Redação Pragmatismo
Compartilhar
Rede Globo 07/Apr/2015 às 10:26
21
Comentários

Manifestantes expulsam equipe da Globo do Complexo do Alemão

Aos gritos de “Globo assassina” e o coro “o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo”, equipe da emissora é expulsa do Complexo do Alemão durante manifestação contra a violência policial e a morte do menino Eduardo de Jesus Ferreira, de 10 anos de idade

Uma equipe da Globo News foi cercada, hostilizada e expulsa no último sábado (4) de manifestação no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, que reivindicava o fim da violência, após noventa dias de tiroteios e confrontos e quatro mortos. O estudante Eduardo de Jesus Ferreira, 10, –atingido com um tiro de fuzil na cabeça– está entre as vítimas.

A equipe da Globo trabalhava na cobertura da manifestação no conjunto de favelas, quando foi cercada e vaiada por um grupo de pessoas. Os profissionais foram obrigados a deixar o local sob gritos de “Globo assassina” e o tradicional coro “o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo”. O canal informou que, segundo a Anistia Internacional, o grupo não era formado por moradores. Os organizadores do movimento defenderam o trabalho da imprensa.

VEJA TAMBÉM: Sob vaias, Angélica e Globo são obrigados a deixar universidade

Os protestos terminaram por volta das 14h, sem confrontos, após percorrer diversas ruas do Complexo do Alemão. Os moradores vestiam roupas brancas e distribuíram balões pedindo o fim da violência. O ator Paulo Betti, que interpretou o jornalista Téo Pereira em “Império”, também participou dos atos.

Em carros de som e nos cartazes, os manifestantes gritavam “Fora UPP” e vaiavam as equipes policiais que acompanharam o protesto, organizado por associações de moradores, lideranças locais, coletivos culturais e organizações comunitárias.

informações de UOL

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. JOÃO SÉRGIO Postado em 07/Apr/2015 às 10:54

    Eu estava esperando isso do povo a anos, a rede globo já passou dos limites com um jornalismo mentiroso e perverso. a globo é caso de segurança nacional, ela a globo desestabiliza a nação, a soberania nacional é pra ser fechada.

  2. Tatiana Postado em 07/Apr/2015 às 11:15

    "O canal informou que, segundo a Anistia Internacional, o grupo não era formado por moradores." oi? a globo tenta justificar qndo deveria rever seus conceitos de jornalismo

    • Bruno Postado em 07/Apr/2015 às 11:27

      E não era mesmo, a população mais pobre é a que mais dá audiência pra globo. Até mesmo pela expressão usada, o grito de guerra, é bastante óbvio que é obra de movimento social. Rever o conceito de jornalismo é igual a pender pra esquerda certo? Curiosamente os mais radicais de direita no Brasil acham que a globo é de esquerda, e eles também acham que esse tipo de jornalismo tinha que ser revisto. E radical de direita não é todo mundo que não concorda com a esquerda viu?

      • Vicente Postado em 07/Apr/2015 às 11:49

        Não, Bruno. Rever o conceito de jornalismo significa mostrar os fatos sem distorcê-los, sem mentir e omitir. Divulguem, sob sua ótica, mas sem omissões e distorções. Quando alguém acusa político do PT, são vários minutos de acusação. Aí ouvem alguém do PSDB. Aí dão 10 segundos pro cara se defender. Quando a acusação é contra o PSDB, são 30 minutos para defesa e 10 segundos para acusação e ninguém do PT é ouvido. É só ver como a Globo divulga a operação Zelotes, o escândalo do HSBC e como divulga a Lava Jato. Quando interessa, eles mostram só a acusação e o tempo todo. Quando não interessa a eles, mostram a acusação já diluída, com "poderia ter sido", sempre seguida de um "mas o acusado desmente..." e o desmentido muitas vezes vem antes mesmo da acusação. Ninguém quer que a Globo seja de esquerda. Só não se deseja que distorçam os fatos, omitam outros.

      • Thiago Teixeira Postado em 07/Apr/2015 às 12:36

        Excelente ponto de vista Vicente. Compactuo a mesma observação.

      • Eduardo Ribeiro Postado em 07/Apr/2015 às 14:40

        "Rever o conceito de jornalismo é igual a pender pra esquerda certo?". Não. Se eles passassem a fazer jornalismo, jornalismo de verdade, estaria de bom tamanho já.

    • Thiago Teixeira Postado em 07/Apr/2015 às 11:49

      Eu acompanhei essa pérola na Globo News. Que Anistia Internacional? Que isso? Da onde saiu essa entidade? Anistia Internacional = Podemos tirar se achar melhor, chefinho Ali Kamel.

  3. rolha Postado em 07/Apr/2015 às 11:25

    desprezo para rede globo.....

  4. leonardo Postado em 07/Apr/2015 às 11:29

    Militontos infiltrados!!!!

  5. baiano arretado Postado em 07/Apr/2015 às 12:12

    O rapaz em cima do carro e com o microfone na boca dizendo: "Pessoal, eles estão cobrindo nosso ato", "eles só estão fazendo cobertura", "Não é pra mexer com a imprensa", etc, referindo-se aos manifestantes que estavam expulsando a equipe da globo. Mas se eles forem só cobrir o evento, não há problemas, o problema é distorcer os fatos.

  6. Pedro Postado em 07/Apr/2015 às 12:21

    Tem um ponto que eu sempre penso (não desmerecendo ou não apoiando), mas a globo tem poder porque tem muita gente assistindo ela né? e porque não não assistir? porque se importar com o que as outras pessoas (que inocentemente sintonizam a globo e são influenciadas somente pelo que ela transmite) pensam? as vezes acho que essas pessoas pensariam do mesmo jeito com o sem rede globo. Mas apoio o fim da rede globo, só n sei o alcance da transformação que isso causaria

  7. Denisbaldo Postado em 07/Apr/2015 às 13:03

    Vamos lá aonde??? Voce só fez perguntas, nada esclareceu. Te respondo com uma outra pergunta então: Se voce morasse em qualquer local dominado pelo tráfico voce colocaria em sua pauta de manifestações a presença destes amáveis personagens?

    • José Ferreira Postado em 07/Apr/2015 às 13:49

      Eu nunca vi morador falando que o tiro veio do traficante. Os favelados adotam a política de "dois pesos e duas medidas", pois quando um traficante mata alguém em um tiroteio, ninguém faz nada.

    • Denisbaldo Postado em 07/Apr/2015 às 13:58

      Verdade, a culpa dos traficantes matarem os filhos dos "favelados" é dos próprios "favelados", afinal os "favelados" não fazem nada, eles adotam a política dos "dois pesos e duas medidas". Que merda essa porra de "favelado" existir não é mesmo??? Nem para combater os traficantes eles servem!?!?! Afinal a polícia está ocupada defendendo os nossos bairros para que estes "favelados" não cheguem muito perto. Arrghhhh!

    • José Ferreira Postado em 07/Apr/2015 às 15:36

      Quando falo que "ninguém faz nada" é no sentido que as autoridades e os defensores dos "direitos humanos" não falam nada quando uma pessoa morre por conta de um tiro de uma arma de um traficante em um tiroteio.

  8. Riaj Postado em 07/Apr/2015 às 13:34

    Os acólitos do detrito sólido da maré baixa que chafurdam nesse mesmo lodo da rede engana bobo, acreditam que somente os militantes tem aversão a essa fétida emissora. Acorda naro baba ovo.

  9. roberto ferreira dos sant Postado em 07/Apr/2015 às 15:44

    Eu não quero acabar com a Globo. Quero sim, que ela pague os seus impostos, inclusive os direitos autorais. e entre outras coisas, que aprenda a fazer um jornalismo limpo e honesto. Enfim: Que seja mais informativo e menos político. Só isso. Mas aí eles se acabam sozinhos.

  10. jarau Postado em 07/Apr/2015 às 20:53

    CHEGA DE REDE GLOBO, FILHOTE DA DITADURA MILITAR, GLOMENTIRA E SUAS FILIAIS. Não olhar seus jornais de noticias. DILMA, por que não cassar sua concessão publica. O Brasil será melhor.

  11. enganado Postado em 07/Apr/2015 às 21:28

    Sr. Naro Resposta as suas 3 perguntas: 1) Porque o tráfico tem poder de fogo e mata quem atrapalhar; 2) Porque o tráfico tem poder de fogo e mata quem atrapalhar; 3) Porque o tráfico tem poder de fogo e mata quem atrapalhar. Então só resta o senhor dar uma mãozinha sua, aos moradores do Complexo do Alemão, para que suas perguntas façam sentido. Então vamos lá: Qual o governo que permitiu a instalação e permanência do tráfico naquela comunidades? Com certeza foi antes do ano de 2002.

    • enganado Postado em 07/Apr/2015 às 23:57

      Sr. Naro Colher de chá! O Brizola-1982 (ex-governador-antes de 2002) foi na televisão e avisou que não subiria o morro porque lá não se fabricava AR-15 e nem se produzia tóxicos. O tóxico passava por S. Paulo (sec. de segurança: Romeu Tuma/DEM) e vinha para Rio. A PF_DB tinham 11 agentes-RJ para combater o tráfico. Então concluiu que aqueles desleixos com as Comunidades transformariam o Tráfico em "Guerrilha Urbana". O que aconteceu? A sua Direita, não o mataram porque faltou coragem de um assassinato naquelas alturas da vida polítca do BRASIL. Degradaram o Brizola mais que puderam, além daquelas pérolas da fuga de calcinha para o Uruguai. Continuando ... passado tempo um veio o gen. Figueiredo e pronuncia a famosa frase distorcida daquele aviso do ex-governador: "Qdo a Rocinha descer do Morro, ninguém segura", ou seja a tal "Guerrilha Urbana". Pergunto: Esses ocorridos são causas ou consequências dos fatos passados? De 2002 até os dias atuais, o PT tem que consertar o BRASIL custe o que custar, ou seja, aquilo que vem podre, desde 1500, desta Direita ordinária/safada/cretina/apátrida/entreguista/.... . Tá bom. Acorda zé!

  12. poliana Postado em 08/Apr/2015 às 13:23

    naro, n sei se vc chegou a ler, mas está hj em todos os sítios de notícias q a polícia admitiu q "pode" ter atirado no menino...e aí, o q vc diz?