Redação Pragmatismo
Compartilhar
EUA 22/Feb/2016 às 17:56
0
Comentários

Trump e Hillary vencem mais uma rodada de primárias

Hillary vence caucus em Nevada, e Trump, primária na Carolina do Sul; Bush deixa corrida republicana. Protagonista da noite, Bush desistiu da corrida após resultados considerados decepcionantes; Trump ganhou 44 delegados, Hillary, 19 e Sanders, 11

Jeb Bush campanha Hillary Trump
Jeb Bush, irmão do ex-presidente, se emociona ao abandonar campanha

A ex-secretária de Estado Hillary Clinton e o empresário Donald Trump saíram no último sábado (20/02) fortalecidos em suas candidaturas presidenciais após o caucus democrata em Nevada e a primária republicana na Carolina do Sul.

As primárias republicanas no estado sulista fizeram, além disso, que o ex-governador da Flórida Jeb Bush decidisse suspender sua campanha após seus maus resultados em Iowa, New Hampshire e hoje na Carolina do Sul, onde ficou em quarto sem conseguir sequer 8% dos votos. Com resultado, Trump obteve 44 delegados.

Na disputa democrata em Nevada, e com 89% da apuração realizada, Hillary ficou com a vitória após receber 52,6% de apoio contra 47,3% do senador por Vermont Bernie Sanders. Com votação, ela obteve 19 delegados e Sanders, 15.

No cômputo nacional, Hillary tem 502 delegados (incluindo 451 super delegados) e Sanders, 70. Para ser declarado vencedor, os democratas precisam de um total de 2.383 representantes. Já do lado republicano, Trump tem 61 delegados, Ted Cruz, 11 e Rubio, 10. Para vencer, são necessários 1.237 representantes.

O protagonista da noite, no entanto, foi Jeb Bush, que, emocionado, declarou estar desistindo da campanha. O irmão do ex-presidente George W. Bush nunca conseguiu liderar as pesquisas, sempre atrás de rivais como Trump, Cruz e Rubio, apesar do enorme aporte financeiro com o qual contava.

Corrida democrata

A vitória de Hillary em Nevada, um Estado no qual partia como favorita, foi, no entanto, apertada e refletiu a recuperação de Sanders, que as pesquisas antecipavam nos últimos dias.

Na corrida eleitoral democrata, as primárias de Nevada eram uma parada simbólica, já que ao contrário de Iowa, onde Hillary venceu por diferença mínima, e New Hamphsire, onde Sanders ganhou com comodidade, o estado tem maior diversidade e tem, por exemplo, mais de 25% de sua população é de origem latina.

Em seu discurso após a vitória, Hillary afirmou que “os americanos têm direito de ficarem zangados, mas também famintos de soluções de verdade”. “Alguns podem ter duvidado de nós, mas nós nunca duvidamos de nós mesmos”, disse, em discurso para seus eleitores no hotel Caesars Palace de Las Vegas.

Sanders reconheceu a vitória de Hillary, mas expressou sua esperança de poder mudar a situação na Super Terça do dia 1º de março, quando são realizados os caucus em Alabama, Arkansas, Colorado, Geórgia, Massachusetts, Minnesota, Oklahoma, Tennessee, Texas, Vermont (seu Estado) e Virgínia.

A primária seguinte dos democratas será na próxima terça-feira (23/02) na Carolina do Sul, um estado no qual Hillary conta com uma sólida vantagem, segundo as pesquisas.

Opera Mundi

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários