Redação Pragmatismo
Mulheres violadas 10/Fev/2020 às 16:15 COMENTÁRIOS
Mulheres violadas

Leandra Jennifer, mais uma vítima de feminicídio no Brasil

Publicado em 10 Fev, 2020 às 16h15

Empresário mata a esposa na frente do próprio filho, uma criança de apenas 1 ano. Leandra chegou a enviar mensagem para a mãe antes do crime, que teria sido motivado por ciúmes. Assassino permanece foragido

Leandra Jennifer Raphael
Leandra e Raphael

A fotógrafa Leandra Jennifer, de 22 anos, é mais uma vítima de feminicídio no Brasil. A jovem foi assassinada em Recife (PE) na madrugada do último domingo (9) pelo próprio marido, Raphael Cordeiro Lopes, de 32 anos.

Leandra morreu na frente do filho do casal, uma criança de apenas 1 ano de idade. Após matar a esposa, Raphael deixou o bebê na casa da babá e fugiu.

De acordo com a mãe da vítima, os dois estavam juntos em Olinda (PE) em um bloco de carnaval, no sábado (8), e o crime aconteceu depois que chegaram em casa.

Uma discussão teria se iniciado e o homem saiu. Raphael retornou para casa e eles voltaram a discutir. Até que o homem sacou um revólver calibre 38 e disparou contra a esposa.

Leandra foi socorrida por vizinhos para o Hospital Getúlio Vargas (HGV), mas não resistiu e morreu na unidade de saúde. De acordo com familiares, o casal brigava bastante e Raphael era muito ciumento.

“Ele não deixava ela trabalhar e tinha até câmeras na casa para monitorá-la. Até uma semana atrás eu tirei ela da casa dele, discuti com ele. Eu disse ‘minha filha, você não precisa disto. Você não precisa estar se submetendo a isto'”, contou Josiane, mãe de Leandra.

Na madrugada, antes de morrer, Leandra chegou a enviar uma mensagem de WhatsApp para a mãe, por volta das 4h da madrugada, relatando sobre a discussão.

O empresário Raphael Cordeiro Lopes é proprietário da casa de apostas “Recife da Sorte” e até o momento encontra-se foragido. Leandra também deixa um filho de 6 anos, fruto de um relacionamento anterior.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários