Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 05/Feb/2015 às 18:03
31
Comentários

Pedro Barusco diz que recebe propinas desde 1997 na Petrobras

Ex-gerente da Petrobras afirma receber propina desde 1997. Pedro Barusco afirma ter recebido propinas desde o governo FHC e estima que o PT recebeu, entre 2003 e 2013, de US$ 150 a US$ 200 milhões com o esquema

Pedro Barusco petrobras
Pedro Barusco, ex-gerente-executivo de Serviços da Petrobras

Em depoimento prestado à Polícia Federal no dia 21 de novembro de 2014, o ex-gerente-executivo de Serviços da Petrobras Pedro Barusco diz ter recebido propinas em troca da aprovação de contratos desde 1997 ou 1998. Ou seja, ainda durante o governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB). O depoimento prestado sob o acordo de delação premiada tornou-se público nesta quinta-feira 5.

O primeiro pagamento de propina que Barusco afirma ter participado diz respeito a dois contratos firmados com a empresa holandesa SBM, em 1997 ou 1998. Em novembro de 2014, a SBM fechou um acordo com o Ministério Público da Holanda e aceitou pagar 240 milhões de dólares como punição por pagamentos de propina ocorridos entre 2007 e 2011 no Brasil, na Guiné Equatorial e em Angola. O recém-revelado depoimento de Barusco, no entanto, revela que a prática de pagamento de propinas na estatal começou ao menos dez anos antes.

Barusco explica que foi envolvido no esquema porque os contratos exigiam sua participação técnica, uma vez que ele era o coordenador da área técnica e ocupava o cargo de Gerente de Tecnologia de Instalações no âmbito da Diretoria de Exploração e Produção. Após a formalização do primeiro contrato, o pagamento de propinas virou rotina uma vez que “esses contratos eram de longa duração e, desse modo, o pagamento das propinas também perdurou por longos anos”, afirma. Barusco foi gerente de Tecnologia de Instalações, entre 1995 e 2003, de onde saiu para assumir o cargo de Gerente Executivo de Engenharia.

O depoimento do ex-gerente também desmente a versão defendida por empresas e construtoras de que o pagamento de propinas era algo necessário para que elas vencessem os contratos. Segundo ele, o pagamento de propina era “uma iniciativa que surgiu de ambos os lados e se tornou sistemática a partir do segundo contrato da FPSO (plataforma de petróleo) firmado entre a SBM e a Petrobras no ano 2000”. Apenas com os contratos entre a Petrobras e a SBM, Barusco afirma ter recebido aproximadamente US$ 22 milhões, entre 1997 ou 1998 e 2010. Esse valor era transferido para dois diferentes bancos internacionais até terminar no Banco Safra, situado na Suíça, em 2003.

Em outro contrato firmado com entre a Transpetro e a empresa Progress, que tinha o mesmo representante que a SBM, entre 1997 e 1998, também houve pagamento de propina. Em 2007, outro contrato entre a SBM e a Petrobras para o fornecimento de uma plataforma de petróleo, a P57, no valor de 1,2 bilhão de reais, Barusco afirma ter recebido 1% de propina sobre o valor do contrato.

Repasses para o PT

Segundo ele, as propinas representavam de 1 a 2% do valor total de contratos de grandes obras e era dividida entre ele, Renato Duque, diretor de Serviços da Petrobras, e João Vaccari Neto, tesoureiro do PT. A estrutura do esquema revelada por Barusco consistia em repassar metade do valor das propinas para o PT e dividir a outra metade entre Barusco e Duque. Em seu depoimento, Barusco estima que o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, recebeu de 2003 a 2013, algo em torno de 150 milhões a 200 milhões de dólares. De acordo com o ex-gerente, o ex-diretor Renato Duque pediu US$ 300 mil “a título de reforço de campanha” durante as eleições de 2010, provavelmente atendendo ao pedido do tesoureiro do PT.

Entre fevereiro de 2003 e março de 2011, período em que os presidentes da república eram Lula e Dilma, respectivamente, “houve pagamento de propinas em favor de Duque e em favor de João Vaccari Neto, em nome do PT”, afirma Barusco. Ele estima que neste período foram firmados aproximadamente 90 contratos de obras de grande porte entre a Petrobras e empresas coligadas e diversas construtoras, a maioria integrante de cartel.

Divisão de propinas

Indagado pela Polícia Federal (PF) sobre a sistemática divisão das propinas a partir de tais contratos, Barusco disse que quando os contratos envolviam a Diretoria de Abastecimento, o percentual cobrado de propina normalmente era de 2%, sendo 1% para Paulo Roberto Costa, 0,5% para o tesoureiro do PT João Vaccari Neto e 0,5% para Renato Duque.

Quando os contratos envolviam a Diretoria de Gás e Energia, inicialmente dirigida por Ildo Sauer e depois por Maria das Graças Foster, o percentual de propina variava entre 1% e 2%. Metade dos recursos provenientes da propina era repassada ao tesoureiro do PT, enquanto a outra metade ficava com Barusco e Renato Duque. Apesar do acordo, Barusco afirma que às vezes as propinas caíam integralmente nas mãos do Partido dos Trabalhadores.

Sauer e Graça Foster, diz Barusco, não tinham conhecimento do esquema. Ele afirmou à PF que “não tinha espaço para conversar essas coisas com Ildo Sauer e com Graça Foster”.

Os mesmos percentuais de recebimento e divisão propina eram aplicados na Diretoria de Exploração e Produção. Já na Diretoria de Serviços, as propinas eram de 2%, sendo 1% destinado ao PT e o outro 1% dividido entre Barusco e Renato Duque.

Os cerca de 90 contratos de obras de grande porte, firmados entre 2003 e 2013, renderam a Barusco algo em torno de 40 milhões e 50 milhões de dólares, sendo 90% deste valor depositado nas 20 contas mantidas em seu nome e no nome de empresas situadas em paraísos fiscais. Os outros 10% eram recebidos em espécie no Brasil.

O valor recebido em dinheiro por Barusco foi pago por intermédio de operadores das construtoras Toyo, Camargo Correia, Galvão Engenharia, EIT, Contreiras, UTC, MPE, OAS, Mendes Junior, Andrade Gutierrez, Schain, Carioca e Bueno Engenharia.

PT rechaça acusações

Em nota oficial, o PT declara que “o partido recebe apenas doações legais e que são declaradas à Justiça Eleitoral. As novas declarações de um ex-gerente da Petrobras, divulgadas hoje, seguem a mesma linha de outras feitas em processos de ‘delação premiada’ e que têm como principal característica a tentativa de envolver o partido em acusações, mas não apresentam provas ou sequer indícios de irregularidades e, portanto, não merecem crédito. Os acusadores serão obrigados a responder na Justiça pelas mentiras proferidas contra o PT”.

Já o advogado de Vaccari Neto “reitera que o Partido dos Trabalhadores – PT, não tem caixa dois, nem conta no exterior, que não recebe doações em dinheiro e somente recebe contribuições legais ao partido, em absoluta conformidade com a Lei, sempre prestando as respectivas contas às autoridades competentes.

Sua defesa registra ainda, que o Sr. Vaccari permanece à disposição das autoridades, para prestar todos e quaisquer esclarecimentos, e que sua condução coercitiva, desta data, entendeu-se desnecessária, pois bastaria intimá-lo, que o Sr. Vaccari comparece e presta todas as informações solicitadas, colaborando com as investigações da operação “Lava Jato”, como sempre o fez.”

Fabio Serapião e Marcelo Pellegrini, CartaCapital

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Sergio Carneiro Postado em 05/Feb/2015 às 20:20

    Metade dos nossos políticos são uns incapazes, a outra metade são capazes de tudo.

  2. poliana Postado em 05/Feb/2015 às 20:58

    Vou te contar viu...acabei de ver essa matéria sobre o depoimento de barusco no jn...esse lixo de veículo citou o trecho q ele disse q receber propina na petrobras era algo endêmico e institucionalizado, mas "ESQUECEU" de citar a parte em q ele diz q isso ocorre desde 1997!!!!!! Essa eh a imparcialidade q o bonner prometeu!

    • Paulo Postado em 05/Feb/2015 às 22:07

      No site da globo a mesma coisa, nenhuma linha sobre corrupção no governo FHC.

      • poliana Postado em 05/Feb/2015 às 22:32

        Não adianta paulo...essa mídia lixo vai blindar o psdb de todo jeito e fazer de tudo pra responsabilizar exclusivamente o pt pelos escândalos da petrobras. Eh um absurdo. Tudo pra fazer com q o psdb retome a presidência da república...q nojo viu! Eh de uma má fé impressionante!

    • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 08:25

      Nossa, também fiquei indignada! No site da globo até cita sobre a corrupção desde 1997, mas de uma forma bem sutil. E no JN eu só ouvi que o PT recebeu propina, pq o PT não sei o quê... Me desculpe, mas só não vê a perseguição quem não quer! Tudo bem, muitos do PT estão envolvido, mas do jeito que é noticiado... Uma grande parte da população tem acesso a internet, porém a mídia televisiva é muito forte ainda, principalmente entre os mais velhos... Estou revoltada!

      • Eduardo Postado em 06/Feb/2015 às 08:55

        Priscila, os brasileiros estão revoltados com o nosso dinheiro sendo roubado, seja lá por quem!!! e vc esta revoltada com a mídia porque só falou do PT? eu até entendo que sua "religião" não permite, mas sai desta "igreja", ela é satânica!!!

      • Thiago Teixeira Postado em 06/Feb/2015 às 09:38

        A saia dessa cegueira de que não existe perseguição ou preferencias políticas da mídia golpista, isto já beira ao retardamento mental.

      • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 10:00

        A Revolta com a corrupção é tão óbvia que não preciso explicar. Mas a maior revolta é a manipulação da mídia, pois o povo está achando que apenas tirando o PT do poder vai resolver o problema de corrupção... Não tenho "religião" Eduardo, mas tenho opinião, não fico repetindo palavras óbvias. Mas para resolver o problema de corrupção não basta tirar o PT, isso que vc não entende... É preciso mais esclarecimento para que o povo não vote em partido que é tão corrupto que nunca vemos a corrupção. E é preciso que cite TODOS os envolvidos, caso contrário, nada vai adiantar.

    • Vinicius Postado em 06/Feb/2015 às 12:02

      Mas você ainda assiste esse lixo? Temos que deixar de financiar o jornazismo. A Globo tá decadente, temos que empurrar ela de vez pro buraco.

      • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 14:23

        Infelizmente eu assisto (ás vezes)... Estou sem internet em casa (temporariamente) e nunca gostei de TV, por isso tenho apenas uma TV de 14 polegadas na cozinha, assisto enquanto estou jantando, por curiosidade mesmo de saber o que se passa. E onde moro só pega a Globo, hehehe! Mas não se preocupe, não será 20 minutos com a TV ligada na Globo que estarei ajudando em audiência... Mas vejo o lado bom, fico sabendo a informação que é passada para o povo e posso argumentar com minha mãe. Ela assiste a Globo e quase sempre acredita, aí converso com ela, mostro no site outras informações, e ela cai na realidade... Isso pra mim é uma grande vitória, já que a maioria das pessoas pensam globo com convicção e não há nada que mude seu pensamento.

    • Vinicius Postado em 06/Feb/2015 às 12:05

      Para acabar com a corrupção não basta tirar PT ou PSDB do poder. Tem que tirar a Globo do poder.

  3. João Postado em 05/Feb/2015 às 23:49

    As propinas no governo do Collor somaram aproximadamente 10 milhões de doletas, em valores atuais, no período de 2 anos. O PT recebeu de 150 a 200 milhões (valor estimado) em dez anos. Os anos passam, nada muda.

  4. Jonas Schlesinger Postado em 06/Feb/2015 às 00:34

    Realmente a corrupção está enraizado nos principais partidos políticos. Sou a favor do impeachment, se comprovado algo contra a presidente. No entanto deve punir não só um partido, mas quem estiver envolvido até o talo. Isso inclui ex presidentes, tesoureiros, diretores e outros políticos. Hoje a Petrobrás virou um antro para uma máfia mais influente que do velho Alcapone. Se for comprovado a culpa até do papa, que o prenda. Não é possível. Isso não é uma democracia plena não. O Brasil se resumiu à Indonésia, México, África do Sul e outras republiquetas. O pior governo é o da república presidencialista porque o chefe de estado eleito tem apadrinhamento e seus camaradas. Vejam que os países mais democráticos do mundo são monarquias constitucionais parlamentares. Há fiscalização dos três poderes na Suécia, Noruega, Inglaterra etc pelo poder moderador. Gente, não quero iniciar aqui um discurso pró monarquia não (apesar de ser monarquista convicto e de facto), mas desde 1889 o brasil só vem se ferrando com esse governo e os dois golpes militares (1889 e 1964) deixaram claro que o povo sempre vai se ferrar. Hoje não estamos na ditadura, mas corrupção, violência... tudo isso tá aumentando. A Dilma que tanto criticou a Marina por causa da Neca Setúbal e o Aécio com Armínio Fraga... fez a mesma coisa com Joaquim Levy. Foi um golpe neoliberal (odeio neoliberalismo) para o povo. Lá no Carta Capital e no Brasil 247 eles criticaram a presidente sim, mas nunca vi isso aqui. Principalmente CC que mais me chamou a atenção. Portanto, por isso e por várias coisas que o Brasil, apesar de não querer mais ser vira-lata, nunca será um pedigree. Estou falando, nosso país de uns tempos pra cá só se ferra. E como o povo é o Estado... somos nós os ferrados. Que se puna quem quer que for, do gari que recebeu dinheiro ilícito aos gigantes da hierarquia brasileira. Tenho dito, boa noite.

    • Jonas Schlesinger Postado em 06/Feb/2015 às 00:38

      Qualquer erro de português ou de coerência me deculpe. Estou no cel.

    • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 08:31

      O problema de ocorrer um impeachment é que o Michel do PMDB que vai assumir, outro partido da corja... Resolveria nosso problema? Vai desestabilizar o país e a mídia vai contribuir para que todos pensem que o único problema foi o PT e nas próximas eleições só vai dar PSDB, outra corja... O povo tem que ser mais participativo, investigativo e político. Parar de ser influenciável e manipuláveis...

      • Jonas Schlesinger Postado em 06/Feb/2015 às 16:15

        Sim, mas independentemente de quem estáno planalto SE for culpado, impeachment sim senhora. Que democracia é essa? O povo é julgado pela lei e um presidente que está lá por causa do povo, não? Priscila ninguém está acima da lei, ninguém. Prezo a ética antes do partidarismo. É claro que ia desestabilizar opaís, mas como disse e afirmo... se o país tivesse um poder moderador com certeza seria de primeiro mundo. Exceto os EUA, nenhuma república presidencialista alcançou a plena democracia. Está aí o estrago.

      • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 16:37

        Com certeza, se a Dilma for culpada deve haver o impeachment. Quando comentei sobre isso, quis dizer na tentativa de impeachment devido a pressão da mídia e golpistas. A ética sempre deve estar em primeiro lugar, acima de tudo e de todos! Infelizmente ética não costuma fazer parte das atitudes dos políticos, mas concordo contigo! Não sou partidária, votei na Dilma no segundo turno, pois minha opção era ela ou Aécio e me recuso a votar em branco ou nulo!

  5. Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 08:52

    Pior de tudo é que o PMDB está sempre no Comando! Agora "apoia" o PT, outrora PSDB. Ele está sempre ali, do lado de quem está no poder, fazendo seus estragos...

  6. Thiago Teixeira Postado em 06/Feb/2015 às 09:50

    É assim que grande parte da elite branca de olhos azuis enriquece e enriqueceu no Brasil. Roubando, se apropriando de terras no passado, recebendo propina, explorando trabalhadores, e hoje ficam sentados em seus luxuosos condomínios exigindo a morte e crucificação do marginalzinho do poste com seu copo de Whisky 12 anos nas mãos e uma porção de gorgonzola na outra.

    • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 10:08

      Uma boa educação poderia mudar esta realidade... O problema estão nas raízes, é preciso plantar novamente!

      • Zemauro Postado em 06/Feb/2015 às 12:50

        Pricila você falou tudo, Educação! é isso que tá causando medo nessa elite fascista, eles querem destruir a Petrobrás, pois a grana do pre-sal vai transformar a situação da Educação no Brasil, e eles que Educção e sinonimo de transformação, um povo educado, não se deixa ser enganado e/ou manipulado, porem o povo ainda tem pouca informação, e quando recebe, recebe distorcida via PIG, precisamos nos organizar, nas nossas bases, para barramos essa escalada da direita reacionária, nazi/facista, conclamo o povo para que defendamos a democracia, e nossas instituições, e governo, ate a vitoria sempre...

      • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 14:25

        Concordo com a organização Zemauro para barrar toda esta palhaçada! Pelo visto o dinheiro do pré-sal destinado à educação já era...

    • Mauro Souza Postado em 15/Mar/2015 às 21:39

      Thiago, cara, tu fostes profundo e realista. O problema da nação brasileira é tão somente esse: a elite hipócrita que quer sempre o negro e o pobre sob os seus pés. Ela é capaz de massacrar, matar e tudo que for preciso caso perceba que perderá 0,01 de lucro. Isso ficou provado hoje nas manifestações: pediram até a volta de Hitler e do regime militar. Eu queria que somente um elitizado ficasse 30 segundos numa câmara de Hitler ou na sala de tortura do DOICOI. Nunca mais se ouviria falar em elite!

  7. Luís Fernando Postado em 06/Feb/2015 às 09:52

    O que podemos concluir de tudo isso? Roubaram, roubam e roubarão sempre nesse país. Não importa o partido e não importa o governo. A roubalheira já começou desde quando o Brasil foi recebido pelos portugueses.

    • Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 10:06

      Concordo, mas não podemos desistir do Brasil! Uma pena que a maioria não concorda com o ideal de Karl Marx! Em minha humilde opinião é o melhor modelo de política. Claro, sempre teremos o HOMEM CORROMPIDO para se aproveitar deste ideal... Mas desistir do Brasil, nunca!

      • Eduardo Postado em 06/Feb/2015 às 13:55

        mas com ratos eleitos fazendo a maior força para entregar o que é nosso aos gringos, para que estes nos escravizem.... é uma luta herculeia.

  8. Alexandre Postado em 06/Feb/2015 às 09:58

    por isso não se vota! Democracia não existe, é ilusão! O poder é daqueles que não vemos. Em qualquer país

  9. Eduardo Postado em 06/Feb/2015 às 13:53

    O tempo todo a sigla e nome do Partido dos Trabalhadores é citado pelo "delator" que daqui a pouco também será premiado.... mas em nenhum momento a do PSDB é citado, ela faz menção ao governo fhc, mas protege o partido que ele representa.... é no mínimo parcial esse depoimento, tem que ser visto isto também pela justiça. Se tem culpados que citem todos e não omitam nenhum... é por isto que o Brasil fica marcando passos... e no final quem paga o pato é o povo.

  10. Priscila Postado em 06/Feb/2015 às 14:10

    É vdd Eduardo, que citem todos! Mas sabemos que isso não acontece... Estou agoniada, porque é uma questão muito importante "o desfecho da corrupção", mas enquanto continuar esta palhaçada, só vai piorar...

  11. virginia Postado em 07/Feb/2015 às 20:37

    Muito bem Zemauro e Priscila!! Lamentável que o PT tenha adotado as práticas do PSDB e do PMDB. Também estou revoltada com a mídia e enojada com a falta de visão crítica de parte da classe média brasileira. Realmente precisamos de EDUCAÇÃO e à elite está lutando para impedir esse processo, que deveria se dar com parte da renda do pré-sal !!! Não vão permitir.

  12. jarau Postado em 08/Feb/2015 às 18:21

    este cara e réu confesso e a justiça ainda a credita neste peste: Eu peguei propina desde 1997, não sei quem era o presidente, mas o lula e a Dilma pegaram, então você estará livre, vamos condenar o PT. esta é a justiça.