Redação Pragmatismo
Mídia desonesta 18/Out/2016 às 17:37 COMENTÁRIOS
Mídia desonesta

Mídia monta carnaval em torno da "redução" do preço da gasolina

Publicado em 18 Out, 2016 às 17h37

Carnaval montado pela grande imprensa em torno da redução do preço da gasolina é do nível dos piores factoides criados na última década. Só mesmo uma enorme bolsa-mídia para sujeitar toda a imprensa a um ridículo dessa ordem

mídia carnaval petrobras diminuição gasolina
(Imagem: Pragmatismo Político)

Luis Nassif, GGN

É interessante contrapor o artigo do diretor de redação da Folha, Sérgio Dávila, sobre a pós-verdade com o carnaval montado pela imprensa em torno da redução do preço da gasolina. É do nível dos piores factoides montados na última década.

Se fosse para valer, a redução atropelaria todo o programa de ajuste da Petrobras, cujo endividamento cresceu justamente devido ao achatamento dos preços dos combustíveis.

Mas é um mero factoide.

Na prática significará uma redução de 0,05 ponto percentual na inflação anual. Ou seja, se a inflação prevista for de, digamos, 5,55%, a redução dos combustíveis a baixará para 5,5% – estatisticamente irrelevante.

Na bomba, a redução possivelmente nem será repassada ao consumidor final, tão ínfima que é. Aliás, com a alta nos preços internacionais do petróleo, qualquer norma de bom senso indicaria um reajuste para cima.

Em cima dessa falsa notícia, as manchetes dos jornais esmeram-se em divulgar as seguintes consequências:

1. Os jornais dizem que pela primeira vez em quase uma década, caem os preços da gasolina.

2. A redução dos preços ajudará o Banco Central a derrubar a Selic. Sem medo do ridículo.

3. O governo diz que, apesar do imenso alarido em torno da redução do preço do combustível, ele não precisará aumentar impostos para compensar esse estrondoso reajuste.

Só uma enorme bolsa-mídia para sujeitar toda a imprensa a um ridículo dessa ordem.

Leia também:
Por que é ruim para o Brasil retirar da Petrobras a exclusividade na operação do pré-sal?
Guia para não pagar mico quando falar do preço da gasolina
Um dia de fúria no posto de gasolina

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendações

Comentários