Redação Pragmatismo
Jair Bolsonaro 16/May/2019 às 20:10 COMENTÁRIOS

Bolsonaro comete gafes durante discurso em Dallas

Durante discurso em Dallas (EUA), Jair Bolsonaro adaptou o seu slogan, incluiu os Estados Unidos, mas esqueceu Deus. Em outro momento, presidente brasileiro referiu-se aos nascidos em Nova York como 'novaiorquines'

Bolsonaro em Dallas

Em uma viagem polêmica ao Texas (EUA), Jair Bolsonaro finalmente foi homenageado pela Câmara de Comércio Brasileira-Americana. A cerimônia aconteceu na cidade de Dallas.

Em seu discurso de agradecimento, o presidente adaptou o seu slogan — ele incluiu os Estados Unidos, mas esqueceu de Deus. “Brasil e Estados Unidos acima de tudo. Brasil acima de todos”, afirmou, ao final.

O bordão original, que Bolsonaro utilizou na campanha eleitoral e que passou a usar também no seu governo, é “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

Instantes antes, Jair Bolsonaro cometeu outra gafe ao referir-se às pessoas que nasceram na cidade de Nova York como “nova-iorquines”. Neste momento, ele gaguejou.

A homenagem a Bolsonaro estava marcada originalmente para acontecer em Nova York, mas a presença do presidente brasileiro foi descartada depois que o evento foi alvo de protestos e boicotado por diversos patrocinadores.

O próprio prefeito da cidade, Bill de Blasio, criticou Bolsonaro, afirmando que o presidente defende uma “ideologia destrutiva”.

Bolsonaro em Dallas

Em sua passagem por Dallas, no Texas (EUA), Jair Bolsonaro acumulou situações constrangedoras. Primeiro, ele surpreendeu o ex-presidente americano George W. Bush com uma visita inesperada.

Depois, a World Affairs Council, que sediou o evento de homenagem ao presidente, disse que “ele mesmo se convidou para a cerimônia”, sem explicar como se deram as negociações. O prefeito de Dallas rechaçou o presidente brasileiro e não quis cumprimentá-lo.

Saiba mais:
Prefeito de Dallas se recusa a cumprimentar Bolsonaro
Bolsonaro visita Bush sem avisar e provoca constrangimento

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários