Redação Pragmatismo
Ditadura Militar 02/Aug/2019 às 13:42 COMENTÁRIOS

Rachel Sheherazade: "Bolsonaro é sórdido, frio e desumano"

"Bolsonaro precisa voltar urgentemente ao Rio Jordão. Porque dois batismos ainda não foram suficientes". Reação de Rachel Sheherazade a comentário cruel do presidente viraliza

Rachel Sheherazade bolsonaro ditadura militar
Rachel Sheherazade (reprodução)

O canal do Youtube de Rachel Sheherazade passou de pouco mais de 13 mil inscritos para 60 mil inscritos em cerca de um mês. A jornalista, que sempre foi figura querida na direita brasileira, tem batido forte no governo Bolsonaro.

Ao comentar a declaração de Jair Bolsonaro sobre o pai do presidente da OAB, torturado e morto pela Ditadura Militar, Sheherazade disse que o presidente é sórdido, frio e desumano.

“Eu não queria falar do que eu vou falar nem sobre quem eu vou falar. Mas, infelizmente, essa figura trágica, patética e nociva foi eleita. E não satisfeita do mal que é, por si só, a sua existência política, ela trata de aperfeiçoar o tosco”, inicia Sheherazade.

Rachel se mostrou perplexa com a falta de empatia de Bolsonaro e finalizou o seu discurso dizendo que o governante deveria ler mais a Bíblia, o livro que “ajudou” a elegê-lo.

“O pseudo-cristão Jair Bolsonaro deveria ler mais a Bíblia, que foi o livro que ajudou a elegê-lo. O aposto Paulo aconselha: ‘Chore com o que chora’”, declarou Rachel Sheherazade.

VÍDEO:

“O pregador adverte: ‘Não se deixe vencer pelo mal. Mas vença o mal com o bem. O presidente precisa voltar ao Rio Jordão, porque dois batismos não foram o suficiente”, finalizou.

Reações

O vídeo recebeu 10 mil reações positivas e 1 mil negativas no Youtube. “O Brasil está sendo governado por um psicopata que não sente remorso do que faz. Um torturador sobretudo é um covarde, pois tortura alguém sob custódia do estado, algemado e preso”, escreveu um internauta.

O youtuber Felipe Neto utilizou a sua conta oficial no Twitter para pedir perdão a Rachel Sheherazade. Na publicação, ele ainda compartilhou um vídeo com um trecho da edição da última segunda-feira do “SBT Brasil”, em que a jornalista aparece visivelmente incomodada e revoltada ao noticiar a declaração dada por Bolsonaro acerca da morte de Fernando Santa Cruz Oliveira, pai de Felipe Santa Cruz, presidente da OAB.

No tuíte, Felipe Neto escreveu: “Querida Rachel Sheherazade, peço perdão por um dia ter perdido a cabeça e escrito um texto com ofensas. O que você representa hoje, em termos de humanidade, é de nos encher de orgulho. Obrigado, Rachel. Você se tornou um ícone de mudança e evolução”.

Em resposta ao youtuber, a apresentadora do “SBT Brasil” escreveu: “Estamos todos no mesmo barco, tentando fazer hoje melhor que ontem. Evoluir, seguir em frente, perdoar-se e perdoar é um imperativo aos que não se contentam com a pequenez ou a mediocridade”.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários