Redação Pragmatismo
Barbárie 25/Jan/2018 às 15:19 COMENTÁRIOS

Líder do MST é executado na frente do filho de 6 anos

Dirigente do MST e integrante do Partido dos Trabalhadores é assassinado na frente do filho de 6 anos nesta quarta-feira (24) na propriedade rural onde morava. Polícia descarta hipótese de latrocínio, pois nada foi levado da casa da vítima. Última foto postada por ele nas redes foi de abraço a Lula

líder mst executado frente filho 6 anos pt bahia
Márcio Oliveira Matos em sua última foto publicada (Imagem: Pragmatismo Político)

Na noite de quarta-feira (24), um dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e integrante do Partido dos Trabalhadores (PT), foi assassinado a tiros em sua propriedade rural, em Iramaia, na Bahia.

Investigação da Polícia Civil aponta que Márcio Matos Oliveira, de 33 anos, foi baleado na frente do filho de 6 anos. A hipótese de latrocínio já foi descartada, já que nada foi levado da propriedade.

Em publicação nas redes sociais, o governador Rui Costa (PT) afirmou que determinou à Secretaria de Segurança Pública “a imediata e rigorosa apuração do crime“.

Lamento a morte de Márcio Oliveira Matos, mais conhecido como Marcio do MST. Conhecido pela firme luta em defesa da igualdade social, ele foi assassinado no município de Iramaia. Tão logo soube da triste notícia, determinei à Secretaria de Segurança Pública a imediata e rigorosa apuração do crime. Meus sentimentos de pesar aos amigos e familiares neste momento de profunda dor”, escreveu o governador nas redes sociais.

No Facebook de Márcio Matos, há publicações desta quarta-feira, com imagens dos atos do PT em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que foi julgado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Há ainda uma foto de Márcio abraçando Lula.

Jornal do Brasil

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários