Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2016 10/Oct/2016 às 21:40
4
Comentários

A primeira pesquisa Ibope para a disputa de 2º turno no Rio de Janeiro

Depois do Datafolha da última semana, agora é o Ibope que divulga a sua primeira pesquisa para a disputa de 2º turno no Rio de Janeiro, entre Marcelo Freixo (PSOL) e Marcelo Crivella (PRB). Confira os números

marcelo freixo crivella segundo turno

Depois do levantamento do Datafolha divulgado na última semana, agora é o Ibope que divulga a sua primeira pesquisa para a disputa de 2º turno no Rio de Janeiro, entre Marcelo Freixo (PSOL) e Marcelo Crivella (PRB).

O Ibope ouviu 1.001 eleitores entre os dias 4 e 10 de outubro. A margem de erros é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa foi contratada pela Rede Globo e registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o protocolo RJ-00933/2016.

Confira os números abaixo:

.: Marcelo Crivella (PRB) — 51% (pela margem de erro, entre 48% e 54%)
.: Marcelo Freixo (PSOL) — 25% (entre 22% e 28%)
.: Branco/nulo/nenhum — 21%
.: Não sabe/não respondeu — 3%

Votos válidos:

Para calcular os votos válidos, são excluídos da mostra os votos brancos, nulos e os eleitores que se declaram indecisos. Esse procedimento é o mesmo usado pela Justiça Eleitoral na hora de divulgar o resultado oficial da eleição.

.: Crivella (PRB): 67% (pela margem de erro, entre 64% e 70%)
.: Marcelo Freixo (PSOL): 33% (entre 30% e 36%)

Migração dos votos

Assim como o Datafolha, o Ibope também avaliou a migração dos votos. Confira os cenários abaixo.

Entre os eleitores que votaram em Pedro Paulo (PMDB) no primeiro turno, 52% dizem que agora, no segundo turno, vão votar em Crivella, e 19%, em Freixo. Votariam em branco ou anulariam 25%, e 3% estão indecisos.

Entre os eleitores de Flávio Bolsonaro (PSC), 67% dizem que vão votar em Crivella no segundo turno, e 9%, em Freixo. Brancos e nulos: 19%; indecisos: 5%.

Eleitores de Indio da Costa (PSD): 37% dizem que vão votar em Crivella no segundo turno, e 30%, em Freixo. Brancos e nulos: 26%. Indecisos: 7%.

Eleitores de Osorio (PSDB): 47% pretendem votar agora em Crivella no segundo turno, e 19%, em Freixo. Brancos e nulos: 28%, e indecisos, 6%.

Eleitores de Crivella: 92% dizem que vão votar em Crivella no segundo turno, e 6%, em Freixo. Brancos e nulos: 2%. Indecisos: 0%.

Eleitores de Freixo: 7% dizem que vão votar em Crivella no segundo turno, e 90%, em Freixo. Brancos e nulos: 1%. Indecisos: 1%.

Entre os que disseram que, no primeiro turno, votaram em branco ou anularam o voto: 34% dizem que, no segundo turno, vão votar em Crivella, e 17%, em Marcelo Freixo. Outros 45% dizem que pretendem votar em branco ou anular novamente, e 4% estão indecisos.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Frank Postado em 11/Oct/2016 às 03:27

    A esquerda ficou acomodada com o PT no poder e se dividiu. Hoje temos vários grupos lutando por interesses, isso é legal, mas não há união, não há um bem maior, a esquerda virou cada um por si e PT x PSOL evidenciam isso. Enquanto esse lado dormia e se esfacelava, o outro manipulava. Agora o liberal, o fascista, o reacionário, o que vai contra o estado laico e até o direitista de verdade (que não precisaria apoiar golpe) faz parte de uma coisa só, meio vazia em ideal, mas muito grande.

  2. Marcos Angelus Postado em 11/Oct/2016 às 10:26

    Sinceramente, tenho muita dúvida quanto a essa ideia de "direitista de verdade" não apoiar golpes. Me parece que muitas das vezes que a direita retoma o poder, na América Latina, sempre é por meio de um golpe. Seja armado ou jurídico parlamentar. Quando ganha nas urnas, muitas das vezes, é por meio de um golpe midiático (digo golpe por ter a mídia ao seu favor e isso ser tão inconstitucional quanto um golpe pela força armada). Mesmo nos países "berço do liberalismo", que se dizem ultrademocráticos, a exemplo dos EUA, os presidentes podem não ter sofrido golpes, mas sempre apoiaram os golpes que a direita deu nos países latino americanos. Por isso, realmente eu tenho dúvidas se existe uma ala da direita que é "verdadeira", contra golpes e guardiã da Constituição e da democracia. Vejo que a direita é contra golpes enquanto ela não está muito tempo longe do poder. Penso que a verdadeira direita está ai, mais verdadeira do que nunca, somente por causa de um golpe jurídico, parlamentar e midiático.

  3. Ibope e Datafolha divulgam últimas pesquisas antes da eleição no Rio de Janeiro Postado em 29/Oct/2016 às 21:31

    […] tem 57% das intenções de votos válidos contra 43% de Freixo. No início do segundo turno, a diferença já chegou a ser de 67% a 30% para o bispo licenciado da Igreja […]

  4. Ibope E Datafolha Divulgam últimas Pesquisas Antes Da Eleição No Rio De Janeiro - Notícias do Brasil Postado em 30/Oct/2016 às 00:10

    […] tem 57% das intenções de votos válidos contra 43% de Freixo. No início do segundo turno, a diferença já chegou a ser de 67% a 30% para o bispo licenciado da Igreja […]