Redação Pragmatismo
Educação 30/Abr/2019 às 22:00 COMENTÁRIOS
Educação

Bolsonaro fala em remover Paulo Freire como patrono da educação do Brasil

Publicado em 30 Abr, 2019 às 22h00

Jair Bolsonaro não quer mais Paulo Freire como patrono da educação no Brasil: "vai ser mudado". Alteração, no entanto, depende de aprovação do Congresso. Lideranças e educadores reagem ao comentário do presidente

bolsonaro remover Paulo freire patrono educação brasil
Paulo Reglus Neves Freire (Imagem: Instituto Paulo Freire)

Ana Luíza Basílio, CartaCapital

A declaração do presidente Jair Bolsonaro de retirar o educador Paulo Freire como patrono da educação brasileira ganhou destaque nas redes sociais. O assunto Paulo Freire ficou entre os mais comentados do Twitter nesta terça-feira 30.

Na segunda-feira 29, em uma agenda em Ribeirão Preto, Bolsonaro concedeu entrevista à repórter-mirim Esther Castilho, que mantém o programa Esther e famosos no Youtube. Na conversa, precisamente no minuto 11’24, ele sugere a possibilidade de a criança ser a patrona da educação e emenda: “quem sabe nós temos uma patrona da educação e não mais um patrono, muito chato, não precisamos dizer quem é, mas vai ser mudado”.

O educador e filósofo pernambucano foi nomeado patrono da educação brasileira em 2012, pela Lei 12.612, sancionada pela ex-presidenta Dilma Rousseff. A homenagem foi proposta pela deputada federal Luiza Erundina que, quando prefeita de São Paulo (1989 – 1993), o nomeou como Secretário de Educação.

Veja algumas das reações à possível mudança:

1. Fernanda Melchionna, ativista social e deputada federal pelo PSOL-RS

.

2. Gerd Wenzel, comentarista da ESPN Brasil, colunista da Deutsche Welle

3. Carlos Minc, deputado estadual pelo PSB-RJ

4. Ivan Valente, deputado federal pelo PSOL-SP

5. Trajano, jornalista

6. Luiza Erundina, deputada federal pelo PSOL-SP

Leia também:
Paulo Freire é o grande vilão no Brasil de 2019
Paulo Freire inspirou uma das melhores escolas dos Estados Unidos
Propostas de Bolsonaro para a educação são espantosas

Siga-nos no InstagramTwitter | Facebook

Recomendações

Comentários