Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 20/Apr/2016 às 12:50
6
Comentários

Justiça condena Jovair Arantes, relator do impeachment de Dilma

Relator do impeachment é condenado pela Justiça eleitoral. Tribunal Regional Eleitoral de Goiás condena Jovair Arantes a pagar multa de R$ 25 mil por ter utilizado servidor comissionado da Conab em sua campanha eleitoral. Deputado diz que vai recorrer

Jovair Arantes condenado corrupção relator impeachment
Jovair de Oliveira Arantes, deputado federal pelo PTB/GO (reprodução)

Relator do processo de impeachment da Câmara, o deputado Jovair Arantes (PTB-GO) foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Goiás a pagar multa de R$ 25 mil por utilizar um servidor comissionado da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em sua campanha eleitoral, em 2014. Segundo a acusação, o funcionário trabalhou como cabo eleitoral sem estar de férias ou licenciado do cargo público entre agosto e setembro daquele ano. O deputado nega irregularidade e diz que vai recorrer.

A decisão foi dada na última segunda-feira (18), um dia após a Câmara aprovar o parecer de Jovair favorável à abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. Responsável pelo parecer da comissão especial, o deputado concluiu haver indícios de que Dilma cometeu crime de responsabilidade com as chamadas pedaladas fiscais e a edição de decretos orçamentários sem a autorização do Congresso.

Na época em que o servidor trabalhou na campanha, a Conab era presidida por Rubens Rodrigues dos Santos, indicado pelo petebista ao cargo. De acordo com a denúncia, Warllen Aparecido Lucas Lemos era assessor da presidência da companhia lotado em Brasília, mas trabalhou por dois meses no comitê eleitoral em Goiânia.

O artigo 73 da lei eleitoral proíbe agentes públicos de cederem servidores para comitês de campanha eleitoral durante horário normal de expediente, a não ser que exista uma licença. Jovair controlava a Conab desde o primeiro ano do governo Dilma, em 2011. De lá para cá, indicou todos os presidentes da companhia e controlou diretorias e 20 cargos de assessoramento no órgão. Após deixar a Conab, Rubens Santos assumiu uma vice-presidência da Caixa Econômica Federal, também por indicação de Jovair. O petebista, porém, perdeu os cargos após apresentar parecer pelo encaminhamento do processo de impeachment.

Relatório da Polícia Civil de Goiás indica que Warllen estava de férias apenas entre 8 e 27 de setembro de 2014. Rastreamento telefônico mostrou que o servidor atuava no comitê eleitoral em dias em que deveria estar em Brasília. A defesa alega que o endereço apontado é do escritório de representação parlamentar de Jovair.

O deputado afirmou ao Globo que Warllen trabalhou em sua campanha apenas no período de suas férias. Já o servidor alegou que esteve no escritório “algumas vezes” para buscar ou deixar uma namorada. O ex-presidente da Conab alega que as provas são “frágeis” e que seu ex-assessor não prestou serviços eleitorais ao deputado.

Congresso em Foco

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Deisi Postado em 20/Apr/2016 às 19:38

    Todos golpistas são iguais, que.é comparsa do cunha, é igual a ele.todos no mesmo balaio.

  2. C.Paoliello Postado em 20/Apr/2016 às 21:49

    Tucanos querem que Delcídio imude sua delação tirando Aécio e colocando Dilma. Em troca não vão cassá-lo: http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,tucanos-negociam-recuo-de-delcidio-em-acusacao-contra-aecio,10000027128

  3. Thiago Teixeira Postado em 21/Apr/2016 às 10:14

    E porque não condenaram antes? Engula suas multas simbólicas, TRE. É muito cinismo.

    • Carlos Magno Postado em 21/Apr/2016 às 18:32

      Thiago, exatamente essa a pergunta que faria : Porque não condenaram antes para o pilantra já chegar desmoralizado??. Prezado, temos que ter em mente que se um dia precisarmos de qualquer desses tribunais estaremos fodidos.

  4. roberto Postado em 22/Apr/2016 às 21:00

    Sera que os Juízes, Procuradores, Promotores não tem vergonha de receber auxilio Moradia valor de R$ 4.700,00 por mês, tendo ou não casa própria. Isto é UMA VERGONHA< mais VERGONHA recebem auxilio ALIMENTAÇÃO. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk SOMOS TODOS CUNHA.KKKKKKKKKKK.

  5. Sérgio Postado em 23/Apr/2016 às 04:04

    O Brasil de todas as raças, credos e cores unido pela democracia: https://www.youtube.com/watch?v=1IagAiOK9go