Redação Pragmatismo
Contra o Preconceito 18/Feb/2017 às 23:58 COMENTÁRIOS

Youtuber financiado por Temer faz comentários racistas e homofóbicos

Youtuber que recebeu dinheiro público fez comentários preconceituosos contra nordestinos, mulheres, negros e gays. Lukas Marques pediu desculpas após repercussão negativa. Gastos do governo Temer para jovens defenderem ensino médio na internet chegaram a R$ 295 mil

youtuber lukas marques comentários racistas

O Governo Michel Temer pagou R$ 65 mil para que Lukas Marques e seu companheiro de YouTube, Daniel Molo, falassem bem da polêmica mudança no Ensino Médio (saiba mais aqui). No total, foram desembolsados R$ 295 mil reais para youtubers elogiarem a reforma.

No perfil oficial de Lukas no Twitter é possível encontrar uma série de postagens machistas, homofóbicas, racistas e com conteúdo xenófobo. Há ainda frases que achincalham Dilma Rousseff e eleitores da ex-presidente.

Com a repercussão negativa, o youtuber logo apagou os posts, mas os internautas já haviam feito prints que agora circulam na internet.

Depois de ser muito criticado, até por quem dizia ‘admirá-lo’, Lukas as redes sociais no final da tarde desta sexta-feira (17) para pedir desculpas.

“Sobre meus tweets antigos, eu peço desculpas. Não é como eu penso e me arrependo de ter postado. Nunca tive a intenção de ofender ninguém. Não vamos mais falar sobre esse assunto. Agora é bola pra frente e fazer conteúdo legal”, disse ele no Twitter.

Recomendados para você

Comentários