Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Eleições 2014 08/Jun/2013 às 18:33
10
Comentários

Aprovação de Dilma cai pela 1ª vez em nova pesquisa Datafolha

Aprovação a Dilma cai pela primeira vez desde a posse e fica em 57%. Segundo Datafolha, queda de 8 pontos reflete pessimismo dos brasileiros com a economia

A popularidade da presidente Dilma Rousseff caiu pela primeira vez desde o início de seu mandato, há dois anos.

Pesquisa feita pelo Datafolha na quinta e na sexta-feira mostra que 57% da população avalia seu governo como bom ou ótimo. São 8 pontos a menos que no levantamento anterior, feito em março.

aprovação dilma datafolha eleições 2014

Popularidade da presidente cai pela primeira vez desde o início do governo. Imagem: (Editoria de Arte/Folhapress)

A presidente perdeu popularidade entre homens e mulheres, em todas as regiões do país, em todas as faixas de renda e em todas as faixas etárias, segundo o Datafolha.

Os números do Datafolha indicam que a deterioração da imagem de Dilma é um reflexo do aumento do pessimismo dos brasileiros com a situação econômica do país e mostram que a população está mais preocupada com a inflação e o desemprego.

Para 51%, a inflação vai subir. Em março, esse índice era de 45%. A mesma tendência pode ser observada em questões sobre desemprego, poder de compra do salário, situação econômica do país e do próprio entrevistado.

Apesar da queda de popularidade, a presidente Dilma Rousseff continua sendo a favorita para vencer a eleição presidencial do ano que vem.

No cenário mais provável da disputa, em que teria como adversários a ex-senadora Marina Silva (Rede), o senador Aécio Neves (PSDB) e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), Dilma teria 51% das intenções de voto, segundo o Datafolha.

Leia também

São sete pontos a menos que o verificado no levantamento anterior, de março. Mas ainda assim é o suficiente para liquidar a eleição já no primeiro turno.

Em segundo lugar, com os mesmos 16% da última pesquisa, aparece Marina, atualmente engajada na criação de um novo partido político, a Rede Sustentabilidade.

Aécio foi o único que cresceu em relação ao levantamento de março. Ele tem agora 14% das intenções de voto, quatro pontos a mais que na pesquisa anterior.

Nessas oportunidades, Aécio criticou o governo com muita ênfase na inflação, objeto de crescente preocupação da população, conforme a mesma pesquisa.

Em quarto lugar na pesquisa, com 6% das intenções de voto, aparece o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). O índice é mesmo obtido por ele no último levantamento.

A pesquisa foi realizada nos dias 6 e 7 de junho. Foram feitas 3.758 entrevistas. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

FolhaPress

Comentários

  1. Jonathan Postado em 08/Jun/2013 às 18:59

    Os reaças gritam de alegria..

  2. Elivander Postado em 08/Jun/2013 às 21:06

    Isso é sinal que está dando certo às investidas da "grande mídia" na economia brasileira...Acredito que essa baixa seja momentânea.

  3. BRASILEIRO Postado em 09/Jun/2013 às 00:26

    até que enfim o povo brasileiro está acordando desse pesadelo chamado petê...reage BRASIL!

  4. Igor Postado em 09/Jun/2013 às 06:04

    O medo do pt sair do poder, é esses religiosos fundamentalistas, tomarem o poder desse país. Acordem pessoal, o pt fora do poder, é um perigo. Evangélicos no poder, pior ainda.

  5. Thiago Teixeira Postado em 09/Jun/2013 às 10:48

    Pequisa da Data Folha? Folha de São Paulo? Jornal da Eliane Catanhede? Danuza Leão? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  6. Maria Mirtis Postado em 09/Jun/2013 às 10:59

    É mais uma manobra do desespero do PSDB que já se sente perdido!!! Afinal, a mídia é de direita. E resultado de pesquisa falso constitui forma de conseguir votos. A Dilma tem que se preparar pois vem muito chumbo grosso por aí!

  7. Vander Postado em 10/Jun/2013 às 00:27

    Já estava na hora do povo começar a acordar do estado letárgico em que se encontra. Agora o governo arruma mais uma bolsa qualquer pra comprar a aprovação perdida.

  8. Markus Postado em 10/Jun/2013 às 05:50

    Nada significativo acredito, de qualquer maneira a reeleição da Dilma esta praticamente garantida. Em algum caso excepcional o PT ainda tem como artificio lançar o Lula como presiden....errr digo candidato :) Maria Mirtis Ok a mídia é de direita mas você tem certeza que o PT é de esquerda? Alias, senhores, proponho um desafio a quem realmente ainda acredita que o PT seja um partido de esquerda, cito um post retirado do blog da jornalista Cynara Menezes no qual ela levanta os supostos "12 mandamentos do esquerdista moderno" segue os mesmos: I – Não ter o dinheiro como norte II – Respeitar o próximo como a ti mesmo (não precisa nem amar, respeitar tá de bom tamanho) III – Não roubar o povo IV – Ser pacifista (violência, só contra a tirania) V – Amar a natureza VI – Ser contra o latifúndio, os transgênicos e o uso abusivo de agrotóxicos VII – Não perder a capacidade de se indignar VIII – Acreditar e lutar por direitos iguais para todos, independentemente de raça, credo, origem, condição social ou orientação sexual IX – Ser consciente da dívida histórica com índios e negros e apoiar políticas de ação afirmativa X – Ser um defensor intransigente da liberdade: de pensamento, de expressão, de culto, de ir e vir, cognitiva XI – Ser a favor do estado laico XII – Jamais se esquecer (ou se envergonhar) do que sonhava aos 20 anos de idade O desafio consiste em apontar em qual mandamento o PT não "peca". PS: O desafio é meramente recriativo, portanto argumentos como: "Esquerda ou direita é limitado e não condiz com os amplos aspectos da politica" ou outros "rodeios" do tipo, fogem do escopo do desafio, sendo assim, devem ser evitados.

  9. Markus Postado em 10/Jun/2013 às 06:03

    offtopic: Ao moderador(a)/administrador(a) Acho interessante ter uma area do site em que constem de forma clara as regras para postagem de comentário(restrições, processo da moderação etc...). Obrigado.