Redação Pragmatismo
Compartilhar
Racismo não 07/Jan/2015 às 19:06
0
Comentários

Jay Z fala sobre racismo nos EUA: "preconceito é ensinado em casa"

Jay Z racismo negro Oprah Winfrey
Jay Z e Oprah Winfrey (Imagem: Pragmatismo Político)

Master Class – série da apresentadora Oprah Winfrey – joga os holofotes sobre vários artistas, escritores, atores e músicos negros norte-americanos, para discutirem o movimento pelos direitos civis. No episódio mais recente, Jay Z falou sobre o papel que o hip-hop tem desempenhado na diminuição das tensões raciais nos Estados Unidos.

Preconceito é ensinado em casa”, disse ele. “Acredito seriamente que o racismo é ensinado quando você é jovem”. Jay Z acrescentou: “Então é muito difícil ensinar racismo quando os seus filhos admiram Snoop Dogg”.

O rapper ainda seguiu: “Acho que o hip-hop fez mais pelas relações sociais do que a maioria dos ícones da cultura. O discurso de Martin Luther King nos fez perceber muitas coisas, a eleição do presidente Barack Obama também, mas o impacto da música, do hip-hop, mais especificamente, não influencia apenas as crianças das áreas urbanas; ela influencia as pessoas em todo o mundo”.

Jay Z também argumenta que o público de uma casa de shows na atualidade é o retrato nítido de como os movimentos pelos direitos civis foram vitoriosos. “Se você olhar a plateia e lembrar como ela se tornou integrada – antes, as pessoas se divertiam em clubes separados, havia os de hip-hop, os de techno – e agora as pessoas se divertem juntas.”

Uma vez que você tem pessoas dançando, se divertindo, cantando juntas a mesma música, a interação flui normalmente após isso e, com o diálogo, nós descobrimos que somos mais parecidos do que distintos”, conclui Jay Z.

Rolling Stones EUA

Recomendados para você

Comentários