até chegar aos que atenderão a súplica do Diogo. Mainardi quer fechar um quebra cabeças com essa informação. Compartilhe!”, escreveu a então ativista Carla Zambelli, antes de se tornar deputada bolsonarista.

Em 2019, o jornalista Glenn Greenwald também repercutiu as mesmas imagens. “Permita-me compartilhar um pouco sobre a mídia de direita no Brasil. O nome dessa pessoa é Diogo Mainardi. Ele anunciou que Lula tem contas secretas onde ele mantinha suas propinas e implorou – a ponto de se ajoelhar – que alguém lhe enviasse as provas. Ele ainda está ajoelhado e esperando”, disse Greenwald em sua conta do Twitter.

“Poste de ladrão”

Fernando Haddad foi o convidado da última edição do Manhattan Connection e debatia com os demais participantes do programa de maneira amistosa.

O apresentador Lucas Mendes chegou a comemorar a presença do ex-ministro da Educação, dizendo que era difícil receber petistas no programa, já que, segundo ele, poucos aceitam o convite.

No entanto, tudo mudou quando Diogo Mainardi foi convocado a fazer uma pergunta. O ex-colunista da Veja assumiu imediatamente um tom grosseiro e raivoso. Ele referiu-se a Haddad como “poste de ladrão” e outros impropérios.

Mainardi promoveu uma chuva de importunação contra o convidado, que ouviu a tudo de maneira desconfortável mas esperou educadamente o seu momento de falar.

Assista:

“Pior que um Mainardi, só dois Mainardis”

O saudoso jornalista Paulo Nogueira publicou, no ano de 2014, um texto que demonstra a origem do caráter duvidoso de Diogo Mainardi.

“Quem acha que não pode haver nada de mais repulsivo que Diogo Mainardi é que não conhece seu pai, o publicitário Enio Mainardi. Enio, como seu filho, é um analfabeto político com pretensões messiânicas. O último capítulo da sua louca cavalgada é pedir aos militares que saiam dos quarteis para dar, como em 1964, um golpe militar no Brasil”, escreveu Nogueira.

Em entrevista no ano de 1988, Enio Mainardi afirmou que não usaria pessoas negras em comerciais “porque preto desvaloriza o produto anunciado”.

“Todas as vezes que um preto apareceu em comercial, ele apareceu para compor politicamente”, afirmou.

Enio Mainardi morreu em agosto do ano passado vítima de coronavírus enquanto negava a pandemia e chamava a doença de “vírus chinês”.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

COMENTÁRIOS