Redação Pragmatismo
Lula 13/Mar/2018 às 14:17 COMENTÁRIOS

"Se a ação é a mesma, por que só Lula foi condenado e julgado?"

"Se a ação é a mesma e os citados também, por que só Lula foi condenado e julgado em Curitiba?". Vídeo usa absolvição de réus do caso Bancoop para explicar inocência do ex-presidente

ação justição oas são paulo Lula foi condenado e julgado

RBA

Um vídeo divulgado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em seu Facebook, nesta sexta-feira (9), usa a absolvição de 12 acusados no caso da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo, a Bancoop, para questionar a condenação do petista. “A mesma ação, os mesmos citados, mas com resultado diferente para só um réu“, diz a publicação.

No dia 1º, a 10ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), por unanimidade, absolveu o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto e mais 11 acusados de estelionato em empreendimentos da Bancoop. O executivo da OAS Leo Pinheiro, outro implicado no processo, também foi absolvido.

O processo envolve quatro empreendimentos da cooperativa, incluindo o Condomínio Solaris, em Guarujá, litoral sul de São Paulo, que em outra ação tem um tríplex atribuído ao ex-presidente. A defesa de Lula já demonstrou que o imóvel nunca pertenceu a ele.

Saiba mais:
Caso Bancoop chega ao fim e tesoureiro do PT é absolvido
Desembargador reconhece que Moro condenou Vaccari sem apresentar provas
TRF-4 absolve João Vaccari e reverte decisão de Sergio Moro
Sergio Moro salvou todos os delatores de João Vaccari

A decisão da Justiça diz que existem alegações vagas sobre os supostos crimes e não pode ser aceito para provar crime. Não é o que pensa Sergio Moro, que condenou Lula por causa do depoimento de Léo Pinheiro. Se a ação é a mesma e os citados também, por que só Lula foi condenado e julgado em Curitiba?“, questiona o vídeo.

Denúncia com pedido de prisão contra Lula chegou a ser encaminhada pelos promotores do Ministério Público paulista José Carlos Blat e Cassio Conserino. A juíza Maria Priscilla Ernandes, da 4ª Vara do estado, remeteu a denúncia ao juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, em março de 2016. Moro mandou o caso da Bancoop de volta para São Paulo, mas reteve Lula sob sua alçada, contra quem conduziu inquérito em separado.

Assista:

Leia também:
Por que a condenação de Lula é um “erro judicial histórico”
Lula é condenado por Sergio Moro; veja a sentença e saiba o que acontece
Promotores que pediram a prisão de Lula se declaram ‘suspeitos’
Por que são tão frágeis as denúncias dos promotores contra Lula?
Promotor Cassio Conserino pede prisão preventiva de Lula
A Globo e o apartamento atribuído a Lula no Guarujá

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Comentários