Redação Pragmatismo
Compartilhar
Impeachment 15/Apr/2016 às 16:07
8
Comentários

A sustentação oral de Eduardo Cardozo ficará para a história

A sustentação oral de José Eduardo Cardozo no plenário da Câmara dos Deputados durante sessão que avalia o impeachment de Dilma é, certamente, uma peça atemporal que constará nos livros de história e em outros registros. Assista

José Eduardo Cardozo defesa Dilma
O ministro-advogado da AGU, José Eduardo Cardozo

Em uma sustentação oral exemplar (assista a íntegra abaixo), equilibrada tanto no aspecto jurídico quanto no político, O ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), José Eduardo Cardozo, iniciou a defesa da presidente Dilma Rousseff hoje (15), na Câmara dos Deputados, lembrando que os tempos são outros, mas a Constituição é a mesma.

Ele considerou que o processo é nulo (por ter sido iniciado num ato viciado) e, se aprovado, o impeachment será uma ruptura constitucional. Cardozo também voltou a desqualificar o relatório do deputado Jovair Arantes (PTB-GO) que, para ele, “não sobrevive a uma simples análise, a uma simples leitura.”

“Não existe fato contra a presidente capaz de derrubar os 54 milhões de votos que a elegeram. Quando se suprime o voto, se perde a liberdade. A História não perdoará aqueles que romperem com a democracia. Qualquer governo que venha a nascer de uma ruptura institucional, não terá legitimidade para governar. Cedo ou tarde isso será cobrado”, afirmou Cardozo.

“Não há ilícito, não há dolo [intenção]. E, se esta Casa [a Câmara] vier a seguir outro caminho, estará revelando descompromisso profundo com aquilo que outrora se festejou quando se derrotou a ditadura no Brasil”, disse.

A defesa de Cardozo levantou um coro de deputados com a palavra de ordem “Não vai ter golpe”.

Assista a íntegra da defesa de Dilma apresentada por José Eduardo Cardozo abaixo:

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. ramone Postado em 15/Apr/2016 às 20:24

    Eu acho que quem perderá é a democracia, o país, os brasileiros, você inclusive.

  2. Júlio Postado em 15/Apr/2016 às 21:09

    Não vai ter golpe !!! A oposição não vai conseguir 2/3 necessários. Prestem atenção no número de ausências ($$$$) na votação. Não se espantem se até alguns deputados do PSDB deixarem de comparecer no dia da votação em troca de $$$$$$.

    • Pedro Postado em 17/Apr/2016 às 05:26

      Julio: qual é a grande questão na compra de votos? A questão é quem compra, ou o fato de parlamentares estarem absolutamente a venda? Quem é errado? O FHC comprando seus votos para a reeleição, o Lula com o mensalao, ou a feira-livre que é o congresso nacional? Deputados a venda significam que NOS, o povo, e nossos votos, estão a venda. Significa que nossas idéias e convicções podem ser comercializadas. Não adianta apenas apontarmos o indicador para FHC e sua compra de votos, para o mensalao. Temos que refletir profundamente sobre o que isso significa.

  3. Aristóteles Postado em 15/Apr/2016 às 21:11

    "Nos causa mais medo a ignorância do que o analfabetismo!" Esta frase será lembrada por todos(as) nós, caso o golpe venha a se concretizar. Veremos o quanto dói uma saudade, ao nos depararmos com um Brasil comandado por gente sem o menor escrúpulo, como Michel Temer e seu mentor, o intragável Cunha, somados a que tais como Serra e FHC. Aí, sim, os brasileiros e brasileiras vamos lamentar o leite derramado! Aí, sim, saberemos realmente quem perdeu!

  4. julia Postado em 15/Apr/2016 às 22:04

    Que defesa impecável!!! Parabéns! Respeitem o povo brasileiro e a democracia...vamos a luta...

  5. Pedro Postado em 16/Apr/2016 às 08:00

    Ele esta falando em lei onde o assunto é absolutamente politico. A lei é atemporal, a política momentânea. Vao esfregar a lama nos rostos do povo brasileiro, sem qualquer vergonha. Talvez seja bom para amadurecer o voto nos congressistas no longo prazo. Quem sabe?

  6. poliana Postado em 16/Apr/2016 às 12:16

    vc é um indivíduo medíocre! mediocridade te define, rodrigo!!! continue cantando vitória ants do tempo...

  7. Eduardo Ribeiro Postado em 16/Apr/2016 às 15:57

    Rodrisgoto é o herdeiro e sucessor filosófico da "Maria Mil Nomes"...nunca falou nada nada nada que se salvasse, meu irmão....negócio incrível mesmo....é aquele cara que vc aponta o dedo e fala sem medo: esse nunca acertou nem umazinha....100% de sandices...