Redação Pragmatismo
Humor 08/Mar/2018 às 13:29 COMENTÁRIOS

Clientes pedem que veterinário atenda “por amor” e ele divulga resposta provocativa

Resposta provocativa e bem-humorada de veterinário ao rebater clientes que exigem que ele trabalhe “por amor aos animais” viraliza nas redes sociais

veterinário samuel nogueira vídeo
Veterinário Samuel Nogueira fez sucesso nas redes sociais com resposta bem-humorada aos clientes que fazem exigências impossíveis

A resposta provocativa e bem-humorada de um veterinário viralizou nesta semana nas redes sociais.

O vídeo do jovem Samuel Nogueira, de 27 anos, já ultrapassou a marca de 1,2 milhão de visualizações, 12 mil compartilhamentos e foi criado para responder o seguinte questionamento:

Doutor, por que você não atende os animais de graça, ‘por amor'”?.

Segundo Samuel, que é dono de uma clínica em São José dos Campos (SP), essa pergunta é mais frequente do que se imagina.

No vídeo publicado em sua conta do Facebook, ele mostra como paga suas contas “com amor”, dando beijinhos nas faturas.

Em entrevista ao blog Bichos, de Carolina Giovanelli, o veterinário acredita que o vídeo repercutiu porque todos os profissionais da área ouvem a mesma pergunta toda semana.

Samuel ressalta ainda que o trabalho veterinário no Brasil muitas vezes não é valorizado da maneira que deveria.

“Tem quem venha aqui e peça para “dar só uma olhadinha” no animal, sem pagar a consulta. Devemos valorizar nosso trabalho. Ouço que a consulta é cara, mas também é caro virar veterinário e se manter na profissão”, afirmou.

“Não dá para pagar as contas com amor, também precisamos de dinheiro. Eu brinco que veterinário ama o que faz, mas também quer tirar selfie em Paris. É uma profissão como qualquer outra e envolve muito stress”, continuou Samuel.

“Existem pessoas que pegam animais da rua e jogam toda responsabilidade para o profissional. Dizem: “Já que você ama os animais, cuida aí”. Tento sempre ajudar, mas nem sempre dá”, finalizou o veterinário.

VÍDEO:

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários