Redação Pragmatismo
Educação 29/Nov/2017 às 15:43 COMENTÁRIOS

As melhores e as piores universidades do Brasil

MEC divulga ranking atualizado das melhores e piores instituições de ensino superior do Brasil. Índice oficial mostra faculdades, universidades, centros universitários CEFETs e IFETs

melhores piores faculdades universidades brasil

Entre as universidades e institutos federais, a Unicamp é a instituição que obteve a melhor avaliação do MEC.

Os dados do Índice Geral de Cursos (IGC) foram divulgados na segunda-feira, 27, no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficou em primeiro lugar.

A universidade também foi a brasileira melhor classificada no ranking de instituições de ensino superior dos BRICS (grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), divulgado pela consultoria britânica QS (Quacquarelli Symonds).

Na classificação do MEC das faculdades, a melhor nota ficou com a FGV/EPGE (Escola Brasileira de Economia e Finanças) e o Centro Universitário FACEX, do Rio Grande do Norte.

A nota do IGC varia de 1 a 5 e as instituições com 4 e 5 são consideradas excelentes e notas abaixo de 3 são insatisfatórias. Instituições que ficam abaixo de 3 não podem se expandir, ou seja, não podem construir novos campi, nem abrir cursos ou aumentar o número de vagas. Cursos autorizados podem sofrer redução de vagas ou ter processos seletivos suspensos, após vistoria de especialistas.

Como é calculado o IGC

O índice, divulgado anualmente pelo MEC, é fruto de média ponderada das notas de cursos de graduação e de mestrado e doutorado.

Leva em conta a média dos CPC dos cursos avaliados nos últimos três anos, ponderada pelo número de matrículas em cada um deles, a média dos conceitos da avaliação CAPES dos programas de pós-graduação stricto sensu na última avaliação também trienal e ponderada pelo número de matrículas nos programas.

Além disso, também entra no cálculo do IGC, a distribuição de estudantes entre cursos de graduação, pós-graduação (quando há programas stricto sensu).

Como o IGC considera o CPC dos cursos avaliados no ano do cálculo e também os CPC dos dois anos anteriores, sua divulgação refere-se sempre a um período de três anos. Dessa forma o IGC compreende a análise de todas as áreas avaliadas previstas no Ciclo Avaliativo do Enade de 2014, 2015 e 2016.

A seguir confira os rankings:

As melhores universidades e institutos federais

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Universidade Estadual de Campinas SP 49 4,3744 5
2016 Universidade Federal do Rio Grande do Sul RS 57 4,2985 5
2016 Universidade Federal de Minas Gerais MG 59 4,2268 5
2016 Universidade Federal do Rio De Janeiro RJ 67 4,1072 5
2016 Fundação Universidade Federal do ABC SP 18 4,1066 5
2016 Universidade Federal de São Paulo SP 31 4,0749 5
2016 Universidade Federal de Santa Catarina SC 62 4,0747 5
2016 Universidade Federal de Lavras MG 23 4,0007 5
2016 Universidade Federal de Viçosa MG 62 3,9989 5
2016 Universidade Federal de São Carlos SP 49 3,9940 5

OBAA

As melhores faculdades

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Escola Brasileira de Economia e Finanças RJ 1 4,8496 5
2016 Escola de Economia de São Paulo SP 1 4,7904 5
2016 Instituto Tecnológico de Aeronáutica SP 5 4,5738 5
2016 Faculdades EST RS 1 4,5390 5
2016 Faculdade São Leopoldo Mandic SP 1 4,4717 5
2016 Escola Superior de Ciências Sociais RJ 2 4,4195 5
2016 Faculdade FIPECAFI SP 1 4,3745 5
2016 Instituto Militar de Engenharia RJ 6 4,3329 5
2016 Faculdade FUCAPE ES 3 4,3152 5
2016 Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia MG 3 4,3150 5

OBAA

Os melhores centros universitários e centros federais (Cefet)

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Centro Universitário FACEX RN 13 3,6584 4
2016 Centro Universitário Christus CE 9 3,5390 4
2016 Centro Universitário FACVEST SC 18 3,4094 4
2016 Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais MG 14 3,3618 4
2016 Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo ES 15 3,3600 4
2016 Centro Universitário Filadélfia PR 20 3,3159 4
2016 Centro Universitário do Instituto de Educação Superior de Brasília – IESB DF 30 3,3028 4
2016 Centro Universitário de Maringá – UNICESUMAR PR 47 3,2721 4
2016 Centro Universitário Álvares Penteado SP 6 3,2699 4
2016 Faculdade de Ciências Humanas e Sociais BA 8 3,2627 4

OBAAA

As piores universidades e institutos federais

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos  IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Universidade do Tocantins TO 16 1,7103 2

OBAA

As piores faculdades

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Faculdade de Odontologia de Manaus AM 1 0,6947 1
2016 Faculdade Candido Mendes de Vitória ES 2 0,7602 1
2016 Escola de Engenharia de Agrimensura BA 1 0,8393 1
2016 Faculdade da Amazônia RO 3 0,8764 1
2016 Instituto Superior de Educação Vera Cruz SP 1 0,8845 1
2016 Faculdade de Tecnologia de Cruzeiro do Oeste PR 1 0,9103 1
2016 Faculdade Integrada de Araguatins TO 1 0,9134 1
2016 Faculdade de Música Carlos Gomes SP 1 0,9329 1
2016 Faculdade de Tecnologia FATEP SP 1 0,9329 1
2016 Faculdade Jataiense GO 1 0,9904 2

OBAA

Os piores centros universitários e centros federais (Cefet)

Ano Nome da instituição Estado Número de cursos IGC (Contínuo) IGC (faixa)
2016 Conservatório Brasileiro de Música – Centro Universitário RJ 1 1,8600 2
2016 Centro Universitário Paulistano SP 6 1,9043 2
2016 Centro Universitário Luterano de Manaus AM 11 1,9290 2
2016 Centro Universitário UNIRG TO 15 1,9335 2
2016 Centro Universitário Fluminense RJ 9 1,9345 2
2016 Centro Universitário de Jales SP 11 1,9423 2


Exame

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários