Redação Pragmatismo
Compartilhar
Justiça 16/Dec/2015 às 17:19
6
Comentários

Ao vivo: Fachin lê voto sobre o rito do impeachment

Ao vivo: STF decide rito de impeachment; assista ao julgamento. Relator Fachin faz a leitura de seu voto

fachin impeachment ao vivo

Sessão deliberativa está em curso neste momento no Supremo Tribunal Federal (STF).

Discussão sobre rito do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff decorreu de provocação do PCdoB contra a comissão processante da Câmara, eminentemente oposicionista, eleita em voto secreto por determinação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Nesta terça-feira (15), líderes da oposição foram até o STF pressionar o ministro Edson Fachin a manter o rito do impeachment definido pela Câmara.

O ministro Luiz Edson Fachin já adiantou que vai propor um ritual para ser seguido pelo Congresso nas análises de pedidos de impedimento de presidentes. A intenção é acabar com os frequentes questionamentos judiciais, já que há dúvidas sobre qual legislação deve ser seguida, principalmente porque a Lei do Impeachment é de 1950 e há um debate sobre a validade dela depois da Constituição de 1988.

Abaixo, assista à sessão ao vivo:

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Trajano Postado em 16/Dec/2015 às 20:34

    Gente, reparem que os primeiros comentários nas últimas três matérias do Pragmatismo Político são do Pereira e se incluirmos seus outros infinitos codinomes, o número aumenta. Fala sinceramente, Pereira, você recebe pra fazer isso, né? Sério, não tem lógica. Ou então é tão obcecado que tá ficando doido de pedra. Eu hein... Além disso, é tanta desinformação que você propaga que até na hora de comemorar o gol da Alemanha você cria uma mistureba danada. Ainda faltam os votos de dez ministros do Supremo e fora que se um deles pedir vista do processo, putz, o início da novela será arrastado acho que pra fevereiro. E uma questão importante: agora que o golpe está em andamento, Cunha passa a ser uma figura estranha, já que seu papel foi cumprido. Provavelmente ele vai ser afastado da presidência – isso se não tiver o mandato cassado – antes do Natal. Ele não tem mais importância já que as cartas que ele precisava colocar na mesa já estão lá. Agora serão outros jogadores no processo. Até o fim dessa saga do golpe, temo pela saúde mental do Pereira. Tá ficando doido, doido... Qualquer coisa avisa pra gente se precisar de ajuda, meu filho. Estou realmente ficando preocupado com você. Agora se recebe pra fazer isso, nem Jesus dá jeito, né?

    • Guilhermo Postado em 16/Dec/2015 às 21:41

      Não são a mesma pessoa. O Pereira, estando certo ou errado, sempre tem argumentos. Os outros, como Maria Cesar Sousa André e etc são, digamos, de poucas palavras.

    • Trajano Postado em 17/Dec/2015 às 17:02

      Guilhermo, você me confundiu.

  2. João Paulo Postado em 16/Dec/2015 às 22:42

    Comentário sem nexo. Definição de rito não se confunde com mérito de impedimento.

    • Denisbaldo Postado em 17/Dec/2015 às 11:44

      Ué, mas o STF não está todo aparelhado pelo PT???

  3. Thiago Teixeira Postado em 17/Dec/2015 às 13:52

    E agora? Não vai criticar o ministro Fachin? Ele não era comedor de criancinha? Comunista? Agora ele é bom? Volto a indignação para vocês coxinhas agora.