Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Meio Ambiente 03/Aug/2012 às 17:34
19
Comentários

Principal crítico do aquecimento global admite erro e lança alerta mundial

Maior crítico contra o aquecimento global admite que estava errado e alerta para riscos. Físico Richard Muller volta atrás em suas convicções e culpa ação humana por mudanças climáticas

aquecimento global groenlândia

Imagem de satélite mostra derretimento sem precedentes na Groenlândia neste mês de julho; em vermelho, o satélite identifica o gelo derretido e em branco, o gelo sólido

O físico norte-americano Richard Muller, principal voz da comunidade científica que contestava o fenômeno do aquecimento global, admitiu que esteve errado durante os últimos anos após analisar os resultados de um estudo conduzido por ele mesmo na Universidade de Berkeley, na Califórnia (oeste dos EUA), onde coordena o projeto BEST (sigla em inglês para Temperatura da Superfície da Terra pela Universidade de Berkeley).

Muller anunciou sua mudança de opinião neste último fim de semana em um artigo para o jornal The New York Times, intitulado “A conversão de um cético às mudanças climáticas”. Nele, Muller afirma que não somente o aquecimento está ocorrendo como também a ação humana pode ser responsabilizada pelo fenômeno.

“Nossos resultados mostram que as temperaturas médias na superfície terrestre aumentaram em 2,5 graus Fahrenheit (1,5 °C) nos últimos 250 anos, incluindo um aumento de 1,5 graus Fahrenheit (0,9°C) só nos últimos 50 anos. Além disso, é bem provável que essencialmente todo esse aumento resulta da emissão de gases de efeito estufa”, afirma Muller em seu artigo. Ele ressalta que esses números ainda indicam um crescimento de temperatura em um tempo ainda mais curto do que o anunciado pelo IPCC (Painel Internacional de Mudança Climática), órgão da ONU.

Leia mais

Essa conclusão foi tirada após sua equipe de pesquisadores em Berkeley ter analisado mais de 14 milhões de medições de temperatura desde 1753, em 44.455 localidades.

“É um dever do cientista ser claramente cético. Continuo achando que muitos, senão a maioria, dos fenômenos que atribuímos à mudança climática são resultado de especulação, exagerados ou simplesmente errados. Analisei a maioria das alegações mais alarmistas, e meu ceticismo sobre elas não mudou”, insistiu o físico. Ele cita, como exemplo, o furacão Katrina – afirmando que o número de furacões que atingiu os EUA diminuiu – ou o processo de extinção dos ursos polares – que não estaria ocorrendo por causa do degelo. “As neves do Himalaia não irão derreter após 2035. E é possível que não estejamos em uma era mais quente do que há mil anos”.

Os métodos que Muller afirma ter usado para seu estudo são, segundo ele, bem mais abrangentes, detalhados e rigorosos do que os usados por instituições como a Nasa (agência espacial norte-americana) e o Met Office (serviço britânico de meteorologia).

“E quanto ao futuro? A medida em que as emissões de carbono aumentam, a temperatura deve continuar a aumentar. Acredito que a taxa de aquecimento deve prosseguir em seu ritmo estável, entre 1,5 Fahrenheit (0,9ºC) na superfície para os próximos 50 anos, a não ser que os oceanos estejam incluídos. Mas se a China continuar com seu rápido crescimento econômico (…) esse aumento chegará em menos de 20 anos”, previu Muller.

O trabalho de Muller, que pode ser acessado gratuitamente do BEST, ainda não foi publicado nem avaliado por outros especialistas em uma revista científica.

Opera Mundi

Recomendados para você

Comentários

  1. Meu IP Postado em 03/Aug/2012 às 17:48

    Ele admitiu que estava errado...certo...mas será que ele foi pago para propagar a ideia que admitiu um erro, sendo que talvez não tivesse errado e aquecimento global é mais uma história para boi dormir inventada pela elite globalista?

  2. Pablo Vieira de Mendonça Postado em 03/Aug/2012 às 19:27

    Prefiro acreditar que LOGICAMENTE estamos acelerando vários processos naturais. A Terra sempre apresentou esses fenômenos, porém e até onde vão nossos estudos, sabemos que alteramos muito.Inclusive grau de ocorrência. Não é inocência dizer que agora, devemos suportar o prejuízo que não será nada agradável. Preparem-se. Não são os Maias : é a lei da semeadura pura e simples.

  3. Arnold Schwarzenegger Postado em 03/Aug/2012 às 19:44

    Ele foi pago pelos Illuminati, como Grande Dragão do capítulo da Califórnia posso garantir isso.

  4. Nan Vieira Postado em 03/Aug/2012 às 19:48

    Queria entender porque tanto ouvidos aos cientistas que são físicos, oceanógrafos, químicos, biólogos (ad infinitum) exceto os climatologistas. Aqui no Brasil uma razoável parte deles que é cética não é ouvida, sendo os que realmente entendem do assunto. Exceto nos últimos meses que vi entrevistas (apenas 3) com os professores da USP Ricardo Augusto Felicio e Prof. Conti que são ferrenhos críticos do aquecimento global provocado pelo homem, e que escreveram até carta aberta à Presidenta avisando-a sobre sua posição (sua e de mais cientistas brasileiros da Climatologia). A quem se interessar sobre esse outro ponto de vista é só buscar no youtube por suas entrevistas e por uma palestra ultra didática com o Prof. Ricardo Augusto Felicio feita no RS. Recomendo ao menos por uma análise mais crítica do tema. Essa onda ecocapitalista verde não pode ser tão beatificada quanto é apregoado pela grande mídia e agências de notícia como a Reuters, por exemplo. Esse discurso de aquecimento global e até de resfriamento (pregando uma nova mini era do gelo, durante os anos 70) não é assunto novo, mas nunca antes foi tão moda como hoje graças ao acesso a informações pré-selecionadas pela grande mídia, e nesse caso, repercutida pela mídia alternativa. Pra finalizar deixo apenas uma reflexão, aquecimento GLOBAL é apenas uma HIPÓTESE, sequer carece de demonstrações para se tornar uma Teoria Científica. E além do famoso IPCC da Onu, cientistas que em leva a abandonaram criaram o NIPCC que vai em total oposição ao seu original. Deste ninguém ouve falar.

    • Arnaldo Rentes Postado em 17/Dec/2013 às 17:30

      Na minha leiga opinião, Dr. Ricardo Augusto Felício. é muito inteligente. Feitas as contas, só se descobrirá concretamente quem estava certo... quando estivermos todos mortos. Tempo geológico é assim. E aí, prevalece aquela máxima do jornalismo: se o cachorro morde o cara, não interessa. Já o cara que mordeu o cachorro, aí é dez! Um climatologista mainstream teria de ser muito bom para ter a mesma divulgação que ele recebeu. Já se for do contra, aí é sucesso garantido. Tenho nojo.

  5. Pablo Vieira de Mendonça Postado em 03/Aug/2012 às 20:25

    Bom, esperemos . Quando acontecer , catalogamos e dizemos : fato científico. ... claro , depois de um prejuízo bem alto, a saber : Vidas.

  6. Meu IP Postado em 03/Aug/2012 às 20:59

    Sr. Pablo...antes de qualquer certificação factual de que aquecimento global causado pelos gases do efeito estufa é realmente real....saiba que a elite globalista já terá feito algo, que é a redução da população, justamente com o "objetivo" de reverter o tal "aquecimento global"... acredito que as pessoas precisam de mais raciocínio a fim de se desvencilharem do que a mídia convencional faz questão de preconizar ao gado que pasta nessa biosfera.

  7. La Postado em 04/Aug/2012 às 18:05

    Não é história para boi dormir isto é um fato de cada dia. Veja os aumotoveis e tudo que é poluente nos dias atuais voce ainda que é uma mentira?

  8. La Postado em 04/Aug/2012 às 18:06

    Sem falar do cigarro né.

  9. Maria Oliveira Postado em 05/Aug/2012 às 14:54

    Nan Vieira, parabéns pelo comentário. Irretocável.

  10. Pablo Vieira de Mendonça Postado em 05/Aug/2012 às 16:30

    Olá, Sr° ou Sra Meu IP. Tudo bem? Sendo a mídia ou não a grande culpada pelo CARNAVAL DOS SERES HUMANOS RUMINANTES, meu nome é Fool On The Hill nesse momento. Trata-se de uma canção dos Beatles. Escute. Traduza e saiba onde me enquadro. Enquanto isso, o mundo roda e com interesses escusos ou não manipulando mais uma vez seja lá o que for, não é preciso ser cientista para saber que o clima mudou estranhamente de uns anos para cá. Meu jardineiro me contou histórias mais interessantes que as do Marx . A prática vence a teoria. Não quero ser arrogante e se fui, me perdoe.

  11. silvana dias coelho Postado em 24/Aug/2012 às 18:25

    FAÇO MINHAS AS PALAVRAS DE NAN VIEIRA E PROPONHO UMA REFLEXÃO.SERÁ QUE É O DESENVOLVIMENTO DA CHINA O CULPADO?

  12. Zullega Postado em 05/Oct/2012 às 14:00

    É muito interessante os estudos científicos, no entanto eles se detem no efeito e não nas circunstâncias. Calcular um fenomeno em escala GLOBAL com exatidão é talvez impossível, visto as inúmeras variáveis. Entretanto, se atentarmos a um fenomeno simples como o DESMATAMENTO GLOBAL DESENFREADO, não precisaremos ir longe para descobrirmos que a Mata Atlântica só resta uns 15%, e da Amazônia, temos já quase metade devastada. Sendo assim, um fenomeno desencadeia outro, e possivelmente a FALTA DE ÁGUA POTÁVEL é mais provável que surja do que o aquecimento global devido às diferentes ações humanas(não só a emissão de gases), mas o aumento populacional, desmatamento, ressecamento de açudes, poluição de rios, etc... nos levam a crer que algo precisa ser seriamente revisto! Não precisa ser super cientista pra saber que estamos destruindo cada vez mais nossas florestas, e uma hora ou outra, não haverão árvores, depois não haverão animais, e sem plantas, a àgua de rios e represas se tornará quase inviável pois as florestas são responsáveis por grande parte das chuvas e pela contenção de humidade na terra.

  13. SUZANA Postado em 05/Oct/2012 às 14:29

    É SÓ LER O APOCALIPSE Q VC VÃ ENTENDER O PQ DE TUDO ISSO, ESTAMOS NO COMEÇO DO APOCALIPSE E ESTA ACONTECENDO COISAS DE DEIXAR TODOS DE BOCA ABERTA, IMAGINE MAIS PRO FINAL O Q VAI ACONTECER DE HORRÍVEL, GENTE TEMOS Q ORAR MUITO, SE AGARRAR NAS MÃOS DE DEUS, PQ COM ELE A GENTE JA PASSA POR ALGUNS PERRENGUES IMAGINE SEM ELE, SÓ DEUS PRA NOS LIVRAR PQ ELE É MISERICORDIOSO.

  14. Lucas Postado em 23/Oct/2012 às 06:07

    Haha, mais um recrutado pela Nova Ordem Mundial! Aquecimento Global como principal agente o ser humano??? É muita pretensão afirmar isso categoricamente pois habitamos o planeta há apenas 0,0001% do tempo de vida da terra como a conhecemos. Como nossa ação poderia em apenas 250 anos alterar a temperatura em até 2,5°? E o ciclo solar? Os Oceanos? Os vulcoes? Nada conta??? CO2 representa apenas 0,33% de massa na constituição total da atmosfera, entao senhores, tirem suas proprias conclusões.

  15. Bill Postado em 26/Oct/2012 às 15:52

    idiota é aquele que nunca ia interferir na natureza pq é "ser humano". "não somos culpados", "não somos os únicos culpados", okay, continua jogando lixo na rua e matando bichos pra comer... isso não é nosso problema, com certeza! o problema do "ser humano" é se achar superior aos outros animais, só pq é "ser humano". afff

  16. Carlos Barata Postado em 17/Feb/2013 às 10:10

    Se der um jeitinho de parar o crescimento economico da china, é melhor pra todo mundo né? achei estranho.

  17. Rohger Castilhos Postado em 17/Feb/2013 às 11:03

    Sobre o "aquecimento" global muitos tem opinião e opiniões diversas, tudo se cogita, tudo se prevê. Creio que este tema está sendo usado como um palco para ocultar problemas muito maiores no cenário, afinal, o planeta já passou por outros aquecimentos e resfriamentos, e a vida seguiu (falo de vida, não de humanos). Mas e o Lixo? Existe no Ytube um lixo filme chamado IDIOCRACY,que embora seja idiota, representa bem o caminho que estamos percorrendo e onde vamos chegar. O alimento, o ar, as águas e leite materno contaminados por agrotóxicos? - Relações humanas degradadas? - 1 bilhão de famintos e 1 bilhão de obesos; - 50% da produção de alimentos é perdida entre produção e o consumo. Talvez devêssemos nos preocupar com problemas mais próximos e graves, melhor, urgentes do que o aquecimento global. Poderíamos/precisamos, a partir de agora, fazer o papel do milionário moribundo, que ao pressentir a morte eminente, tenta, desesperadamente resgatar os erros/excessos cometidos durante a vida. Creio que ainda dá tempo,mas a U.T.I não está longe.

  18. Rafa Postado em 17/Feb/2013 às 18:34

    Só queria fazer uma correção: as temperaturas 1,5 °C e 0,9°C não correspondem, respectivamente, a 2,5 e 1,5 graus Fahrenheit. Essa conversão está errada. Veja: °C = (°F - 32)/1,8 °F = °C × 1,8 + 32