Redação Pragmatismo
Saúde 01/Jul/2019 às 22:09 COMENTÁRIOS

Revelação do atletismo brasileiro morre aos 18 anos

Revelação do atletismo brasileiro é encontrada morta em sua casa aos 18 anos. Segundo relatório do Instituto Médico-Legal (IML), a jovem tinha sinais de enforcamento

alana maranhão morta atleta
A jovem Alana Maranhão (Imagem: Wagner Carmo/CBAt/arquivo)

Revelação do atletismo brasileiro, a jovem Alana Maranhão, de 18 anos, foi encontrada morta neste domingo (30) em sua casa no município de Paranavaí (PR).

Considerada uma das joias a serem lapidadas no esporte olímpico nacional, Alana competia no lançamento do dardo. As circunstâncias de sua morte ainda não foram esclarecidas. Familiares dizem que ela sofria de depressão.

A polícia informou que vai investigar o caso. Segundo relatório do Instituto Médico-Legal (IML), a jovem foi encontrada com sinais de enforcamento.

Em nota, a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT) lamentou o falecimento de Alana. A CBAT expressou “o mais profundo pesar em nome da comunidade do atletismo pelo ocorrido”, além de condolências aos familiares e amigos.

Em 2017, aos 16 anos, Alana foi medalhista de prata no Campeonato Sul-Americano Sub-18 e chegou à final do Mundial de Menores (Sub-18), em Nairóbi, no Quênia, lançando o dardo a 50,97m.

Naquele mesmo ano, ela ainda foi campeã brasileira sub-18 e quinta colocada no sub-20. No ano passado, os resultados dela pioraram. Ela não competiu as competições nacionais e só participou dos Jogos Escolares, terminando em terceiro lugar.

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários