Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 31/Oct/2014 às 18:58
61
Comentários

Homem que ameaçou Dilma se justifica: "foi só uma brincadeira"

"Esta é para você, Dilma. Estou só esperando o toque da corneta". Homem que postou foto ameaçando Dilma com suposta bala de fuzil se explica após repercussão: "Foi uma brincadeira. Nunca fiz mal a ninguém"

dilma ameaçada morte foto
Renato Paschoal Fernandes foi identificado como oficial da reserva do Exército (reprodução)

Jorge Lima, Jornal GGN

Um ex-aluno do CPOR publicou no Facebook uma foto onde mostra um cartucho de fuzil e diz “Esta é para ti, Dilma. Estou só esperando o toque da corneta.” O indivíduo vestia um uniforme do Exército Brasileiro, com as insígnias de oficial. Após a foto se tornar de conhecimento público, a conta foi apagada, e, entrevistado, o indivíduo afirmou que era uma brincadeira, e que alguém tornara a foto pública, o que não seria sua intenção. “Foi uma brincadeira. Obviamente, não foi uma coisa legal o que eu coloquei, é ambígua a foto, mas eu não sou terrorista, nunca fiz mal a ninguém”, disse.

Questionados por reportagem do G1, o Ministério da Defesa e a Polícia Federal deram as seguintes explicações: segundo o MD, o autor da ameaça serviu ao Exército em 1998, e não faz mais parte dos quadros da Força. O objeto exposto na foto é um chaveiro, portanto não há razão para que se investigue o fato. O uniforme usado no foto já não é mais usado, e o indivíduo apresenta-se com a barba por fazer, o que fere os regulamentos militares. Já a PF foi mais sucinta, dizendo que não cabe investigação por não se tratar de munição real.

SAIBA MAIS: Eleitores de Aécio recorrem ao Exército e pedem Golpe Militar

Quanto ao GSI, responsável pela segurança da titular da Presidência da República, não há qualquer menção ao que pensa sobre o fato, e quais providências tomou em relação a ele, se é que tomou alguma. Sequer foi questionado pela reportagem. Tampouco saberemos por outros meios, porque é óbvio que tudo que se refere à segurança do ocupante da cadeira é secreto.

O que fica exposto é como as instituições são, ou parecem ser, inconsequentes no trato com algo dessa gravidade. Se era um cartucho de munição ou um chaveiro é questão de nenhuma importância no contexto do fato. A foto foi publicado no Facebook na noite de domingo, logo após o anúncio do resultado da eleição presidencial. A gravidade do gesto, amplificada pelo momento da publicação, em que as redes socias fervilhavam de manifestações e ódio e preconceito, é que deve ser levada em conta. O crime de Ameaça, Art. 147 do CPB, é tipificado como “Ameaçar alguém, por palavra, escrito ou gesto, de causar-lhe mal injusto e grave” é bem claro quanto a isso, e ajusta-se perfeitamente ao simbolismo da imagem.

É rísivel, para não dizer pior, que o Ministério da Defesa e a Polícia Federal se agarrem ao fato de que não era um cartucho de munição, mas um chaveiro, para justificar a inércia diante dessa atrocidade. Experimente alguém publicar um vídeo ou uma foto dessa natureza nos EUA, e pode contar em minutos o tempo em que terá a casa invadida pelas equipes táticas do DHS, do FBI e do Serviço Secreto. Com a consequente condução a algum lugar secreto de detenção, onde terá alguns anos para meditar sobre a besteira que fez, nos intervalos dos interrogatórios e das sessões de “waterboarding”.

No Brasil parece haver uma dificuldade imensa em se aprender com o passado. Nunca tivemos um presidente assassinado, ao contrário dos EUA que já tiveram Lincoln e Kennedy, para ficar nos mais conhecidos. Por isso lá essas coisas são levadas muito a sério. Israel também já teve seu quinhão, com Yitzhak Rabin. Segundo o documentário “Os Guardiões”, em que são entrevistados os seis últimos diretores do Shin Bet, Rabin foi morto por um extremista de direita em um momento político muito semelhante ao que vivemos hoje, onde pessoas são objeto do ódio de parcela significativa da população.

O caso do sequestro do hotel em Brasília deixou bem claro que há pessoas dispostas a desbordar dos comentários raivosos e partir para a ação violenta. Como a arma e o colete eram fakes, tratou-se do assunto como o surto psicótico de um indivíduo doente. Quem acreditar nesse simplismo, está sendo ingênuo. Foi só a primeira demonstração de onde se pode chegar com o radicalismo que domina muitas cabeças. Muitas mais do que se pode avaliar. É terreno fértil para a proliferação de malucos de todos os tipos, inclusive daqueles que nada mais querem do que deixar sua marca na história, como Mark Chapmann, o assassino de John Lennon.

LEIA TAMBÉM: O dia depois de amanhã!

Existem por aí pessoas que sonham em matar a Dilma ou o Lula. Eles sabem, e nós sabemos, que quem fizesse isso seria idolatrado por milhões de pessoas. Todos esses que vomitam ódio nos comentários de noticias e nas redes sociais. Por isso é recomendável levar muito a sério esse tipo de ameaça e tratá-las com o rigor devido. Antes que seja tarde.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. poliana Postado em 31/Oct/2014 às 19:03

    esse infeliz tem q ser expulso do exército! q absurdo meu deus!! nojo desse verme!!!!

    • poliana Postado em 31/Oct/2014 às 19:09

      "O objeto exposto na foto é um chaveiro, portanto não há razão para que se investigue o fato."..ah claro, uma "simples" ameaça à presidente da república, n necessita de investigação não..é só um mísero chaveiro na foto!!! qto descaso vindo do MD...realmente, lamentável!

      • yuri Postado em 01/Nov/2014 às 10:22

        ele ia dar um cordao a ela pow....nd a ver....

      • melissa Postado em 01/Nov/2014 às 10:43

        Ha razão sim, pq ele está com uma farda.

    • Luis Postado em 31/Oct/2014 às 19:11

      se vc lesse veria que desde 1998 ele não está no exército, mas nem é essa a questão levantada, a questão é que as instituições deveriam levar a sério esse tipo de ameaça e investigar.

    • Diego Postado em 31/Oct/2014 às 19:25

      Recomendo que releia a matéria

    • Paula Postado em 31/Oct/2014 às 20:08

      kkkkkkk ser expulso. Lê a matéria antes de comentar.

    • Andre CdE Postado em 01/Nov/2014 às 22:05

      Não sabe ler não??? Ele serviu o EB em 98. Já saiu faz tempo. Qdo tu deseja que os sulistas morram é uma brincadeira tb???

  2. joelma do calypso Postado em 31/Oct/2014 às 19:07

    tem que ler a notícia poliana, putz

  3. Juares Postado em 31/Oct/2014 às 19:12

    Se cagou como todos os outros que falam as coisas, se dizem macho mas na hora da verdade se cagam...

  4. Leici Postado em 31/Oct/2014 às 19:14

    Aí vem pessoas do quilate de Lobão dizer que vivemos no Brasil uma ditadura, que as pessoas não tem liberdade de expressão. Nos EUA, para onde ele disse que iria se Dilma ganhasse as eleições, ele não poderia ameaçar livremente o presidente. De fato, o que se viu nesse ano foi uma direita raivosa, espumando de raiva. Raiva essa que já transbordou para atos concretos, e se nada for feito, mais malucos podem sair por aí agredindo ou até atentando contra a vida de quem não tem a mesma posição política deles.

    • Verônica Assis Postado em 01/Nov/2014 às 15:54

      Excelente!

  5. Thiago Teixeira Postado em 31/Oct/2014 às 19:16

    Faça isso lá na Coréia do Norte com o Kim Jon Un seu valentão. Ameaçar uma senhora é fácil.

    • Everton Postado em 01/Nov/2014 às 13:05

      Verdade! Além do mais trata-se de uma mulher, mãe, vó e a maior autoridade brasileira! Não concordar com a forma que o Brasil é governado é normal, agora ameaçar a vida da Presidenta é inaceitável, como seria ameaçar qualquer outro cidadão.

  6. André Anlub Postado em 31/Oct/2014 às 19:16

    Pra fingir que é macho ele foi levando a coisa a sério; Quando sujou, "arregou", e disse se tratar de brincadeira.

    • Eduardo Postado em 01/Nov/2014 às 00:13

      agora que ele brinque de pagar pela ameaça à INSTITUIÇÃO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, que ele como eu fui treinado e ensinado que deveria defender.

      • Salomon Postado em 01/Nov/2014 às 07:34

        Também sou oficial da reserva e fiz o juramento de dedicação ao serviço da pátria, defendendo sua honra, integridade e instituições, com o sacrifício da própria vida. O EB não pode aparelhar e treinar um indivíduo com conhecimento de guerra e deixar que fique à revelia, sem qualquer freio. Existem regulamentos da Força que se sobrepõem às normas civis, que transcendem o ordenamento jurídico das pessoas e que deveriam ser aplicados ao caso. Um fanático como esse, com conhecimento para matar, deve ser monitorado. E é isso que as instituições deveriam estar fazendo.

  7. Renata Postado em 31/Oct/2014 às 19:21

    O que se esperar de um país que não pune pessoas que ofendem e ameaçam a presidente da República e saem ilesos? Nos EUA já estaria preso por terrorismo.

  8. Deisi Postado em 31/Oct/2014 às 19:23

    Deveria buscar uma vaga para humor negro e desrespeitoso junto com Gentilli e Roger lá no SBT.

  9. André Campello Postado em 31/Oct/2014 às 19:29

    Com mais essa para encerrar o dia, depois da leseira do caso da moça de NY e do meliante do RJ, a página do Pragmatismo Político está se superando em asneiras. Efetivamente, está faltando o que comentar. À guisa de sugestão, postem algo sobre os números negativos da economia, que só agora, passadas as eleições, foram divulgados pelos corruPTos.

    • Braga Postado em 01/Nov/2014 às 00:02

      Cara, vc não entendeu que isso NÃO TEM A VER com posição política, partidos, PT e o car..lho a 4? Queira você ou não,se trata da presidente da república e o cara está ameaçando COM UNIFORME DO EXÉRCITO, que preza pela segurança do país. Isso é simplesmente inaceitável em QUALQUER lugar.

    • Salomon Postado em 01/Nov/2014 às 08:58

      Vocês, coxinhas, dão tanta importância à economia que chega a ser cômico. A economia está a serviço do povo e não o povo a serviço da economia. A economia é um meio e não um fim. Percebe a diferença? Não? Talvez seja sutil demais para quem não se preocupa com emprego, educação, igualdade de oportunidades, renda e soberania popular.

    • Ronaldo Postado em 03/Nov/2014 às 13:30

      André Campello, VOCÊ É UM IDIOTA! Sem mais.

  10. Antonio Carlos Postado em 31/Oct/2014 às 19:46

    Nossa como têm idiota fazendo idiotice. Esse tipo de gente não acaba... Impressionante.

  11. João Vieira Jr. Postado em 31/Oct/2014 às 20:05

    Quando um assaltante usa arma de brinquedo para cometer delitos o crime é punível. Por que esse crime não?

  12. Divanildo Matias Postado em 31/Oct/2014 às 20:20

    A segurança da nossa presidente é muito passiva e democrática de ataques,eu não sou especialista em segurança. Mas um outro dia vi pela internet uma senhora contaminada pela cólera raivosa dizendo que queria ver Dilma morta.Então saibam GSI que o ser humano não se expressa só pelas palavras, 70% se expressão pelos gestos e maneiras de se vestir e ate mesmo pelo modo de usar o cabelo.

  13. maria Postado em 31/Oct/2014 às 20:40

    se ele tivesse xingado jogador de futebol era outra historia né, Brasil um pais de hipocritas

  14. David Postado em 31/Oct/2014 às 20:46

    Que babaca...se expondo dessa maneira, sem necessidade!

  15. vilmar Postado em 31/Oct/2014 às 21:04

    se é na coreia do norte com o ditador Kim Jon Un, ele não ia ter chance nem de abrir a boca pra dizer que é brincadeira,

    • stella Postado em 01/Nov/2014 às 09:36

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Verdade! Ele abriria a boca pra engolir uma bala de canhão.

  16. Márcio Reis Postado em 31/Oct/2014 às 21:06

    Não tem nada de brincadeira nisso. "O homem bom tira coisas boas do bom tesouro que está em seu coração, e o homem mau tira coisas más do mal que está em seu coração, porque a boca fala do que o coração está cheio." (Lc 6, 45)

  17. Luciano Postado em 31/Oct/2014 às 21:14

    Um oficial da reserva do Exército Brasileiro ameaçando a comandante em chefe da Força deveria ser processado e perder o posto.

  18. sonia Postado em 31/Oct/2014 às 22:12

    Acho que essa ameaça deveria ser levada à sério. O indivíduo tem cara de bandido!

  19. i b melo Postado em 31/Oct/2014 às 22:46

    São posicionamentos oficiais contra uma ameaça verdadeira. Toda ameaça é simbólica. As declarações dadas pelos órgãos oficiais sobre o caso são muito, muito preocupantes. A Presidência da República, ou sua titular não estão sendo respeitadas em seu simbolismo e grau de importância. Parece nada significar. Se hoje derem um tapa na Presidenta, o máximo que será lavrado é um TCO. Muito preocupante, muito preocupante o posicionamento do Exército e da Policia Federal.

  20. Pablo Postado em 31/Oct/2014 às 22:53

    Infelizmente, se fossem tomadas atitudes mais rígidas sobre este caso, não faltariam pessoas contrárias ao governo invocando toda a sorte de direitos e classificando tais atitudes como bolivarianas, autoritárias, bolcheviques...

  21. Rodrigo Postado em 31/Oct/2014 às 23:27

    Como assim o Brasil nunca teve um presidente assassinado? E o JK, e o Jango, parece que as pessoas acreditam em Papai Noel, só assim para crer que estes dois não foram liquidados.

  22. Henrique Men Postado em 31/Oct/2014 às 23:31

    Não me interessa, ele ameaçou a Comandante Suprema das Forças Armadas, e ele pode ser sim, expulso do Quadro dos Oficiais da Reserva do Exercito. Porque amanhã ele pode ser convocado e integrar o Quadro das forças Armadas como Oficial R/2. Ele possue inclusive Carta Patente de Oficial da Reserva do Exercito Brasileiro. Só não é expulso se houver conivencia do General Comandante do Exercito General de Exercito Enzo Martins Peri.

  23. João Postado em 31/Oct/2014 às 23:34

    O crime, diz a doutrina e a jurisprudência, só se confirma quando há, de fato, possibilidade de concretizar a ameaça feita. De qualquer maneira, me causa espécie que se exalte os métodos autoritários do Estado Policial que se tornou nosso "vizinho" do norte. Não retorcer os fatos e a lei apenas pela suposta vítima se tratar da Presidente da República é um show da democracia. De fato, tentar o contrário legítima os absurdos que a direita diz sobre o caráter autoritário do governo petista. Enquan

  24. Ana Lúcia Postado em 31/Oct/2014 às 23:37

    Isso é um absurdo. E absurdo maior ainda é não se fazer nada a respeito. Fechar os olhos e fingir que tá tudo bem, que isso não passou de uma brincadeirinha, como assim? Sinceramente, não estou entendendo mais nada!

  25. Daniel Postado em 01/Nov/2014 às 01:32

    desde de quando ameaça de morte é brincadeira? que infeliz.

  26. aldemir Postado em 01/Nov/2014 às 01:34

    isso tem que ser tratado como crime de ameaça de morte,pode ser um chaveiro mas todo mundo enxergou uma bala de fuzil,isso então da o direito de alguém empunhar uma arma de brinquedo que tem muita semelhança com uma verdadeira e tirar uma foto ameaçando alguém e instigando as pessoas a se acharem no direito de ameaçarem uma autoridade também,uns anos de cadeia iam ensinar ele a não brincar com coisa séria.

  27. Elizabete Postado em 01/Nov/2014 às 07:29

    Esse homem merecia ser punido pela justiça.

  28. Paulo Postado em 01/Nov/2014 às 08:47

    Está cada vez mais difícil manter o respeito por uma presidente que fica inerte diante disso. Se fosse em qualquer outro país, sério ou não, o criminosos estaria preso incomunicável e a presidência faria questão de mostrar bem claramente como se faz com criminosos assim.

  29. Aristóteles Postado em 01/Nov/2014 às 10:30

    Rapaz: não se brinca usando a farda do Exército Brasileiro! Você tem que cumprir uma cadeia bem boa, além de outras penalidades cabíveis.

  30. Nonato costa melo Postado em 01/Nov/2014 às 10:49

    Deve sim colocar um psicopata desse para fora da sociedade o mais rápido?

  31. R Paulino Postado em 01/Nov/2014 às 11:44

    E ainda tem coxinha q fala q nao tem liberdade deexpressao! Ah vah, esse cara devia ser no minimo processado, pra aprender q nao pode sair falando oq quer na net. Essas 'brincadeirinhas' nao devem virar coisa normal na rede. Nesse caso o governo deveria sim tomar uma providencia, ou isso vai virar bagunça!!!

  32. Melissa Postado em 01/Nov/2014 às 11:55

    Quem tem c*, tem medo?

  33. Eduardo Postado em 01/Nov/2014 às 13:20

    Já conheci alguns que saíram do CPOR e ficaram meio xaropes. Eles não são coisa nenhuma e se acham os Guardiões da Galáxia.

  34. Diego Postado em 01/Nov/2014 às 15:39

    Mas se isso fosse nos EUA... Já estaria atrás das grades, senão morto.

  35. L. C. Anjos Postado em 01/Nov/2014 às 17:31

    Só fiquei com uma dúvida... a única justificativa para não investigar o fato foi que o objeto exposto na foto era um chaveiro? Então, quer dizer que se ele não exibiu armamento ou munição reais na foto retirada por ele próprio, fica comprovado que ele não possui nenhum tipo de armamento ou munição reais em baixo da cama? Ah, tá... o que ele mostrou na foto é só um chaveiro, portanto, pela lógica.... é IMPOSSÍVEL que ele tenha algum armamento ou munição reais em casa. Sério, Polícia Federal? Sério Ministério da Defesa?

  36. Celio Bernstein Postado em 01/Nov/2014 às 18:02

    Não apenas nos EUA, mas em qualquer país sério, este sujeito sofreria sérias consequências por esta atitude. E ainda aparecem os "conservas" histéricos dizendo por aí que vivemos em uma ditadura comunista (afff). Muito pelo contrário, a liberdade de expressão no Brasil está beirando a libertinagem.

  37. Cursino Postado em 01/Nov/2014 às 21:13

    No meu entendimento a ameaça do cidadão em questão feriu a Lei de Segurança Nacional. Pois, ele ameaçou a Presidência da República. Assim posto, o Poder Público (MD) e a Polícia Federal não deveriam deixar de lado a questão com base nas declarações apresentadas pelo indivíduo, com a simples alegação de que era apenas uma brincadeira. Não deveriam os Poderes Públicos envolvidos na investigação deixar o caso como aparentemente o fizeram. Quanto ao MD creio que devemos realçar que o indivíduo praticou falsidade ideológica ao dar o entendimento de que era um oficial da ativa do Exército Brasileiro. Quanto à Polícia Federal, penso que deveria enquadrar o sujeito na Lei de Segurança Nacional. Quem são os elementos que induziram o tal sujeito a fazer esta ameaça a nossa Presidente da República?

  38. Daneil Postado em 02/Nov/2014 às 08:25

    Me assustou o fato de a reportagem fazer menção às torturas praticadas pelo governo dos EUA, como se fosse algo adequado de se fazer numa situação dessa. Se tá provado que a ameaça não foi real, e que o sujeito não representa perigo algum, pra que sugerir isso? Mesmo se fosse real, será que esse é o caminho que deveríamos tomar? Nós já tivemos 2 regimes fascistas na nossa história, e devíamos aprender que o respeito à democracia e aos direitos humanos deve ser nosso guia.

  39. Diego Cardiel Brandão Postado em 02/Nov/2014 às 11:09

    Se esse país for sério, esse cara vai ser exonerado, e a ABIN vai por a vida dele de ponta a cabeça... Privacidade no telefone nunca mais! E nada no sentido de punição (ainda cabe o devido processo legal). Questão de segurança de Estado mesmo.

  40. heliodorio martins Postado em 02/Nov/2014 às 12:54

    Alguem sabe aonde anda aquele mequetrefe que ia hastear a bandeira do sul é meu pais? Seguramente esse idiota vai demorar a aparecer!

  41. Andre CdE Postado em 02/Nov/2014 às 15:22

    Esses petistas se acham no direito de ofender, mas não aceitam serem ofendidos. É a política de coerência petista.

  42. Luiz Souza Postado em 02/Nov/2014 às 15:26

    É tão importante?

  43. jan suc Postado em 02/Nov/2014 às 17:17

    Resumindo,para o MD,não faz mais parte dos quadros . O uniforme ultrapassado e a apresentação pessoal , fere os regulamentos militares. Já a PF, mais um fazendo brincadeira imbecil na rede.

  44. Luiz Souza Postado em 02/Nov/2014 às 17:53

    Para os que pensam viver numa ditadura: será que um livro chamado Garrastazu É Minha Anta sairia do prelo em 1971?

  45. Heloísa Coellho Postado em 03/Nov/2014 às 00:06

    Se for verdade, é crime de ameaça. Se for mentira, é crime de peculato, porque está com farda e munição da União. Em qualquer caso, o Ministério Público Federal Militar é obrigado a requisitar a abertura de Inquérito Policial Militar.

  46. Paulo Postado em 03/Nov/2014 às 11:03

    o Machão agora vira mocinha!!..kkkkkkk...