Redação Pragmatismo
Barbárie 04/Jul/2019 às 17:25 COMENTÁRIOS

Jovem é assassinada pelos sogros diante da filha de 4 meses

Sogros matam nora e deixam bebê de 4 meses viva ao lado do corpo da mãe. Na noite anterior ao crime, vítima relatou a vizinho que estava com medo da sogra

Thais Mara dos Santos Gomes
Thais Mara dos Santos Gomes (reprodução)

Thais Mara dos Santos Gomes, de 23 anos, foi encontrada morta nesta quarta-feira (3) ao lado da filha de apenas 4 meses de idade na cidade de Primavera do Leste (MT). A jovem tinha uma faca cravada no braço e a bebê estava viva.

O marido de Thais, que é caminhoneiro e viajava a trabalho, ligou para o vizinho dizendo que não conseguia falar com ela. Ele disse que tentou várias vezes contato pelo telefone, sem sucesso.

O homem pediu para que o vizinho fosse até a casa e a procurasse. O vizinho pulou o muro, chamou por Thais, mas ela não respondia. Ele entrou pelos fundos e encontrou a porta aberta. Thais estava na sala, deitada sobre um colchão.

O vizinho chamou a polícia e os militares resgataram a bebê que, aparentemente, não tinha ferimentos. A bebê foi levada ao Conselho Tutelar de Primavera do Leste.

Uma investigação simples revelou que os autores do crime são a sogra da vítima, Marta Moraes Alves, de 50 anos, e o marido, Daniel Cirilo, sogro de Thais. A Polícia Civil não divulgou o motivo do crime.

Os policiais civis conseguiram imagens de uma câmera instalada nas proximidades da residência da vítima, em que Cirilo foi visto saindo da casa de Thais. Sogro e sogra foram presos nesta quinta-feira (4).

Cirilo e Marta foram autuados em flagrante por homicídio qualificado.

Denúncia

O delegado Pablo Borges Rigo informou que no mês de maio Thais registrou um boletim de ocorrência de injúria em desfavor de Marta Moraes. Na ocasião, Thais não quis representar preventivamente contra a sogra.

Na última segunda-feira (1/7), Marta e Cirilo registraram um boletim de ocorrência contra Thais, pelo crime de danos materiais. Segundo o BO, a nora foi até a casa dos sogros e quebrou diversos objetos.

Em depoimento, o vizinho disse que conversou com a vítima na noite anterior, na frente da casa dela. Thais teria comentado com o vizinho que recebeu ameaças de morte e estava com medo da sogra.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários