Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 24/Oct/2014 às 17:41
29
Comentários

Por que a surpresa com o falso escândalo da Veja?

Não há novidade na capa de Veja. Já se sabia que a revista iria tentar algo assim, com doleiro ou sem doleiro, com denúncia ou sem denúncia, algo baseado na presunção de que o inimigo é sempre culpado, com ou sem provas

capas revista veja

Flávio Aguiar, RBA

Ora, ora: no fundo não há novidade na capa de Veja para este fim de semana eleitoral, acusando a presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula de “já saberem de tudo”, com base em denúncias sem provas de um criminoso.

A gente já sabia que Veja iria tentar algo assim, com doleiro ou sem doleiro, com denúncia ou sem denúncia, algo baseado na presunção de que o inimigo é sempre culpado, com ou sem provas, com credibilidade das denúncias ou sem etc.

Travou-se intensa conspirata jornalística durante esta semana para tirar o PSDB do foco das denúncias do doleiro e concentrar todo o fogo sempre no PT e agora na presidenta Dilma e, inevitavelmente, em Lula.

Neste fim de semana, a direita brasileira e seus arautos estão dormindo com um pesadelo, que pode ser chamado de 12 + 12. São 12 anos em que seu apetite pelo Planalto ficou à míngua. Para o imaginário da direita, a possibilidade de uma vitória da presidenta Dilma Rousseff no domingo representa mais doze anos de seca, pois para ela (a direita) isto significaria a inevitável volta do “intragável” Lula em 2018 e sua reeleição em 2022.

VEJA TAMBÉM: Tentativa de golpe da revista Veja vira piada na internet

É verdade que falta ainda combinar com Lula, que declarou que, se depender dele, não será candidato. Mas para este tipo de direita isto não conta. Ela não aceita ser contrariada, nem mesmo em suas fantasias negativas.

E Veja hoje, além de ser um poço de mau jornalismo, é a vanguarda do jornalismo marrom no Brasil. Uma curiosidade: a origem mais aceita para a expressão “imprensa marrom” no Brasil é de que se trata de uma adaptação da expressão yellow press, termo corrente para a imprensa sensacionalista e até chantagista nos Estados Unidos. “Amarela”, que seria a tradução literal de “yellow”, não pegou. Dizem alguns porque seria uma cor alegre, identificada com a bandeira nacional, com a cor da camiseta da seleção etc. Já marrom seria uma cor que lembra excremento. Há outras versões para a expressão, mas esta é a mais aceita. E Veja faz jus a ela.

A gente já sabia, portanto, que a revista semanal cometeria algo deste tipo. Não surpreende.

Veja também é conhecida por grandes “barrigas” – jargão para erros grosseiros de jornalismo. Como aquele de ter saído saudando a queda do presidente Hugo Chávez, da Venezuela, quando este já estava de volta ao Palácio Presidencial de Miraflores, reconduzido ao poder por um contragolpe fulminante e popular.

A capa de Veja, aliada aos dois pedidos de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, protocolados pelo advogado Luís Carlos Crema ao findar esta semana, mostram o caminho que a direita pretende trilhar, caso a presidenta seja reeleita. Lembram a famosa frase de Carlos Lacerda sobre Vargas:

“O Sr. Getúlio Vargas, senador, não deve ser candidato à presidência. Candidato, não deve ser eleito. Eleito não deve tomar posse. Empossado, devemos recorrer à revolução para impedi-lo de governar.”

“Revolução”, no nosso vocabulário político então corrente, significava simplesmente “movimento armado”, no caso, um golpe militar. Hoje, como não há mais golpes militares no nosso horizonte, o que a direita pode almejar é um golpe a la Paraguai ou Honduras, uma destituição “legal” que impeça o seu pesadelo de se realizar.

Quer dizer: a capa de Veja tem dois alvos simultâneos: a eleição deste domingo e um golpe posterior, o impeachment já sinalizado pelos pedidos de Crema, caso o candidato da direita não consiga vencer.

Portanto, não há nada de novo sob o sol nem sob a chuva. Vindo da Veja, é o que a gente podia esperar.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. luciano Postado em 24/Oct/2014 às 17:59

    tá na cara,que se trata de desespero,vocês acham que já não sabiam que a Dilma vinha crescendo nas pesquisas,eles falam tanto em democracia,mais as opiniões contrarias postadas no sites deles,eles não publicam,só publicam daqueles que concordam com eles.são uns facistas.

  2. Denisbaldo Postado em 24/Oct/2014 às 18:06

    Essa é a "democracia" tanto defendida pela nossa direita. A luta será dura, cada vez pior. Os "escândalos" só existem em um lado, no outro é tudo azul.

    • olivires Postado em 25/Oct/2014 às 09:22

      democracia para essa direita golpista é o direito de sempre eleger o candidato de seu interesse. quando não é eleito, a "democracia falhou", então será preciso tomar outras medidas, como bem exemplificou o texto, na citação de carlos lacerda. há uma famosa frase de henry kissinger, na época que era secretário de estado americano e salvador allende havia ganho as eleições no chile: "não vejo porque temos que ficar parados, enquanto um país se torna comunista". comunismo como sinônimo de quaquer lampejo de pensamento autônomo e desenvolvimentista, que não se alinhe automaticamente aos interesses dos pólos econômicos mundiais. 3 anos depois, allende foi bombardeado e deposto num golpe apoiado pela cia, parecido com o golpe que sofreu zelaya, em honduras; aristide, no haiti; arbenz, na guatemala; torrijos, no panamá; roldós, no equador; jango, no brasil. democracia para essa gente é o "direito" que o povo tem de concordar com o que já está decidido nos corredores do poder econômico.

  3. Vanderlei Postado em 24/Oct/2014 às 18:12

    Nepotismo não passará. DILMA 13

  4. RAFAEL Postado em 24/Oct/2014 às 18:16

    ATÉ ONDE EU SEI, A REPORTAGEM É VERDADEIRA ATÉ O MOMENTO QUE SE PROVAR O CONTRÁRIO!

    • Felipe Postado em 24/Oct/2014 às 18:45

      Não é assim, a reportagem é uma acusação, e quem foi acusado é inocente até que se prove o contrário, sem provas são só boatos.

    • Fabrício Postado em 24/Oct/2014 às 18:46

      Como diria Caetano Veloso. "Rafael, como você é burro. Você é burro, cara". Releia a sua frase e veja que nela não há sentido algum. O ônus da prova cabe ao acusador. Isso não te parece lógico? Senhor, dai-me paciência.

    • Weslei Prado Postado em 24/Oct/2014 às 18:56

      Ok, então eu o acuso de lavagem de dinheiro, de ser cúmplice no caso Alstom e de incitar o ódio. Até que me prove o contrário, você será acusado de tudo isso. (:

    • Cleson Postado em 24/Oct/2014 às 19:07

      Não acredito que acabei de ler isso! Cabe quem faz a denúncia provar e até agora são apenas acusações, pois, até mesmo toda a equipe de advogados do doleiro disse que está "perplexa", já que nem eles sabiam disso, ou seja, a Veja sabe o advogado do cara não sabe? Ele tem que que sair do caso e entregar à Veja.

    • Tiago Postado em 24/Oct/2014 às 19:15

      kkkkkkkkkkkk que burro!! Então é assim que funciona, RAfael? Então vc é uma mula até que me provem o contrário. Direito penal juninho não funciona dessa forma. Vc n pode ficar espalhando notícia até que se prove que o réu é culpado ou inocente. Isso se chama responsabilidade!!!! Supondo: Um menina que é afim de mim, tenta ficar comigo a força! Eu como sou casado não vou querer, porém ela insiste. Ai empurro ela pra tentar fugir e ela machuca o rosto... Ela fica indignada e sai falando pra todo lugar que eu violentei ela e que tentei estuprar. Desta forma vai e abre um processo contra mim. A Veja, antes mesmo de saber se eu sou ou não inocente, já que o processo, me acusa e me chama de estuprador!!!! É essa sua lógica ou você não entendeu?

    • Cícero Postado em 24/Oct/2014 às 20:21

      Hei hei hei, o Rafael é nosso rei! Vamos mantê-lo aqui, sob nosso controle. Ou seria melhor enviá-lo ao Jardins? Eu acho que a segunda opção é melhor. Lá ele convence mais pessoas a votar nulo. Aqui ele não convence ninguém!

    • Rosangela Postado em 24/Oct/2014 às 21:04

      Rafael é o melhor exemplo de como pensam os leitores da Veja!

    • Claudia Postado em 25/Oct/2014 às 01:07

      É melhor se informa moço, porque a lei é clara, de acordo com o Código Penal: "Todo culpado é inocente até que se prove o contrário" Mas claro que como vc certamente é tucanista, há de interpretar da forma que descreveu, afinal são dois pesos e duas medidas.

  5. Rocken Postado em 24/Oct/2014 às 18:21

    "redemocratizaram" o pais mas não mudaram em nada a grande imprensa(aquela que não destruiram é claro), este fim de ditadura de 1984 foi a coisa mais falsa que já existiu, fizeram só por conveniência mas não tinha intenção democrática, enganaram até os mais espertos, é só ver o histórico, Sarney da ARENA, Color apoiado por PFL, FHC apoiado por PFL também, Lula e Vargas salvaram a pátria, mas foram e são sempre hostilizados pelos golpistas

  6. Rodrigo Postado em 24/Oct/2014 às 19:04

    Até onde vai a ignorância, um dia a mídia vai escrever: "O Rafael é um completo imbecil". E isto vai ser verdade, pois a mídia elitista escreveu. E nas palavras do próprio incauto: a reportagem é verdadeira até que provem o contrário. Parabéns cara, se tivesse um trofeu do mais infeliz você ganharia. Volta para o buraco da onde saiu ignóbil.

  7. Diego Postado em 24/Oct/2014 às 19:52

    Essa democracia que nós aparentemente vivemos não tem sentido algum se continuarmos com o nível sensacionalista que as grandes corporações de mídia fazem no Brasil. A grande verdade é que as Instituições, ainda que tentem fazer seu papel constitucional, de nada vale enquanto não houver uma reforma verdadeira na comunicação brasileira. Esta, aliada às grandes empreiteras e aos bancos, são as instituições que governam esse país.

  8. MarinaJaEra Postado em 24/Oct/2014 às 20:10

    Pessoal, não espantem o Rafael. Este cara não sabe o que fala. Vamos mantê-lo por perto! Temos grandes chances de convencê-lo a votar na Marina.

  9. Carlos Augusto Postado em 24/Oct/2014 às 20:11

    Falso? Vcs confiam no governo petista ou em uma simples revista, existe um delator não colocaria a vida em risco atoa.

  10. vitor Postado em 24/Oct/2014 às 20:23

    esse escandalo vai passar na grobo?

  11. vitor Postado em 24/Oct/2014 às 20:25

    fora do horario obrigatorio...

  12. Henrique Tavares Postado em 24/Oct/2014 às 21:16

    Mas agora é sério, sem partidarismos... Vocês acham mesmo que Lula e Dilma não sabiam de nada disso??

    • Rocken Postado em 25/Oct/2014 às 01:05

      acho que sabiam, a campanha deles depende disso, mas pelo menos eles se posicionam a favor do fim do financiamento das empresas, a gang do PSDB e a mídia até agora estão adorando esses escândalos e não se posicionaram contra até agora, e você? acha que isso vai acabar sem a Globo deixar de ser bandida?

  13. Jeison Marques Postado em 24/Oct/2014 às 22:26

    Cara... Eu fico estarrecido com uma coisa dessas!!! No Brasil, todos já sabem: você é culpado até que se prove o contrário!! Todo político é corrupto!! Então, eu não fico surpreso com uma notícia dessa. Lula e Dilma já sabiam, com toda certeza. Não digo que eles recebiam algo, mas que sabia, sabia. Do mesmo jeito que o Aécio também sabia. Um rombo desses na Petrobrás não tem como passar despercebido. Só se eles forem muito ingênuos. Agora, a Veja é de direita, e o pragmatismo político é de esquerda. A única coisa que eles se assemelham é que TODOS, eu disse TODOS são elite!!! Dilma, apesar de ser de esquerda, é da elite, Aécio é da elite. Eles só vão na periferia em época de campanha eleitoral. Na verdade eles estão dando a mínima pra vocês!!! Se eles fazem projetos sociais e econômicos, são para arrecadar votos e garantir mais quatro anos. Tudo tem o "jeitinho brasileiro". Temos que ensinar é para os nossos filhos por que a nossa geração já está contaminada com esse mal que assombra e devora o nosso país. Infelizmente, não tem mais jeito, nosso país já está condenado. Talvez daqui a cem anos comece a melhorar. Quantos aqui só acompanha a campanha eleitoral? Depois não quer mais nem saber de política. O pior analfabeto que existe é o analfabeto político. Diz que entende de política, mas na verdade apenas copia o que se ouve falando por aí. Uma das disciplinas que deveriam ser obrigatórias na sala de aula era política. Não a política partidária, mas sim ensinar como o cidadão deve agir e pensar antes de usar a urna. Por que muita gente a usa como pinico.

    • Gildasio Oliveira Postado em 25/Oct/2014 às 03:48

      Isso... a menos que você seja do PSDB, é culpado até provar o contrário... mas para os do PSDB não funciona assim; eles são inocentes até que se prove o contrário.... dois pesos e duas medidas... Aliás, a VEJA poderia destruir com vantagens o Estado Democrático de Direito, pois usurpou as funções do MPF, do STF, do TSE, da Policia Federal, e me perdoem os que eu omiti... legal, não? Caro Jeison, o que o Brasileiro está aprendendo é perder a mania de ir na conversa mole de uma revista historicamente elitista e de ultra-direita, que serve chorume da Guerra Fria até hoje. Um dia - e esse dia chegou - o Brasileiro vai dar um basta a esses golpes sórdidos.

    • Daniel Duarte Postado em 25/Oct/2014 às 11:59

      Marques, cai por terra sua afirmação da desinformação do povo da parte média-baixa da pirâmide social, quando vejo pensadores iluminados como:Caetano Veloso, Chico Buarque, Gilberto Gil, e outros e outros intelectuais votarem com o que está aí, por quê sabem o que fazem com seu voto. Quanto a massa ela sabe e sentiu na pele e na alma as diferenças empíricas nos governos modos de cada governo, que se passou últimos 20 anos

  14. Fábio Postado em 25/Oct/2014 às 02:59

    Caros amigos leitores do Pragmatismo Político, procurem na internet por "Depoimento do Doleiro Alberto Youssef Áudio Completo". A revista teve acesso ao conteúdo e o expôs em sua edição. Só isso! Na própria capa está escrito claramente que o doleiro fez uma revelação à PF que Lula e Dilma Rousseff tinham conhecimento. Se querem chamar alguém de mentiroso, chamem o Youssef, mas não o veículo que apenas expôs o conteúdo do depoimento!! Forte abraço a todos! Forte abraço a todos!!

  15. Rodrigo Postado em 25/Oct/2014 às 03:40

    Somente desespero, não vamos dar um passo atrás, para frente é que se anda.Dilma 13

  16. Maria de Lourdes Fioravan Postado em 25/Oct/2014 às 10:28

    É JEISON,VC acha que com a "educação" de MG e os DESVIOS de AÉCIO daqui a 100 ANOS o BRASIL vai MEHORAR???!!!!TEM que SER agora,para ESSA JUVENTUDE e TODOS NÓS LUTARMOS pelo POSSÌVEL,:a REFORMA POLITICA e as DEMAIS que o CONGRESSO não DISCUTE!!!!COMECEMOS ELEGENDO DILMA,CORAÇÃO VALENTE!!!

  17. Roberto Pedroso Postado em 26/Oct/2014 às 11:04

    justamente as denuncias precisam ser investigadas e após sua comprovação os culpados devem ser submetidos aos rigores da lei agora realizar vazamento seletivo de um depoimento emitido por um criminoso (sendo portanto o depoente uma fonte não muito fidedigna de informação seus dados e depoimentos apresentados através da prerrogativa de delação premiada necessitam de ampla investigação para sua comprovação efetiva)o peso valor e importância do depoimento deste individuo ainda carece de investigação rigorosa,a revista Veja sabe muito bem disso e contraria qualquer manual ético de jornalismo ao antecipar a publicação com claras intenções eleitoreiras e ainda se declara como um veiculo de informação!é desde muito tempo um veiculo de propaganda politica anti-petista e essa ultima cartada é prova irrefutável disso.Acreditar na isenção e lisura desta revista ficou impossível!