Redação Pragmatismo
Polícia Militar 15/Ago/2019 às 19:58 COMENTÁRIOS
Polícia Militar

Apresentadora da Globo chora após matéria sobre inocentes mortos por policiais

Publicado em 15 Ago, 2019 às 19h58

Reportagem sobre inocentes assassinados por policiais faz apresentadora chorar na GloboNews. Jornalista não conteve as lágrimas no momento em que garotinha fez desabafo no enterro do irmão

apresentadora Leilane Neubarth chora globonews
Leilane Neubarth

Leilane Neubarth, apresentadora da GloboNews, chorou após a exibição de uma reportagem sobre jovens mortos a tiros em operações policiais, nesta segunda-feira (14).

Depois do vídeo que mostrou crianças pedindo pelo fim dos tiroteios e da violência em comunidades carentes, a jornalista tirou os óculos do rosto e secou as lágrimas com as mãos.

“Seis jovens mortos. Seis histórias interrompidas por balas nem tão perdidas assim. Como de costume, essas balas encontraram destino no corpo dos moradores de bairros pobres e favelas do Rio”, lamentou a apresentadora.

“A última vítima estava com o filho de 1 ano e 10 meses no colo. Você vai ouvir agora o apelo de uma criança que, mesmo jovem, está cansada da violência”, disse, emocionada.

“Ao ver tantas vidas perdidas assim, nós nos perguntamos onde a sociedade errou e o que pode ser feito para mudar essa história”, desabafou Leilane.

No Twitter, Leilane comentou a repercussão do caso e o fato de ter se emocionado. “Foi muito difícil dar essa notícia. Uma mãe, de 20 anos, que juntava dinheiro para casar, foi morta com o filho de 1 ano e 10 meses no colo. A criança está no hospital.”

A jornalista diz que as lágrimas desceram com as imagens de uma garotinha chorando no enterro. “Ali que eu comecei a chorar e não consegui parar mesmo quando voltou para mim, e eu tinha que seguir com o jornal.”

“Queria meu irmão de volta”

A menina que emocionou Leilane é Sophia, de 8 anos. Segundo reportagem do jornal O Globo, trata-se de “uma criança magrinha, de fala doce”, mas que ganhou forças e, com uma oração de improviso, emocionou a todos no sepultamento do irmão, Dyogo Costa Xavier de Brito.

O adolescente foi morto com um tiro nas costas durante operação policial na Favela da Grota, em Niterói. O vídeo da prece de Sophia viralizou e já tem mais de 150 mil visualizações no Facebook.

Foi a menina que insistiu para ir ao enterro. A família chegou a pensar em não levá-la, por causa da pouca idade. Sophia escreveu uma cartinha para o irmão, em que dizia o quanto ele era lindo e o amava, que deixou dentro do caixão. À beira do túmulo, pediu para orar, e foi colocada nos ombros de um amigo.

“Queria meu irmão de volta. Só que não dá. Aí, quis orar para dar um recado a Deus. Quando eu chegar lá no céu, quero ver ele”, explica.

No cemitério, aos prantos, a menina pediu aos céus que outras pessoas não passassem por sofrimento igual, mas deu a receita para caso isso viesse a acontecer: “Sempre quando alguém estiver assim bem triste, pega as suas mãozinhas e lava o coração dele”.

Vídeo:

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários