Redação Pragmatismo
Direitos Humanos 24/Out/2013 às 15:01 COMENTÁRIOS
Direitos Humanos

Um debate com 100 mulheres

Publicado em 24 Out, 2013 às 15h01

Cem mulheres que se empenham para construir um mundo melhor, se destacam nas mais variadas áreas e são aclamadas em todo o mundo participam de debate na BBC

debate cem mulheres bbc
(Divulgação – BBC)

Elas são aclamadas em várias partes do mundo pelo percurso que trilharam até agora. Estas 100 mulheres se destacam nas mais variadas áreas: fazem música, salvam vidas, educam os filhos, cuidam de empresas, escrevem, pregam, encenam e contam piadas. Elas lutam por suas causas e se empenham para construir um mundo melhor para si mesmas e para suas famílias.

Na sexta-feira, 25 de outubro, elas estarão reunidas na sede da BBC, em Londres, para um dia de debates e discussões.

[listaposts tipo=”relacionadosportags” titulo=”Leia também” total=”10″ posicao=”direita”]

Durante o evento, elas responderão perguntas sobre a posição da mulher nos dias de hoje e tentarão traçar seus objetivos para o futuro.

Você poderá acompanhar o evento através do Twitter da BBC Brasil @bbcbrasil.

Saiba quem são as 100 mulheres que estarão presentes – organizadas de acordo com sua posição na imagem acima:

Primeira fileira (da esquerda para a direita)

Salwa Abu Libdeh – jornalista de TV palestina

Madawi Al-Rasheed Saudi – acadêmica especialista em questões de gênero @MadawiDr

Nadia Al-Sakkaf Editor – Yemen Times @yementimes

Sreymom Ang Cambodian – designer de moda

Anna Arrowsmith English – diretora de filme pornô @annaarrowsmith

Joyce Aoko Aruga – professora no Quênia

Moe Thuzar Aung – vice-diretora da TV estatal de Myanmar (MRTV)

Rehana Azib – advogada baseada em Londres

Svetlana Bakhmina – advogada russa

Zainab Hawa Bangura – representante especial da ONU sobre violência sexual em conflitos

Segunda fileira

Michaela Bergman – conselheira chefe para Assuntos Sociais, do Banco Europeu para Reconstrução e Desenvolvimento

Claire Bertschinger – enfermeira anglo-suíça cujo trabalho inspirou o Live Aid

Ingrid Betancourt – ex-senadora franco-colombiana, que foi refém das Farc durante 6 anos @BetancourIngrid

Cherie Blair – advogada britânica @CherieBlairFndn

Emma Bonino – ministra das Relações Exteriores da Itália @emmabonino

Yvonne Brewster – diretora de teatro, professora e escritora

Gurinder Chadha – diretora de cinema @gurinderc

Irina Chakraborty – engenheira de origem russa, finlandesa e indiana

Eveles Chimala – parteira do Malauí

Terceira fileira

Chipo Chung – atriz e ativista chinesa zimbabuana @chipochung

Helen Clark – chefe do Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas, o ex primeira ministra da Nova Zelândia @HelenClarkUNDP

Diane Coyle – economista, escritora e blogueira @diane1859

Caroline Criado-Perez – jornalista e militante feminista britânica @ccriadoperez

Jody Day – fundadora do Gateway Women network childless women @gatewaywomen

Es Devlin – diretora de arte britânica

Klara Dobrev – advogada e economista húngara

Efua Dorkenoo – ativista contra a mutilação de órgãos genitais femininos @equalitynow

Sigridur Maria Egilsdottir – palestrante da Islândia

Marwa El-Daly – ativista social egípcia @marwadaly7

Quarta fileira

Bushra El-Turk – compositora britânica libanesa @bushraelturk

Obiageli Ezekwesili – assessora da fundação Open Society @obyezeks

Caroline Farrow – escritora católica, blogueira e ativista pró-vida @blondpidge

Anne Stella Fomumbod – ativista pelos direitos das mulheres em Camarões

Teresa Forcades – freira espanhola @TeresaForcadesF

Razan Ghazzawi – blogueira e ativista síria @RedRazan

Rebecca Gomperts – médica holandesa, responsável pelo projeto Women on Waves @rebeccagomperts

Tanni Grey-Thompson – vencedora de 11 medalhas de ouro nos Jogos Paraolímpicos @Tanni_GT

Parveen Hassan – britânica conservadora @PrettyTory

Barbara Hewson – advogada britânica @BarbaraHewson

Quinta fileira

Anis Hidayah – ativista indonésia que trabalha com direito de trabalhadores imigrantes @anishidayah

Deborah Hopkins – mãe e ativista política britânica @rugbymumno9

Rose Hudson-Wilkin – sacerdote britânica nascida na Jamaica

Bettany Hughes – autora e historiadora @Bettany_Hughes

Rubana Huq – fabricante de tecidos de Bangladesh @Rubanahuq

Leyla Hussein – ativista contra a violência e cofundadora do Daughters of Eve @LeylaHussein

Heather Jackson – fundadora do Two Percent Club @jackson_heather

Shelina Zahara Janmohammed – blogueira, colunista e autora @loveinheadscarf

Laura Janner-Klausner – Reform Judaism [email protected]

Aowen Jin – artista contemporânea chinesa @aowenjin

Sexta fileira

Andy Kawa – empresária sul-africana, e ativista contra violência @KwaneleEnuf

Tehmina Kazi – diretora da organização British Muslims for a Secular Democracy

Jude Kelly – diretora artística do Southbank Centre

Fereshteh Khosroujerdy – cantora iraniana cega

Kanya King – CEO e fundadora do Mobo Awards @KanyaKing

Fawzia Koofi – membro e ex-vice presidente do Parlamento afegão @FawziaKoofi77

Dina Korzun – atriz e ativista russa

Betty Lalam (sem foto) – professora de Uganda

Martha Lane-Fox – empresária britânica @Marthalanefox

Paris Lees – apresentadora transgênera @ParisLees

Sétima fileira

Ann Leslie – jornalista

Sian Lindley – pesquisadora em tecnologia social @SianLindley

Pontso Mafethe – gerente de programa do Comic Relief

Brooke Magnanti – antropóloga, escritora, e ex-profissional do sexo americana @bmagnanti

Mmasekgoa Masire-Mwamba – vice secretária geral do Commonwealth @commonwealthsec

Shirley Meredeen – membro fundador do Growing Old Disgracefully

Samar Samir Mezghanni – jovem escritora da Tunísia @SamarMEZ

Shazia Mirza – comediante britânica @shaziamirza1

Aditi Mittal – comediante indiana @awryaditi

Rosmery Mollo – ativista boliviana pelos direitos indígenas

Oitava fileira

Orzala Ashraf Nemat – professora e ativista afegã @Orzala

Pauline Neville-Jones – britânica, ex-ministra de Segurança

Susie Orbach – psicoterapeuta e autora @psychoanalysis

Mirina Paananen – pesquisadora islâmica

Claudia Paz y Paz – procuradora geral da Guatemala @mpclaudiapaz

Mariane Pearl – jornalista francesa, fundadora do Chime for Change @MarianePearl

Laura Perrins – mãe dona de casa @Lperrins

Charlotte Raven – feminista e jornalista britânica @charlotterave

Gail Rebuck – chefe executivo da Random House UK @gailrebuck

Justine Roberts – fundadora do Mumsnet @Justine_Roberts

Nona fileira

Sarah Rogers – da rádio comunitária de Serra Leoa, Voice of Women

Fatima Said – britânica egípcia pró-democracia @fattysaid

Balvinder Saund – presidente da Sikh Women’s Alliance

Kamila Shamsie – escritora paquistanesa baseada na Grã-Bretanha @kamilashamsie

Divya Sharma – indiana, engenheira de comunicação

Bahia Shehab – artista, designer e historiadora de arte de origem egípcia libanesa

Joanna Shields – CEO da Tech City Investment Organisation @joannashields

Stephanie Shirley – empresária e filantropa @LetITGoOfficial

Clare Short – britânica ex-ministra para Desenvolvimento Internacional

Jacqui Smith – ex-ministra do Interior da Grã-Bretanha @smithjj62

Décima fileira

Kate Smurthwaite – comediante e ativista britânica @cruella1

Rainatou Sow – guineana, fundadora do Make Every Woman Count

Louise Stephenson – conselheira britânica

May Tha Hla – birmanesa, fundadora de uma instituição de caridade para construção de escolas

Sarah Walker (sem foto) – chefe do English Collective of Prostitutes

Natasha Walterv – escritora, e ativista britânica

Judith Webb – primeira comandante do sexo feminino de esquadrão do Exército britânico @sjbwebb

Saadia Zahidi – chefe do Gender Parity and Human Capital, do Fórum Econômico Mundial @zahidi

Nervana Mahmoud – blogueira e comentarista egípcia

Dinara Zhorobekova – estudante do Quirguistão

BBC Brasil

Recomendações

COMENTÁRIOS