Redação Pragmatismo
Direita 06/Sep/2018 às 15:17 COMENTÁRIOS

TSE rejeita reclamação de Bolsonaro por charge de Hitler

TSE nega direito de resposta a Bolsonaro contra charge de Adolf Hitler e Mussolini. Candidato alegava que a imagem foi publicada para ofender sua honra

TSE rejeita Bolsonaro charge de Hitler

Conjur

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral rejeitou, na sessão desta quarta-feira (4/9), pedido de direito de resposta do candidato a presidente Jair Bolsonaro. Ele pedia para ter um espaço no blog do jornalista Ricardo Noblat, hospedado no site da Veja, para responder a uma charge em que Hitler e Mussolini aparecem falando “Bolsonaro sempre!“.

O pedido já havia sido negado monocraticamente pelo ministro Carlos Horbach e o TSE julgou um recurso nesta quarta. Bolsonaro alegava que a charge foi publicada para ofender sua honra, “principalmente se levado em conta o massivo apoio” que ele diz receber da comunidade judaica brasileira. Ele também pedia para que a charge fosse retirada do ar, o que também foi negado. A editora Abril, que publica a Veja, foi representada pelos advogados da equipe eleitoral do escritório Fidalgo Advogados.

No Plenário, o ministro Horbach manteve o entendimento que expôs na liminar. “É possível presumir, sem maior esforço de interpretação, que o chargista e o jornalista que reproduz tal material em seu blog querem expressar crítica às posições do candidato nesses dois temas, o que se coloca no campo da liberdade de expressão e de opinião“, disse. Com informações da Assessoria de Imprensa do TSE.

Representação 0600946-84

Leia também:
Os detalhes da visita de Bolsonaro ao Japão não divulgados pela imprensa
“Hitler era de esquerda”, garante professor de Bolsonaro
Ministério Público investiga relação de Bolsonaro com neonazistas brasileiros
Neonazista assumido lança candidatura pelo partido de Bolsonaro
Site da Austrália elege Bolsonaro como o político mais abominável do mundo
Bolsonaro diz que não elogiou torturador após ameaças de cassação
A “foto nojenta” de Alberto Fraga e Jair Bolsonaro
Jovem que defende estupro ‘curte’ Bolsonaro e Hitler

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários