Redação Pragmatismo
Corrupção 18/Set/2019 às 09:00 COMENTÁRIOS
Corrupção

Executivo que revelou ter pago R$ 50 milhões a Aécio é encontrado morto

Publicado em 18 Set, 2019 às 09h00

Henrique Valladares, um dos principais delatores da Lava Jato, é encontrado morto. O executivo ocupou durante anos a vice-presidência da Odebrecht e revelou ter pago R$ 50 milhões a Aécio Neves. Ele também delatou o jornalista Diogo Mainardi

Henrique Valladares executivo da Odebrecht
Henrique Valladares

Um dos principais delatores da operação “lava jato”, o executivo Henrique Valladares foi encontrado morto nesta terça-feira (17/9) em sua casa no Rio de Janeiro. O empresário ocupou por anos o cargo de vice-presidente da Odebrecht.

Valladares delatou Aécio Neves, tendo dito que pagou ao tucano R$ 50 milhões, que foram depositados em contas no exterior. Também alegou ter recebido uma cobrança de dinheiro por Edison Lobão (PMDB) quando o então ministro de Dilma Rousseff estava internado em uma UTI.

O ex-vice-presidente da Odebrecht também acusou o jornalista Diego Mainardi, do site de direita O Antagonista, e o empresário Alexandre Accioly, dono das academias BodyTech, de terem recebido propina da empreiteira.

Parte da quantia milionária que Aécio Neves teria recebido foi em dinheiro vivo, segundo o executivo. Ele disse ainda que repassou dinheiro a representantes da CUT de Porto Velho.

As informações são do colunista Lauro Jardim, do O Globo. As causas da morte não foram divulgadas.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários