Redação Pragmatismo
Michel Temer 03/Apr/2018 às 18:56 COMENTÁRIOS

Marcela Temer comprou casa de José Yunes por R$ 800 mil

Michel Temer admite que deu R$ 800 mil para Marcela, sua esposa, comprar uma casa de José Yunes, preso pela Polícia Federal na Operação Skala

Marcela Temer comprou casa de José Yunes

Jornal GGN

Michel Temer admitiu à imprensa que repassou, em 2010, R$ 800 mil para Marcela Temer. A hoje primeira-dama, por sua vez, usou o dinheiro para comprar uma casa, no Alto de Pinheiros (SP), que pertencia a José Yunes. O ex-assessor especial chegou a ser preso na operação Skala, que investiga esquema envolvendo o decreto dos Portos.

A transação, de acordo com reportagem do G1, fez parte do interrogatório de Yunes junto à Polícia Federal. isto porque o amigo de Temer havia omitido a informação em depoimento anterior, no qual só revelou a venda de um andar comercial a Temer, também em São Paulo.

Segundo o blog de Andrea Sadi, a defesa de Yunes nega que ele tenha omitido a informação.

O inquérito apura temas do setor portuário. No primeiro depoimento, José Yunes não foi questionado sobre transações imobiliárias com familiares do presidente. Portanto, não omitiu nenhuma informação, respondeu exatamente ao que lhe foi perguntado. Não lhe pode ser exigido poderes premonitórios para responder perguntas que não foram feitas“, afirmou a defesa em nota.

Ao ser perguntado pela primeira vez sobre esse tema, Yunes esclareceu que a venda do imóvel foi realizada dentro das normas imobiliárias, pelo valor do mercado e está corretamente registrada no seu imposto de renda“, acrescentou.

Na última semana, o Supremo Tribunal Federal autorizou a liberdade de todos os presos da Skala.

Leia também:
Polícia Federal prende amigos do presidente Michel Temer
Lancha para carnaval da família Temer foi contratada sem licitação
“Não vamos pedir ‘Fora Temer’ porque não somos fantoches da esquerda”
Denúncias de Yunes comprometem Padilha, Temer e Sergio Moro
Eliseu Padilha se licencia após denúncia do “pacote de dinheiro”

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários