Redação Pragmatismo
Eleições 2018 21/Aug/2018 às 15:01 COMENTÁRIOS

Ciro Gomes aciona o STJ para visitar Lula na prisão

Após a divulgação das pesquisas eleitorais nacionais, Ciro Gomes recorre ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) a fim de conseguir uma autorização para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na prisão

Ciro Gomes Lula

O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) a fim de conseguir uma autorização para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está preso desde abril na Polícia Federal em Curitiba cumprindo pena por condenação no processo do tríplex do Guarujá.

O recurso foi apresentado por Ciro, pelo presidente do PDT, Carlos Lupi, e pelo líder do partido na Câmara dos Deputados, André Figueiredo (CE), que dizem ser amigos de Lula, mas tiveram direito a visitá-lo negado anteriormente.

Lula, que é líder nas pesquisas de intenção de voto, foi registrado como candidato presidencial pelo PT, mas sua candidatura deve ser barrada com base na Lei da Ficha Limpa, uma vez que o petista foi condenado em segunda instância por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex.

Na pesquisa Ibope divulgada na segunda-feira, Ciro registrou 5 por cento das intenções de voto no cenário que tem Lula liderando com 37%. No mesmo dia, a pesquisa CNT/MDA também apontou o favoritismo do petista.

No recurso ao STJ, o trio do PDT argumenta que a visitação é um direito líquido e certo do preso e que a medida contribui para sua ressocialização.

“No caso se trata de um requerimento individual, de três pessoas, que, em dia a ser determinado, querem fazer visitação ao amigo que está custodiado. Sustentam que a visitação é uma das manifestações de ressocialização da pena e que o direito à visitação é também de terceiros e ademais, o próprio custodiado declarou-se publicamente amigo dos impetrantes”, dizem os advogados do PDT.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários