Luis Soares
Colunista
Compartilhar
São Paulo 13/Jun/2013 às 12:52
20
Comentários

Vídeo flagra espancamento de jornalista pela PM em manifestação

Imagens fortes revelam a repugnante covardia de homens fardados a serviço do estado, que atacam o jornalista como abutres famintos e sedentos de sangue. Assista abaixo

pm espanca jornalista

Jornalista preso durante protesto em São Paulo foi espancando por PMs; assista ao vídeo abaixo (Foto: Agência Estado)

Vídeo divulgado na internet flagra o momento em que o jornalista Pedro Ribeiro Nogueira, de 27 anos, é duramente espancado por um grupo de policiais durante a manifestação contra o aumento da tarifa de transporte coletivo em São Paulo. Depois da agressão, ele foi detido e levado para a 78.º Distrito Policial (DP). A prisão do jornalista é contestada pela Associação Cidade Escola Aprendiz, que mantém a página na internet.

De acordo com Associação Cidade Escola Aprendiz, Nogueira trabalhava durante os protestos. Em nota, a entidade afirma que ele foi preso “errônea e injustamente”. “O que vimos foi uma ação policial baseada na truculência e na violência, o que constituiu um abuso contra as liberdades democráticas e um ataque violento à liberdade de imprensa”, afirma o documento.

Segundo a mãe de Nogueira, Beatriz Fátima Augusta Ribeiro, a prisão aconteceu por um mal-entendido. “Ele não é ligado a quadrilha alguma e não depredou nada. Estava com a namorada, indo para a casa dela, após o trabalho, quando tentou impedir que duas garotas apanhassem dos policiais. Foi levado à delegacia, todos os documentos que provavam que ele estava trabalhando foram apresentados, mas mesmo assim ele foi preso”, diz.

Leia também

A gestora institucional da associação, Solânge Costa Ribeiro, diz que o Portal Aprendiz acionou os advogados e presta apoio jurídico a Nogueira. “Ele é nosso jornalista, estava com outros dois profissionais do portal cobrindo a manifestação, como já tinha feito na cobertura da última sexta-feira, 7”, declara. Até as 16 horas, a PM ainda não havia se pronunciado sobre a prisão. Outros dois presos se identificaram como professores: Ildefonso Hipolito Penteado, de 43 anos, da rede pública estadual, e Rodrigo Cassiano dos Santos, de 24. Única mulher do grupo, uma estudante de 25 anos permaneceu no 78.º DP e deve ser encaminhada para o 89.º DP.

Assista ao vídeo do jornalista espancado por PMs:

com informações da agência Estado

Recomendados para você

Comentários

  1. Rodrigo Postado em 13/Jun/2013 às 13:41

    Denúncia à corregedoria e Ministério Público, ação penal e, ao final, a sanção que seja cabível aos mesmos, ainda que seja a exoneração. E quanto aos "passe livre" que tentaram assassinar um policial militar, gritando "LINCHA, MATA, TOMA A ARMA DELE", enquanto o apedrejavam, o policial sendo socorrido por seus pares e por parte dos manifestantes? Vão ser protegidos e escondidos pelos comparsas, haverá reclamação quanto ao valor da fiança? O pensamento do tucano Rubens Ricupero renascerá na boca do "esquerdista", sendo novamente proferido o: "o que é bom a gente mostra e o que é ruim a gente esconde"? Até o Ministro da Justiça já está reclamando da balbúrdia, do oportunismo de tantos a denegrir um movimento a princípio justo.

  2. leo Postado em 13/Jun/2013 às 14:03

    Cadeia pra polícia!!!!!

  3. Guilherme Postado em 13/Jun/2013 às 14:36

    São os cães do governo, e são muito bem treinados!

  4. Joao Postado em 13/Jun/2013 às 14:47

    Isso é igual xadrez, o políticos mandam seus peões e isso que dá, então tratem de se esperta policiadas que o povo tah prostetanto no direito deles e nosso tbm

  5. Jefferson Faria Postado em 13/Jun/2013 às 15:04

    Esta é amaneira utilizada pelos novos governantes para calar povo, continuar com a corrupção, e fazer com que aceitemos o que nos é imposto por eles...

  6. leo Postado em 13/Jun/2013 às 15:12

    Nossa, até agora não me desceu essa cena... da uma raiva alheia, que se naquele momento eu tivesse armado e naquele local, eu estouraria os miolos de todos aqueles porcos malditos. Depois a sociedade julga de marginais, os que protestam pelo bem comum... vai entender.

  7. Carrasco Postado em 13/Jun/2013 às 15:36

    Milico bom é milico morto.

  8. 1234 Postado em 13/Jun/2013 às 17:27

    Ah, vai, de verdade, claro que o que os policiais fizeram com o jornalista nao foi certo, mas os retardados quebrando metro e carros de pessoas que nada tinham a ver com isso está certo? Apedrejando os policiais que estao ali pra proteger o que restou da paulista e apopulaçao presa nos carros, me diga, isso está certo? e toda essa merda por causa de 20 centavos... são 6 reais por mes pelo amor de deus e ainda tem coragem de fala q os policiais tao errados!!

  9. Thiago Teixeira Postado em 13/Jun/2013 às 19:41

    Jornalista é curioso, como dizia o Capitão Nascimento.

  10. RB Postado em 13/Jun/2013 às 21:28

    É muito fácil mostrar só um lado da história..... nesta história não há nenhum santo

  11. Thiago Postado em 13/Jun/2013 às 23:47

    mas é de direto chará

  12. Henrique Postado em 13/Jun/2013 às 23:54

    galera tudo bem q temos q lutar por direitos assim como disse o rodrigo direitos iguais pra todos mas se formos pensa essa é a realidade dos protestos eu nao sou contra pelo contrario se eu podesse estaria la mas quem sai na rua tem q esta preparado pra tudo o governo domina os militares e isso sera usado ontem, hj , e sempre

  13. Peeh Vicente Postado em 13/Jun/2013 às 23:56

    É uma pena que um jornalista tenha que levar uma surra ou ser atingido por algum disparo de arma de borracha para contradizer a mídia manipuladora que só fala merda, bando de fantoches da burguesia que querem passar a ideia de uma polícia idônea, agora foi a vez de vocês experimentarem um pouco do veneno.. diz aí se o jornalista que estava filmando a covardia é vândalo! (risos)

  14. Túlio Pellegrini Postado em 14/Jun/2013 às 00:08

    Art. 284 do CPP: Não será permitido o emprego de força, salvo a indispensável [para a prisão] Acho que espancar alguém caido no chão é dispensável, não?

  15. José Postado em 14/Jun/2013 às 08:02

    Na moral! Brasil está uma verdadeira zona. Ninguém respeita mais ninguém! Talvez um dia esses policiais covardes vão enxergar q tdos nos estamos do mesmo lado.

  16. Raissa Postado em 14/Jun/2013 às 09:34

    ABSURDO! Que nojo que dá em ver cenas como essa... E a sensação de impotência é pior ainda! Todos temos o direito de manifestação...que ditadura é essa? Vergonha desses policiais e do Governo (a ordem para tal violência vem de cima).

  17. Zeca Postado em 17/Jun/2013 às 03:21

    Que eu saiba isso é ditadura, cadê a Dilma que não se pronuncia? Logo ela que se diz tão contrária a ditaduras.