Redação Pragmatismo
Compartilhar
Copa do Mundo 23/Jun/2014 às 10:47
30
Comentários

A boa vontade da Fifa com o neonazista invasor

Neonazista que invadiu o campo não foi perseguido por nenhum segurança e foi acompanhado para fora do gramado pelo ganês Muntari

neonazista alemanha gana
Neonazista invade jogo Alemanha vs. Gana (Foto: REUTERS/Marcelo Del Pozo)

O homem que invadiu o campo no segundo tempo da partida entre Alemanha e Gana tinha uma mensagem de teor nazista escrita no corpo. O incidente quase passou despercebido aos telespectadores porque a transmissão desviou as câmeras enquanto o homem era acompanhado para fora do gramado, mas não faltam fotografias para mostrar que a campanha da FIFA no Mundial 2014 contra o racismo está longe de ser um sucesso.

LEIA TAMBÉM: Invasor de Alemanha-Gana nega relação com o nazismo

Um número de telefone, seguido de um endereço de correio eletrônico. À primeira vista, nada de muito sério, mas um olhar mais atento revela uma realidade bem mais arrepiante: o endereço [email protected], com os dois S pintados como a sigla da organização paramilitar nazi, está a ser interpretada como “Heil Hitler SS Campo de Concentração”; e o número de telefone começa com o indicativo da Polônia, onde a Alemanha nazi ergueu o seu maior campo de extermínio, na região de Auschwitz.

A interpretação da mensagem, que começou a circular nas redes sociais, é corroborada pelo site FTBPro, criado por adeptos de futebol e parceiro da Associação de Futebolistas Profissionais.

O site de notícias da Yahoo também fala do incidente e deixa um reparo à atitude da FIFA: “Seria de esperar que os funcionários da FIFA fizessem um melhor trabalho para encontrar estas pessoas e expulsá-las do estádio. Uma campanha para erradicar o racismo não é uma verdadeira campanha se não se fizer nada de concreto para travá-lo.”

O caso é ainda mais grave porque o homem que invadiu o terreno de jogo não foi perseguido por nenhum segurança, ao contrário do que costuma acontecer quando alguém – seja homem, mulher ou criança – interrompe um jogo para abraçar ou beijar um jogador, ou apenas para se divertir durante alguns segundos.

O adepto que invadiu o campo no minuto 53 do jogo Alemanha vs. Gana entrou sem qualquer oposição e foi acompanhado pelo ganês Sulley Muntari para fora do gramado.

com informações de Público | Tradução: Pragmatismo Político

Recomendados para você

Comentários

  1. Carlos Postado em 23/Jun/2014 às 10:59

    A história que ouvi é de que ele na verdade é polonês (daí o telefone ser de lá) e tanto o telefone quanto o email são para arrecadar dinheiro para ele voltar para a Polônia. O SS na verdade seria um 44 (tanto que o telefone também tem 4 com a mesma grafia). Isso explica também a aparente tranquilidade do cara, especialmente a ser escoltado por um negro que traria repúdio se ele realmente fosse neonazista. É um absurdo que não tenham abordado ele no campo, mas essa história de que ele é neonazista é de um sensacionalismo mórbido.

    • Marcelo Postado em 23/Jun/2014 às 11:11

      Só me parece MUITA coincidência o e-mail dele ser justamente HHSSCC, que possui toda uma simbologia neonazista. E mais coincidência ainda o supsoto 44 ficar tão mal escrito a ponto de ficar parecendo um SS em runas, como as tropas nazistas usavam. Um pouco de coincidência demais, não?

    • rodrigo Postado em 23/Jun/2014 às 11:37

      Isso faz mais sentindo, do que falar que o cara é neo nazista. Mas se form mesmo não deixa de algo cômico, tipo um nazista sendo retirado do campo por um negro, seria algo bem irônico.

    • Leonardo Telles Postado em 24/Jun/2014 às 00:50

      É... um HH acoplado de SS. Sim. Não é Neonazista...

  2. Karl Postado em 23/Jun/2014 às 11:03

    Polonês neonazista???

  3. Coveite Postado em 23/Jun/2014 às 11:14

    Acho engraçado falar da Fifa como se ela fosse uma pessoa, um indivíduo, e pudesse, materialmente, instantaneamente, fazer isto ou aquilo. A organização, assim como uma empresa qualquer (supermercado, lanchonete, restaurante) conta com centenas de funcionários e basta um, um só, não fazer o seu serviço para dar merda. E aí? Quando trabalhei num banco, um gerente comentou comigo que quando o funcionário faz bem o seu trabalho, ele é um bom funcionário; quando ele faz mal o seu trabalho, é o banco que não presta.

  4. Paulo Postado em 23/Jun/2014 às 11:17

    Caramba Pragmatismo, sensacionalismo barato aqui tambem ?

  5. felipe Postado em 23/Jun/2014 às 11:23

    Pois é, no mínimo merece uma análise mais profunda essa questão. Quanto às filmagens desse tipo de atitude, eles estão certos. Por que essas pessoas fazem isso? Para aparecer. Se não há filmagens, fotos ou conhecido do ocorrido, de nada adiantou. Foi assim que diminuiu, e muito, essas intervenções de idiotas nos jogos.

  6. Lourenço Faria Postado em 23/Jun/2014 às 11:25

    Nossa que "reportagem" fraca. O cara é um polonês doido que postou os numeros do telefone dele pro pessoal doar dinheiro pra ele assistir os jogos. Não tem nada de neonazista...

  7. Kaio de Assis Ramos Postado em 23/Jun/2014 às 11:30

    Acho interessantes os comentários acima de que não passa de um sensacionalismo efêmero. E, ainda, a meu ver, não mostrar o invasor nas câmeras seria uma ação sensata no intuito de inibir seu "sucesso" em aparecer e assim desincentivar futuros invasores. Embora, claro, ele devesse ter sido abordado por seguranças.

  8. Beto Postado em 23/Jun/2014 às 12:32

    E aí vamos receber uma retratação do site caso essa noticia estiver errada? Ou posso desconsiderar este blog de vez e classifica-lo como sensacionalista enrustido?

  9. Lincoln G. Silva Postado em 23/Jun/2014 às 12:46

    Issp q eh confraternizaçao, neonazista e um negro de boas

  10. Vicente Postado em 23/Jun/2014 às 13:05

    Pode até ser um doente, mas que esse "quatro" parece um S, não dá pra negar.

  11. Vanderlei Postado em 23/Jun/2014 às 13:12

    Aparentemente nada a ver com neonazista. Uma bola fora do site. Merece retratação.

  12. André Ramos Postado em 23/Jun/2014 às 13:27

    Pragmatismo já vem com essas reportagens super sensacionalistas e falaciosas não é de hoje. Praticamente se iguala ao nível Rodrigo Constantino de paranoia.

    • ingrid Postado em 23/Jun/2014 às 18:10

      Exatamente, estão fazendo igual ao veículos que eles criticam

  13. Luciano Tchuêi Postado em 23/Jun/2014 às 13:50

    Se retrataram. Que feio passar informação sem averiguar! http://www.pragmatismopolitico.com.br/2014/06/invasor-nega-relacao-com-nazismo.html

  14. Renatto Postado em 23/Jun/2014 às 16:05

    Sinceramente, não acho que seja falácia do site, se vocês procurarem símbolos neonazi, verão que aquele SS escrito daquela maneira é um símbolo típicamente muito utilizado até hoje, e HH é ainda mais usado, muito usual ver neonazistas utilizando-o. Sem contar que atualmente, na Ucrânia e Polônia, os partidos de mais força nacional são exatamente os partidos nazistas. E escolher exatamente o jogo Alemanha (centro nazista da década de 30) e Gana (país africano predominantemente negro) seria muita coincidência. E por favor, acreditar que ele estava pedindo dinheiro é o cúmulo da inocência, ele o poderia fazer e evitar a dualidade, invadir um campo nessas circunstâncias para pedir grana soa falacioso pra mim.

  15. Edson Lima Postado em 23/Jun/2014 às 17:13

    O "CC" até poderia ser interpretado como "campo de concentração" se o rapaz falasse português. Pois em alemão é "Konzentrationslager", e, bem, já foi confirmado que o rapaz nem alemão é, mas sim polonês.

  16. Eduardo Abreu Postado em 23/Jun/2014 às 23:06

    O CARA VIROU NEO NAZISTA.....nada a ver, se fosse assim ele não seria Polonês, e nem se sujeitaria a ser tocado por um negro.... é coisa para vender notícia....

  17. Guilherme Augusto Postado em 24/Jun/2014 às 08:58

    Que vergonha, Pragmatismo. Um portal de boa qualidade que acompanho há tanto tempo se igualando ao sensacionalismo tacanha da grande mídia agora. Deviam apagar essa notícia e deixar só a outra que vocês mesmos já publicaram, sobre o cara negando envolvimento com neonazismo e explicando a situação. Vocês sabem que essa daqui não faz sentido nenhum agora.

  18. Guilherme Augusto Postado em 24/Jun/2014 às 09:00

    E detalhe: estava acompanhando pela ESPN, e os comentaristas explicaram porque a FIFA não mostra imagens do tipo. Para não incentivar esse tipo de atitude de invasão. Ela não permite que as câmeras oficiais filmem essas invasões, como cortaram as outras que houveram.

  19. gabriel Postado em 24/Jun/2014 às 09:28

    Ou vcs sao ingenuos ou racistas, mas de qualquer forma sao uns babacas... so assim para nao reparar q a forma das letras do ss esta escrito da mesma forma como as dos desgracados nazistas, e so pq o cara e um doido nao alemao, nao quer dizer q nao seja nazista... a proposito, o povo polones recebeu a ocupacao nazista de bracos abertos em 1939.

  20. Sérgio Postado em 24/Jun/2014 às 09:53

    Neo-nazista e saiu acompanhado por um jogador negro. Esse neo-nazista está muito ligth.

  21. Lucas Postado em 24/Jun/2014 às 10:11

    O assunto já foi resolvido! O PP tem que se retratar do equívoco.

  22. João Postado em 24/Jun/2014 às 14:34

    Ele abraçou o Muntari, se ele fosse neonazi essa seria a última coisa que ele faria...

  23. Henrique Postado em 24/Jun/2014 às 16:17

    Eta pêlo em ovo...

  24. Elvys Postado em 24/Jun/2014 às 16:26

    CC é abreviação de campo de concentração em Alemão ou Polonês? Paciência.

  25. Adriano Carvalho Postado em 24/Jun/2014 às 20:38

    O cara tá com um telefone da polônia e as iniciais de uma inscrição em português? (Heil Hitler SS Campo de Concentração), aham...faz muito sentido.

  26. ademar Postado em 26/Jun/2014 às 09:30

    E ai Pragmatismo, não vai se pronunciar? A maioria dos leitores questionam com veemência o Post, a reportagem fez uma acusação grave, tanto ao manifestante , quanto a FIFA, sem ter provas das afirmações, utilizando-se de práticas nada éticas e sensacionalistas, práticas estas que constantemente acusam outros veículos de comunicação de fazer uso, e os condenam.. e agora, nada de justificativas? só o silêncio?...........