Redação Pragmatismo
Fotografia 23/Oct/2017 às 20:29 COMENTÁRIOS

Foto de brasileiro vence prestigiado prêmio internacional

"O Invasor Noturno". Imagem captada por fotógrafo brasileiro vence prestigiado prêmio internacional

o invasor noturno foto de brasileiro
O Invasor Noturno (por Marcio Cabral)

O registro de um tamanduá invadindo um cupinzeiro durante a noite venceu o prêmio WPY de melhor fotografia na categoria “Animais em Seus Ambientes”.

O WPY (Wildlife Photographer of the Year, ou Fotógrafo de Vida Selvagem do Ano) é um dos concursos de maior prestígio no mundo da fotografia.

Batizado de O Invasor Noturno, a foto é de autoria do brasileiro Marcio Cabral.

Durante três estações, Cabral acampou no Parque Nacional das Emas, em Goiás, esperando pelas condições ideais para capturar as luzes verdes emitidas por larvas de um besouro que vivem nas camadas externas dos cupinzeiros para atrair suas presas, os cupins.

O fenômeno ocorre durante o período de reprodução do inseto, quando os cupins tomam os céus para acasalar.

Depois de dias de muita chuva, Cabral finalmente conseguiu retratar a cena e acabou ganhando um bônus. Da escuridão apareceu um tamanduá gigante e começou a atacar o cupinzeiro com suas poderosas garras.

Protegido das picadas por seu pelo longo e sua pele borrachuda, o animal extraiu os cupins com sua língua excepcionalmente longa e pegajosa.

Tamanduás costumam ter visão limitada, mas são dotados de um faro apurado para localizar insetos. Por sorte, o vento estava a favor de Cabral, e o tamanduá permaneceu no local durante muito tempo para que conseguisse registrar a foto.

O fotógrafo usou uma objetiva grande-angular para incluir a paisagem, flash baixo e um tempo de exposição longo para capturar as estrelas e o show de luzes.

com BBC

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários