Redação Pragmatismo
Eleições 2018 11/Sep/2018 às 13:34 COMENTÁRIOS

A pesquisa Datafolha por escolaridade, renda, sexo e região

Haddad sobe em 4 regiões e Ciro Gomes assume a ponta no Nordeste. Confira a última pesquisa Datafolha para presidente por sexo, idade, escolaridade, renda e região

pesquisa datafolha renda escolaridade

Segundo a pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (10), a primeira realizada após o início da propaganda eleitoral e depois do ataque a faca sofrido por Jair Bolsonaro, a eleição presidencial caminha para um segundo turno ainda indefinido.

Bolsonaro lidera as intenções de voto, com 24%, mas perde em todos os cenários simulados para o segundo turno. O único candidato a apresentar crescimento real foi o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, com 9%, cinco pontos percentuais a mais em relação ao último levantamento, quando teve 4%.

Vice na chapa petista, Haddad deve ser confirmado hoje (11) como o substituto do ex-presidente Lula como candidato à Presidência.

Ciro Gomes também ganhou destaque na pesquisa Datafolha, já que aparece em segundo lugar na disputa, com 13% dos votos, e vence todas as simulações de 2º turno.

A seguir, confira os números do Datafolha por sexo, idade, escolaridade, renda e região:

Sexo

eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região

Idade

eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região
eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região
eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região

Escolaridade

eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região

Renda familiar mensal (em salários mínimos)

eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região
eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região

Região

eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região
eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região
eleições 2018 pesquisa Datafolha escolaridade renda sexo região

(as imagens são do portal G1)

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários