Redação Pragmatismo
Internet 03/Aug/2017 às 23:12 COMENTÁRIOS

Ataque de Hackers à HBO é muito pior do que o vazamento catastrófico da Sony

Hackers roubaram cerca de 1,5 terabytes de dados da HBO, mais do que sete vezes a quantidade roubada da Sony e que revelou a lavagem de dinheiro da empresa. A situação é tão séria que o FBI entrou no caso

ataque hackers hbo pior vazamento sony lavagem de dinheiro eua

Quando as notícias sobre o hackeamento da HBO começaram a aparecer nessa semana, as especulações giravam em torno do vazamento do script do próximo episódio de Game of Thrones.

Um texto da revista norte-americana The Hollywood Reporter retrata como o ataque virtual em larga escala pode ser potencialmente significativo.

A crítica de cinema da revista, Tatiana Siegel, disse que os hackers usaram “vários pontos de invasão” nos dados do canal, o que parece revelar um alto nível de sofisticação, e divulgaram uma mensagem aleatória, não deixando clara a intenção do ataque.

(Fontes me contaram que o ataque à HBO foi sofisticado, com conteúdos e dados armazenados separadamente – por exemplo: diversos pontos de invasão).

A situação é tão séria que o FBI entrou no caso. Uma empresa de segurança virtual que ajudou a resolver o hackeamento da Sony Pictures em 2014 também está investigando a ocorrência.

Em comparação ao que a HBO está enfrentando, o ataque à Sony até parece simples. Como Siegel mencionou, os hackers podem ter roubado 1,5 terabytes de dados da HBO, mais do que sete vezes a quantidade roubada da Sony (200 gigabytes ou 0,2 terabytes), que resultou no desligamento da co-presidente Amy Pascal.

Os efeitos do ataque à HBO ainda devem ser medidos. A rede de televisão e as autoridades ainda tentam descobrir o que foi roubado. Certamente seria um grande problema para a emissora se mais scripts ou episódios de Game of Thrones fossem vazados, mas a grande questão é se os hackers conseguiram obter e-mails e dados financeiros. Foi através desses dados que hackers vazaram informações sobre lavagem de dinheiro da Sony em 2014.

A companhia norte-americana de telecomunicações AT&T acordou recentemente a compra da Time Warner, dona da HBO, e há possibilidade que um ataque desse nível tenha ramificações financeiras nessa parte da empresa também.

A Netflix também foi hackeada no início desse ano, com vazamento online de episódios de Orange is the New Black. Mas o hackeamento da HBO, pelo menos até o momento, parece ser muito mais sofisticado.

Maxwell Strachan, Huffington Post

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários