Redação Pragmatismo
Política 12/Jun/2019 às 20:55 COMENTÁRIOS

Bancada do PSL convoca e desconvoca Glenn Greenwald no mesmo dia

PSL convoca e desconvoca Glenn Greenwald para depor na Câmara. Deputados Bolsonaristas voltaram atrás após estranharem o fato de a oposição não se opor à convocação. Caso virou piada nas redes e Greenwald se manifestou

deputado daniel silveira glenn greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) (Imagem: Câmara dos Deputados)

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) protagonizou uma cena tragicômica na tarde desta quarta-feira (12) na Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados.

O parlamentar, que ficou famoso por quebrar uma placa de Marielle Franco, apresentou um requerimento para a convocação do jornalista Glenn Greenwald para prestar esclarecimentos sobre as conversas publicadas pelo site The Intercept Brasil entre o ex-juiz Sérgio Moro e os procuradores da República que atuam no âmbito da Operação Lava Jato.

Alguns minutos depois, porém, o próprio Silveira mudou de ideia sobre o requerimento. O motivo? Os deputados da oposição presentes na comissão apoiaram a convocação de Greenwald sem ressalvas.

Ao perceber que tinha feito besteira, Daniel Silveira tentou retirar de pauta o requerimento, mas não conseguiu. O deputado bolsonarista Luís Miranda (DEM-DF) disse que estava em outra comissão e foi chamado para “salvar” Daniel Silveira.

Miranda resumiu a confusão ao dizer que os deputados planejavam votar a favor da convocação de Greenwald, mas que “se a esquerda gostou, é porque é ruim”, passando então a defender a retirada. A situação gerou constrangimentos e também gargalhadas na sessão.

A presidência da Comissão chegou a avisar que iria abrir a votação, mas o deputado Daniel Silveira (PSL) foi salvo pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que abriu a ordem do dia no plenário. Com isso, todas as comissões precisam encerrar os trabalhos.

Ao declarar apoio ao requerimento, a deputada oposicionista Perpétua Almeida (PCdoB) disse, sorrindo: “voto com o meu grande amigo Daniel Silveira”.

“Olha, um membro do governo queria trazer o jornalista Glenn para cá. No final das contas, eles se deram conta de que isso não era bom para o governo porque o jornalista ia falar das traquinagens do Moro. E nós queríamos votar, mas eles não deixaram. A gente queria apoiar, pasmem, um membro do governo”, explicou a deputada.

“A bancada do PSL protagonizou mais um papelão. Apresentou requerimento para convocar Glenn Greenwald à Câmara mas, percebendo que apoiamos a iniciativa, decidiram retirar às pressas. Eles têm medo do quê?”, questionou a deputada Sâmia Bomfim.

O erro de estratégia do deputado Silveira também virou piada nas redes sociais. “Um dos momentos mais patéticos da semana (ou do mês ou do ano): deputados bolsonaristas apresentam requerimento para convocar @ggreenwald para prestar depoimento. A esquerda apoia a ideia. Aí os caras se dão conta de que dariam voz ao jornalista e retiram a proposta”, escreveu o cineasta Pablo Villaça.

Ao saber da trapalhada, o jornalista Glenn Greenwald se manifestou através de um vídeo:

Daniel Silveira (esq)

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Comentários